Lista de guerras bizantinas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Esta é uma lista de guerras ou conflitos externos travados no decorrer da história do Império Romano do Oriente ou Império Bizantino (330 - 1453). A definição abrange qualquer conflito externo declarado pelo governo do império. Para os conflitos e revoltas internos veja Lista de revoltas e guerras civis do Império Bizantino.

Século V[editar | editar código-fonte]

Século VI[editar | editar código-fonte]

Século VII[editar | editar código-fonte]

Século VIII[editar | editar código-fonte]

  • 708: Guerra contra a Bulgária termina em derrota na Batalha de Anquíalo.
  • 720–740 : Expedições militares árabes anuais (sauaife) contra os bizantinos na Anatólia recomeçam. A resistência cada vez mais feroz dos bizantinos resultam na vitória em Acroino em 740.
  • 741–752: Campanhas de Constantino V contra os árabes que, envolvidos numa guerra civil, perderam toda a Armênia e Chipre.
  • 755–767: Guerra contra o Império Búlgaro. Constantino V derrota o cã búlgaro Telets, levando a um tratado de paz favorável em 767.
  • 772–775: Guerra contra os búlgaros sob Telerigue iniciada como um ataque preemptivo por Constantino V.
  • 775–783: Guerra contra o Califado Abássida. Após a morte de Constantino V, em 775, os raides árabes recomeçaram. Após uma pesada derrota em Germaniceia em 779-780, os abássidas lançaram uma série de invasões sob o comando de Harune Arraxide, que levaram a uma trégua em 783.
  • 780–783: Raides pelos búlgaros sob Cardam e que levaram à assinatura de um tratado de não-agressão em troca de tributos anuais.
  • 783: Expedições de Estaurácio contra a esclavenos da Grécia.
  • 791–792 e 796: Campanhas contra os búlgaros sob Constantino VI terminam em derrota na Batalha de Marcela.
  • 797–798: Invasão em grande escala liderada por Harune Arraxide resulta no retorno dos pagamentos anuais ao Califado em troca de paz.

Século IX[editar | editar código-fonte]

Século X[editar | editar código-fonte]

Século XI[editar | editar código-fonte]

Século XII[editar | editar código-fonte]

Século XIII[editar | editar código-fonte]

Século XIV[editar | editar código-fonte]

Século XV[editar | editar código-fonte]

Referências