Califado Ortodoxo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Califado Ortodoxo
632 — 661 
Rashidun654wVassal.png
Califado Ortodoxo (verde escuro) em seu auge em 654, incluindo os seus estados vassalos (verde claro).
Região Eurásia
Capitais
Países atuais

Línguas oficiais
Religião Islamismo
Moeda

Forma de governo Teocracia
Califa
Miralmuminim
• 632-634  Abacar
• 656-661  Ali

Período histórico Idade Média
• 632  Morte de Maomé
• 661  Morte de Ali

O Califado Ortodoxo ou Califado Bem-guiado (em árabe: ٱلْخِلَافَة ٱلرَّاشِدَة, lit. 'al-Khilāfaṫur-Rāshidah') foi um império árabe islâmico fundado em 632, após a morte de Maomé, que durou até 661. Foi governado pelos primeiros quatro califas do Islão, conhecidos como os "califas bem guiados". O califado foi fundado por Abacar, sogro de Maomé, que sucedeu a este como líder da Ummah (comunidade do islão) após sua morte. No seu auge, os territórios do califado incluíam a Arábia, Levante e Pérsia e parte da Anatólia, Ásia Central, Cáucaso, Chipre e Norte de África, o que fez dele um maiores impérios da história. O império teve duas capitais: Medina e Cufa.

Origem[editar | editar código-fonte]

Depois da morte de Maomé em 632, os ansar (cidadãos de Medina que ajudaram Maomé) debateram qual deles iria suceder ao profeta na gestão dos assuntos dos muçulmanos enquanto a família de Maomé estava ocupada com o enterro. Abu Ubaibá ibne Aljarrá e Omar, membros da tribo dos coraixitas e proeminentes companheiros do profeta, apoiaram Abacar, que se tornaria assim o primeiro califa Raçul Alá (sucessor do mensageiro de Alá). O califado então criado embarcou numa campanha para propagar o Islão e divulgar a mensagem de Alá.

Califas bem guiados[editar | editar código-fonte]

Os quatro líderes do Califado Ortodoxo são conhecidos na tradição muçulmana sunita como "califas bem guiados" ou "califas ortodoxos" (em árabe: الخلفاء الراشدون; transl.:  al-julafā' ar-rāshidūn); os sunitas de língua urdu por vezes chamam-lhes os "quatro amigos" (چار یار, chaar yaar). Os quatro eram companheiros muito próximos do profeta e foram eleitos por aclamação da comunidade de crentes, ao contrário dos seus sucessores omíadas e abássidas, cuja sucessão era hereditária.

Para os carijitas não houve mais que dois califas "bem guiados", já que, segundo eles, só os califados de Otomão e Ali foram bem guiados. Outras correntes incluem a Haçane ibne Ali como o quinto califa raxide (rāshid). Segundo os xiitas, o primeiro califa foi Ali seguido dos Imãs xiitas, pois teria sido ele o sucessor designado por Maomé.

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Califado Ortodoxo