Califado Ortodoxo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Califado Ortodoxo
632 — 661 
Rashidun654wVassal.png
Califado Ortodoxo (verde escuro) em seu auge em 654, incluindo os seus estados vassalos (verde claro).
Região Eurásia
Capitais
Países atuais

Línguas oficiais
Religião Islamismo
Moeda

Forma de governo Teocracia
Califa
• 632-634  Abacar[2]
• 656-661  Ali[2]

Período histórico Idade Média
• 632  Morte de Maomé[2]
• 661  Morte de Ali[2]

Califado Ortodoxo ou Califado Bem-guiado (em árabe: ٱلْخِلَافَة ٱلرَّاشِدَة, lit. 'Al-Khilāfaṫur Ar-Rāshidah') foi um império árabe islâmico fundado em 632, após a morte de Maomé, que durou até 661. Foi governado pelos primeiros quatro califas do Islão, conhecidos como os "califas bem guiados". Foi fundado por Abacar. No seu auge, os territórios do califado incluíam a Arábia, Levante, Pérsia, Egito e Cáucaso.[2]

Referências

  1. a b Miles 1991, p. 319-320.
  2. a b c d e Editores 1998.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Miles, G. C. (1991). «Dinar». The Encyclopedia of Islam, New Edition, Volume II: C–G. Leida e Nova Iorque: BRILL. ISBN 90-04-07026-5 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Califado Ortodoxo