Idade Contemporânea

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
História
Pré-História
Idade
da Pedra
Paleolítico
Mesolítico
Neolítico
Idade dos Metais
Idade do Cobre
Idade do Bronze
Idade do Ferro
Idade Antiga
Antiguidade Oriental
Antiguidade clássica
Antiguidade tardia
Idade Média
Alta Idade Média
Baixa Idade Média
Idade Moderna
Idade Contemporânea
 v  e 

A Idade Contemporânea, também chamada de Contemporaneidade, é o período específico atual da história do mundo ocidental, iniciado a partir da Revolução Francesa no século XVIII (1789 d.C.).[1]

O seu início foi bastante marcado pela corrente filosófica iluminista, que elevava a importância da razão. Havia um sentimento de que as ciências iriam sempre descobrindo novas soluções para os problemas humanos e que a civilização humana progredia a cada ano com os novos conhecimentos adquiridos.

A Contemporaneidade está marcada de maneira geral, pelo desenvolvimento e consolidação do regime capitalista no ocidente e, consequentemente pelas disputas das grandes potências europeias por territórios, matérias-primas e mercados consumidores.

Com o evento das duas grandes guerras mundiais o ceticismo imperou no mundo, com a percepção que nações consideradas tão avançadas e instruídas eram capazes de cometer atrocidades dignas de bárbaros. Decorre daí o conceito de que a classificação de nações mais desenvolvidas e nações menos desenvolvidas tem limitações de aplicação.

Atualmente está havendo uma especulação a respeito de quando essa era irá acabar, e por tabela, a respeito da eficiência atual do modelo europeu da divisão histórica.

Linha do tempo[editar | editar código-fonte]

Século XVIII[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Século XVIII

Século XIX[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Século XIX

Século XX[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Século XX

Século XXI[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Século XXI

Referências