Império Tu'i Tonga

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
   |- style="font-size: 85%;"
       |Erro::  valor não especificado para "nome_comum"
   


Império Tu'i Tonga
c. 950 – 1865 Blank.png [[Tonga|]]

Bandeira de {{{nome_comum}}}

Bandeira

Localização de {{{nome_comum}}}
extensão máxima do Império Tu'i Tonga (c.1000 - 1500)
Continente Oceania
Região Polinésia, Melanésia
Capital Mu'a
Língua oficial Tonganês
Religião Tangaloa
Governo Monarquia religiosa
(c. 950–c.1100; 1797-1865)

Talassocracia
(c.1100-1470)

Diarquia
(c.1470-1797)
Tu'i Tonga
 • c. 950 ʻAhoʻeitu
 • c. 1000–1100 Momo
 • c. 1470 Kauʻulufonua
 • 1810–1865 Laufilitonga
Tuʻi Haʻatakalaua
 • 1470 Moʻungāmotuʻa
 • 1790–1797 Toafunaki
Legislatura Marae
História
 • c. 950 Fundação
 • 1865 Dissolução

O Império Tu'i Tonga ou Império Marítimo de Tonga foi um poderoso império na Oceania, centrado em Tonga, na ilha de Tongatapu, e com capital em Mu'a. No seu auge, o império estendia-se de Niue até Tikopia, incluindo Samoa, Uvéa, Futuna e parte do atual Tuvalu, e teve uma esfera de influência mais extensa.

O império começou a formar-se por volta de 950, depois do declínio de Tu'i Manu'a, na Samoa, e de Tu'i Pulotu, em Fiji. Foi contemporâneo do Império da Micronésia, com base em Yap.

Mapa da Polinésia.

O império « conseguiu a ocupação progressiva da maioria das ilhas da Polinésia ocidental, com a imposição de governantes tonguianos e novos chefes[1] ».

Certos Tu’i Tonga estabeleceram-se assim em Samoa para a governar diretamente. Muitos reis tonguianos tomaram por esposas várias mulheres da alta nobreza samoana[2].

Referências