Império do Mali

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde maio de 2013)
Por favor, melhore este artigo inserindo fontes no corpo do texto quando necessário.



Manden Kurufa
Império do Mali

Império

Mapa ghana-pt.svg
 
Blank.png
1230 – 1546 Mapa shonghai-pt.svg
 
Wolof Empire.jpg
 
Blank.png
 
Blank.png
Localização de Império do Mali
Império Mali em 1350.
Continente África
País Mali, Senegal, Gâmbia, Guiné, Guiné-Bissau e Burkina Faso
Capital Niani (primeira)
Cangaba (segunda)
Língua oficial Mandinga
Religião Culto dos mortos
Islamismo
Governo Monarquia
História
 • 1230 Fundação
 • 1546 Dissolução
Área
 • 1250 100 000 km2
 • 1312 1 294 994 km2
 • 1380 1 100 000 km2
 • 1500 400 000 km2
Moeda Ouro em pó (sal, cobre e búzios também foram comuns no império)

O Império do Mali foi um Estado que existiu na África Ocidental entre 1235 a 1600. Pode ser considerado uma etapa da história do atual Mali, embora as fronteiras do extinto Império do Mali compreendessem, também, regiões onde hoje se encontram outros países da África. O Império do Mali foi descrito pelos viajantes árabes como um Estado rico e suntuoso durante seu apogeu, e certamente foi importante centro comercial. Os Mansas do Mali ampliaram seu domínio sobre outros reinos da África, constituindo amplas redes de poder.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Mercator Africa 037.jpg Este artigo sobre História da África é um esboço relacionado ao Projeto África. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.