Márcio Nobre

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Márcio Nobre
Mert Nobre
Informações pessoais
Nome completo Márcio Ferreira Nobre
Data de nasc. 6 de novembro de 1980 (43 anos)
Local de nasc. Jateí, Mato Grosso do Sul, Brasil
Nacionalidade brasileiro
turco
Altura 1,83 m
destro
Apelido Mert Nobre
Informações profissionais
Clube atual Sem clube
Posição atacante
Função Treinador
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1999–2003
2003
2003–2006
2004–2006
2006–2011
2011–2013
2013–2015
2015–2016
2016–2018
2018–2019
Paraná
Kashiwa Reysol (emp.)
Cruzeiro
Fenerbahçe (emp.)
Beşiktaş
Mersin İ.Y.
Kayserispor
FC Wil
Erzurumspor
Gençlerbirliği
60 0(24)
130(0)
18 0(6)
20 (5)
136 (32)
56 (23)
201 0(77)
2 0(1)
Times/clubes que treinou
2019–2020
2020
2020
2022
Akhisarspor (assistente)
Hatayspor (assistente)
Gençlerbirliği
Altayspor
Última atualização: sexta-feira, 19 de abril de 2024

Márcio Ferreira Nobre, mais conhecido como Márcio Nobre, ou ainda Mert Nobre (Jateí, 06 de novembro de 1980), é um ex-futebolista brasileiro, naturalizado turco, que atuava como atacante. Ao fim da temporada 2018–19, aposentou-se dos gramados e ingressou na carreira de treinador.

Carreira como jogador[editar | editar código-fonte]

Iniciou sua carreira em 1999 no Paraná Clube, onde marcou 24 gols em 57 jogos. Em 2003, foi emprestado ao Kashiwa Reysol da J. League, ficando no clube japonês por alguns meses, atuando em 13 partidas e não marcando gols.

Cruzeiro[editar | editar código-fonte]

Após uma passagem ruim pelo Japão, foi contratado pelo Cruzeiro para a disputa do Campeonato Brasileiro, integrando a equipe campeã brasileira de 2003, que contava com grandes jogadores, como o goleiro Gomes, o lateral Maicon, os zagueiros Luisão e Cris, o volante Maldonado, o meia Alex e os atacantes Deivid e Aristizábal, entre outros jogadores de muita qualidade, comandados pelo técnico Vanderley Luxemburgo. Neste período, se destacou por ser titular da equipe em muitos jogos, mesmo não sendo tão eficiente, pois marcou apenas 5 gols em 20 partidas. Pelo clube mineiro, se sagrou campeão do campeonato brasileiro de 2003.[1]

Fenerbahçe[editar | editar código-fonte]

A partir de 2004, passou a jogar pelo Fenerbahçe por empréstimo, onde disputou 79 jogos e marcou 46 gols e sagrou-se bicampeão turco nas temporadas 2003–04 e 2004–05, além de ter jogado com seu ex-companheiro de Cruzeiro, o meia Alex. Na sua temporada de estreia, o Fenerbahçe estava a 11 pontos do então líder Beşiktaş. Nas 17 rodadas finais do campeonato, marcou 12 gols e o clube reverteu a desvantagem, sagrando-se campeão com 1 rodada de antecedência[2] ao marcar o gol do título do clube.[3][4] No fim da temporada 2005–06, ele assinou com o arquirrival Beşiktaş, gerando certa polêmica em sua transferência.[5]

Beşiktaş[editar | editar código-fonte]

Foi comprado junto ao Cruzeiro por cerca de 2 milhões de euros.[6] Em agosto de 2006, ele se naturalizou turco, tendo seu nome mudado para Mert Nobre, ganhando assim chances de ser convocado pela Seleção Turca, assim como seu companheiro de time Mehmet Aurélio. Tal feito porém, nunca aconteceu.[7] Marcou 25 gols em 120 jogos disputados de 2006 até 2011.

Outras passagens[editar | editar código-fonte]

Após sua saída do Beşiktaş, atuou pelo Mersin İ.Y. por duas temporadas, entre 2011 e 2013, marcando 23 gols em 56 partidas. Com o rebaixamento do clube na temporada 2012–13, o atacante rescindiu seu contrato e assinou com o Kayserispor por duas temporadas, entre 2013 e 2015, onde marcou 5 gols em apenas 13 partidas disputadas.

Mert Nobre em ação pelo Besiktas.

Retrospecto como treinador[editar | editar código-fonte]

Clube Jogos V E D %
Gençlerbirliği
7
1
2
4
23,81%
Altayspor
3
0
0
3
0%

Títulos[editar | editar código-fonte]

Cruzeiro
Fenerbahçe
Beşiktaş

Referências

  1. «Veja por onde andam os craques do Cruzeiro dos 100 pontos de 2003». R7.com. 16 de setembro de 2013. Consultado em 18 de dezembro de 2014 
  2. Eduardo Mendes (11 de novembro de 2014). «Mert Nobre lidera legião brasileira na segunda divisão da Turquia». Lance.NET. Consultado em 18 de dezembro de 2014 
  3. Redação (23 de maio de 2005). «Márcio Nobre dá 16.º título ao Fenerbahçe». Tribuna do Paraná. Consultado em 18 de dezembro de 2014 
  4. «Com gol de Márcio Nobre, Fenerbahçe, de Alex, é campeão turco». UOL Esporte. 22 de maio de 2005. Consultado em 18 de dezembro de 2014 
  5. Root (19 de maio de 2006). «Márcio Nobre muda de cores na Turquia». MERCADOFUTEBOL.COM. Consultado em 18 de dezembro de 2014 
  6. «Márcio Nobre reforça Besiktas». UEFA.com. 23 de Maio de 2006. Consultado em 18 de dezembro de 2014 
  7. A.A. «Nobre'nin tek arzusu Milli Takım». www.hurriyet.com.tr (em turco). Consultado em 19 de janeiro de 2022 
  8. Trivela.com (30 de maio de 2009). «Besiktas de Bobô e Márcio Nobre conquista o Campeonato Turco». iG Esporte. Consultado em 18 de dezembro de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]