Cristiano Marques Gomes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Cris
Cris
Cris atuando pelo Galatasaray.
Informações pessoais
Nome completo Cristiano Marques Gomes
Data de nasc. 3 de junho de 1977 (42 anos)
Local de nasc. Guarulhos (SP), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,83 m
destro
Informações profissionais
Equipa atual Monts d'Or Azergues
Posição Ex-zagueiro
Função Técnico
Clubes de juventude
1990–1995 Corinthians
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1995–1999
1999–2004
2003
2004–2012
2012
2013
2013
Corinthians
Cruzeiro
Bayer Leverkusen (emp.)
Lyon
Galatasaray
Grêmio
Vasco da Gama
00115 000(9)
0260 000(25)
0007 0000(0)
0312 000(25)
0012 0000(1)
0018 0000(0)
0027 0000(1)
Seleção nacional
1999–2000
2001–2009
Brasil Sub-23
Brasil
0005 0000(0)
0016 0000(1)
Times/Equipas que treinou
2016–2019
2019–
Lyon Sub 19
Monts d'Or Azergues

Cristiano Marques Gomes, mais conhecido como Cris (Guarulhos, 3 de junho de 1977), é um técnico e ex-futebolista brasileiro que atuava como zagueiro. Atualmente comanda o Monts d'Or Azergues, time da quarta divisão francesa.

Carreira como jogador[editar | editar código-fonte]

Cris iniciou sua carreira no Corinthians, chegando nas categorias de base no início dos anos 90. Foi promovido aos profissionais em 1995.

Cruzeiro[editar | editar código-fonte]

Com altos e baixos na carreira, foi envolvido em uma troca, em 1999, com o zagueiro João Carlos, que veio para o Corinthians e Cris foi para o Cruzeiro. No time mineiro o zagueiro se destacou, sendo considerado um dos melhores zagueiros no Brasil, sempre com muita raça e identificação com a torcida celeste, conquistando tudo que disputou no Cruzeiro. Reverteu o "rótulo" de jogador violento neste mesmo ano, quando foi um dos zagueiros mais disciplinados da temporada, levando o primeiro cartão amarelo somente no mês de junho daquele ano.

Em enquete realizada pelo site Mais Minas, o jogador foi eleito o melhor zagueiro do século XXI do time celeste, ficando à frente de nomes como Luisão, Léo e Dedé.[1]

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Em 2006, Cris defendeu a Seleção Brasileira na Copa do Mundo. No dia 13 de novembro de 2009 Cris voltou a ser convocado para a Seleção Brasileira para a vaga do Juan, que foi proibido de se apresentar a Seleção pela Roma para não agravar sua lesão, para os amistosos contra a Inglaterra, no dia 14 de novembro, e Omã, no dia 17 de novembro.[2][3]

Grêmio[editar | editar código-fonte]

No inicio de 2013, após a saída de Gilberto Silva para o Atlético-MG, foi indicado pelo então técnico Vanderlei Luxemburgo com intuito de ser o novo xerife do setor defensivo do Grêmio. Teve sua contratação anunciada no dia 3 de janeiro.[4][5] Não atendeu as expectativas dos torcedores, cometendo muitas faltas e sendo expulso em jogos importantes. Cris então foi para o banco de reservas do tricolor e lá permaneceu, até que foi negociado com o Vasco da Gama.[6]

Vasco da Gama[editar | editar código-fonte]

No dia 9 de agosto de 2013 foi anunciado como novo reforço da equipe carioca.[7] Sua estreia foi contra o próprio Grêmio, no dia 17 de agosto, em jogo válido pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Logo no primeiro tempo o zagueiro falhou, permitindo que o atacante Barcos marcasse o primeiro do time gaúcho. Cris foi vaiado pela torcida o jogo inteiro e no final do jogo desceu para o vestiário de cabeça baixa. O treinador do cruzmaltino, Dorival Júnior, saiu em defesa do jogador logo após o jogo em uma coletiva de imprensa. Sem condições de pagar o seu salário, Cris não teve o seu contrato renovado e deixou o clube carioca.[8]

Carreira como técnico[editar | editar código-fonte]

Em 2016 foi anunciado como novo treinador do Lyon Sub-19.[9]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Corinthians
Cruzeiro
Lyon
Seleção Brasileira

Referências

  1. Mais Minas (8 de maio de 2020). «Cruzeiro XXI: qual o maior zagueiro do Cruzeiro no século?». Consultado em 9 de maio de 2020 
  2. CBF News (13 de novembro de 2009). «Cris, do Lyon, é convocado para amistosos contra Inglaterra e Omã». Consultado em 13 de novembro de 2009 [ligação inativa]
  3. Carlos Augusto Ferrari (13 de novembro de 2009). «Com problemas na defesa, Dunga convoca zagueiro Cris, do Lyon». GloboEsporte.com. Consultado em 25 de maio de 2020 
  4. «Grêmio anuncia contratação de Cris por um ano e já apresenta o zagueiro». ESPN.com.br. 3 de janeiro de 2013. Consultado em 25 de maio de 2020 
  5. «Ex-Cruzeiro, Cris é oficializado como novo reforço do Grêmio para Copa Libertadores». Superesportes. 3 de janeiro de 2013. Consultado em 25 de maio de 2020 
  6. «Cris é anunciado e cita influência de Juninho: 'Me motivou muito para vir'». GloboEsporte.com. 9 de agosto de 2013. Consultado em 25 de maio de 2020 
  7. «Vasco anuncia oficialmente contratação do zagueiro Cris». Extra Online. 9 de agosto de 2013. Consultado em 25 de maio de 2020 
  8. André Casado (26 de dezembro de 2013). «Salário alto afasta Fagner e Cris dos planos do Vasco, diz vice de futebol». GloboEsporte.com. Consultado em 25 de maio de 2020 
  9. André Donke (29 de setembro de 2016). «Ex-Corinthians, bad boy e heroi italiano: na Champions sub-19, técnicos são atrações». ESPN.com.br. Consultado em 25 de maio de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Cristiano Marques Gomes
Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.