Bola de Ouro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo extinto prêmio entregue ao melhor jogador europeu do ano, veja Ballon d'Or.
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo prêmio da FIFA entregue ao melhor jogador do mundo no ano, veja Bola de Ouro da FIFA.
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo prémio sueco entregue ao melhor jogador sueco do ano, veja Bola de Ouro (Suécia).

Bola de Ouro é um prêmio criado pela revista Placar, com o objetivo de homenagear o melhor jogador do Campeonato Brasileiro de Futebol.

Foi instituída em 1973, na quarta edição da Bola de Prata (criada em 1970). A primeira entrega teve dois vencedores; curiosamente, ambos estrangeiros: o argentino Agustín Cejas e o uruguaio Atilio Ancheta, na única vez em que a premiação seria concedida duplamente. Se a Bola de Ouro tivesse sido criada já em 1970, o primeiro vencedor também teria sido um estrangeiro: seria o paraguaio Francisco Reyes. Em 1971 e 1972, os premiados seriam Dirceu Lopes e o chileno Elías Figueroa. Figueroa conseguiria depois faturar a Bola de Ouro, ao ser avaliado como o melhor jogador do campeonato de 1976.[1] Já Dirceu Lopes recebeu a Bola de Ouro por 1971 na cerimônia de entrega de 2013.[2]

Regulamento[editar | editar código-fonte]

Todos os jogos são assistidos por jornalistas da Placar, sempre nos estádios, que atribuem notas de 0 a 10 aos jogadores. Ao final do campeonato, a melhor média de todas leva a Bola de Ouro (somente os jogadores que não deixam o torneio e que têm um número mínimo de partidas disputadas são considerados).

Vencedores[editar | editar código-fonte]

Ano Jogador Posição Clube
2016 Brasil Gabriel Jesus Atacante Palmeiras
2015 Brasil Renato Augusto[3] Meia Corinthians
2014 Brasil Ricardo Goulart Atacante Cruzeiro
2013 Brasil Éverton Ribeiro Atacante Cruzeiro
2012 Brasil Ronaldinho Gaúcho Atacante Atlético Mineiro
2011 Brasil Neymar Atacante Santos
2010 Argentina Conca Meia Fluminense
2009 Brasil Adriano* Atacante Flamengo
2008 Brasil Rogério Ceni Goleiro São Paulo
2007 Brasil Thiago Neves Meia Fluminense
2006 Brasil Lucas Leiva Volante Grêmio
2005 Argentina Tévez Atacante Corinthians
2004 Brasil Robinho Atacante Santos
2003 Brasil Alex Meia Cruzeiro
2002 Brasil Kaká Meia São Paulo
2001 Brasil Alex Mineiro Atacante Atlético Paranaense
2000 Brasil Romário* Atacante Vasco da Gama
1999 Brasil Marcelinho Carioca Meia Corinthians
1998 Brasil Edílson Atacante Corinthians
1997 Brasil Edmundo* Atacante Vasco da Gama
1996 Brasil Djalminha Meia Palmeiras
1995 Brasil Giovanni Atacante Santos
1994 Brasil Amoroso Atacante Guarani
1993 Brasil César Sampaio Volante Palmeiras
1992 Brasil Júnior Volante Flamengo
1991 Brasil Mauro Silva Volante Bragantino
1990 Brasil César Sampaio Volante Santos
1989 Brasil Ricardo Rocha Zagueiro São Paulo
1988 Brasil Taffarel Goleiro Internacional
1987 Brasil Renato Gaúcho Atacante Flamengo
1986 Brasil Careca* Atacante São Paulo
1985 Brasil Marinho Atacante Bangu
1984 Brasil Roberto Costa Goleiro Vasco da Gama
1983 Brasil Roberto Costa Goleiro Atlético Paranaense
1982 Brasil Zico* Meia Flamengo
1981 Brasil Paulo Isidoro Atacante Grêmio
1980 Brasil Toninho Cerezo Volante Atlético Mineiro
1979 Brasil Falcão Volante Internacional
1978 Brasil Falcão Volante Internacional
1977 Brasil Toninho Cerezo Volante Atlético Mineiro
1976 Chile Figueroa Zagueiro Internacional
1975 Brasil Valdir Peres Goleiro São Paulo
1974 Brasil Zico Meia Flamengo
1973 Uruguai Ancheta Zagueiro Grêmio
Argentina Cejas Goleiro Santos
1971 Brasil Dirceu Lopes Meia Cruzeiro

* - Também recebeu o prêmio de artilheiro.

Maiores vencedores[editar | editar código-fonte]

Vencedores por país[editar | editar código-fonte]

Vencedores por clubes[editar | editar código-fonte]

Vencedores por posição[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Sei que a Bola de Prata começou em 1970 e o prêmio para o melhor só foi criado em 1973. Mas com quem teria ficado a Bola de Ouro em 1970/71/72? (outubro de 2007). Placar n. 1311. Editora Abril, p. 11
  2. SILVA, Marcos Sérgio (janeiro de 2014). Os donos da bola. Placar n. 1386. Editora Abril, pp. 19-20
  3. «Renato Augusto leva Bola de Ouro e Corinthians domina prêmio do Brasileiro - Futebol - UOL Esporte». UOL Esporte. Consultado em 7 de dezembro de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]