Mariano Roque Alonso

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Para a cidade paraguaia, veja Mariano Roque Alonso (Paraguai).

Mariano Roque Alonso (? — 1853) foi um militar paraguaio, oficial do governo de José Gaspar Rodríguez de Francia. Cônsul da República do Paraguai.[1][2] Foi eleito conjuntamente com Carlos Antonio López em 12 de março de 1841 para governar o Paraguai logo depois da morte do Ditador Perpétuo José Gaspar Rodríguez de Francia, a que sucederam-se vários governos militares até a reunião do congresso.[2]

O Congresso restabeleceu o Consulado como forma de governo, sendo eleitos Carlos Antonio López (civil) e Mariano Roque Alonso (militar). Teve a seu cargo o Comando Geral das Armas de 9 de fevereiro de 1841 até 12 de março de 1841 e o cargo de Segundo Cônsul de 12 de março de 1841 até 13 de março de 1844.[2]

Referências

  1. Saeger, James Schofield (2007). Francisco Solano López and the Ruination of Paraguay: Honor and Egocentrism (em inglês). Lanham: Rowman & Littlefield Publishers. p. 37. ISBN 9780742580565 
  2. a b c Estragó, Margarita Durán (1990). La Iglesia en El Paraguay: Una Historia Mínima (em espanhol). Assunção: RP Ediciones. p. 42 

Precedido por
Juan José Medina
Cônsul do Paraguai
1841 - 1844
Sucedido por
Carlos Antonio López
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.