Nocaute (banda)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wiki letter w.svg
Este artigo é órfão, pois não contém artigos que apontem para ele.
Por favor, ajude criando ligações ou artigos relacionados a este tema.


Nocaute
Informação geral
Origem Belford Roxo, RJ
País  Brasil
Gênero(s) Rap, Rock, Samba Rock
Período em atividade 1992 - Hiato
Gravadora(s) Sony Music Brasil, EMI, Virgin Records
Afiliação(ões) Fernanda Abreu, Cidade Negra, Charlie Brown Jr., O Rappa, Planet Hemp
Integrantes Nino Rap ✝
Eddi MC
Andrea Wolff
Ed Esteves
Cesar Belieny

Nocaute foi uma banda brasileira de rock com rap, formada em 1992 em Belford Roxo, no Rio de Janeiro.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

No início da década de 90, Belford Roxo no Rio de Janeiro, tornava-se conhecida por causa da intensa atividade musical. A banda Nocaute surgiu nesse contexto, influenciados pelas bandas de reggae e pelos grupos Racionais MC's e Public Enemy, com os rappers Nino Rap e Eddi MC, a banda grava seu primeiro CD independente em 1996, posteriormente assina um contrato com a Sony Music Brasil [2] em 1999[3] para dois trabalhos: Nocaute (disco homônimo) lançado em 1999 e CD Pirata 2001, que conquistou uma indicação ao Grammy Latino, categoria melhor álbum de rap/hip hop de 2002, em Los Angeles, nos Estados Unidos.[4] Os singles Men's e Fim de Semana, levaram a banda a grande mídia, tornando-se assim conhecida nacionalmente.[5]

A Nocaute, contava com a baterista Andrea Wolff, uma das únicas mulheres presentes no contexto geral do rock produzido no Brasil, na década de 90.[6]

Nino Rap, um dos frontmans e fundadores da banda, faleceu em 12 de junho de 2014 no Rio de Janeiro.[7]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Grammy Latino[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Resultado
2002 Grammy Latino Melhor Álbum de Rap e Hip Hop Indicado[8]

Referências

  1. Rádio Cidade (Rio de Janeiro). «A vez do Brasil - Nocaute». Rádio Cidade (Rio de Janeiro). Consultado em 29 de janeiro de 2017 
  2. Folha de S.Paulo. «Gravadoras abrem espaço para rappers». Folha de S.Paulo. Consultado em 29 de janeiro de 2017 
  3. Folha de S.Paulo. «O Rappa lança Lado B Lado A em SP». Folha de S.Paulo. Consultado em 29 de janeiro de 2017 
  4. G1. «História Brasileira». G1. Consultado em 30 de janeiro de 2017 
  5. Rede TV. «TV Fama – Nocaute Fim de semana». Rede TV. Consultado em 30 de janeiro de 2017 
  6. ISTOÉ. «Mulheres em ação». ISTOÉ. Consultado em 30 de janeiro de 2017 
  7. TV Brasil. «Nocaute no Estúdio Móvel». TV Brasil. Consultado em 30 de janeiro de 2017 
  8. Folha de S.Paulo. «Veja a lista completa dos indicados ao Grammy 2002». Folha de S.Paulo. Consultado em 30 de janeiro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]