Open Season

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para o álbum de Leslie Feist, veja Open Season (álbum).
Open Season
 Estados Unidos
2006 •  cor •  86 min 
Direção Jill Culton
Roger Allers
Roteiro Steve Moore
Elenco Martin Lawrence
Ashton Kutcher
Debra Messing
Jane Krakowski
Billy Connolly
Gary Sinise
Género animação, comédia, aventura
Companhia(s) produtora(s) Sony Pictures Animation
Distribuição Columbia Pictures
Idioma inglês
Orçamento US$ 85 milhões
Receita US$ 197 309 027
Cronologia
Open Season 2
Página no IMDb (em inglês)

Open Season é um filme de animação por computador produzido pela Sony Pictures Animation. O longa contou com a direção de Roger Allers e Jill Culton, além do roteiro de Steve Moore. O filme foi lançado em 29 de setembro de 2006, e foi distribuído mundialmente pela Columbia Pictures e Sony Pictures.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Em Timberline (uma cidadezinha fictícia no estado de Oregon), vive um urso pardo de 408 kg chamado Boog, que só quer saber de aproveitar sua vida completamente mordomizada pela dona Beth, uma bela e simpática guarda-florestal. Os dois são famosos em Timberline, onde se apresentam em seus shows de comédia para a população local, e durante a noite Boog tem a garagem toda só para ele. Certo dia, depois de um de seus shows, Beth acaba por descobrir que seu inimigo, o caçador Shaw, já havia começado a caçar antes da temporada começar. Enquanto isso, Boog conhece o azarado Elliot, um cervo que Shaw tinha pegado e colocado na capota de seu carro. Boog ajuda Elliot a fugir e este acha que virou amigo do urso.

Graças a uma confusão causada por Elliot, Beth é aconselhada a deixar Boog na floresta, acima das cachoeiras, onde estará a salvo dos caçadores. Ao acordar e perceber que não está mais em casa, Boog fica desesperado. Agora, sem as mordomias a qual estava acostumado e com o falante Elliot em seu pé, Boog terá de aprender a sobreviver na floresta, junto com vários outros animais. Pra piorar a situação, o malvado e louco Shaw acredita que os animais estejam "conspirando" contra os humanos e por isso está decidido a capturar seus maiores desafetos (Boog e Elliot) de qualquer forma!

Elenco[editar | editar código-fonte]


Recepção[editar | editar código-fonte]

Comentários do filme foram, em geral mistas, conquistando 48% no Rotten Tomatoes por 100 votos, levando o consenso " Open Season é uma paleta clichê de piadas cansados e CG travessuras dos animais que foram vistos várias vezes este ano cinematográfico.''[1]. No Metacritic, o filme mantém uma pontuação de 49% em 100, com base em 18 críticos, indicando "revisões mista''.[2]

Video Game[editar | editar código-fonte]

Um jogo de videogame baseado no filme foi lançado em 18 de setembro de 2006, para PlayStation 2XboxXbox 360Nintendo DSNintendo GamecubeGame Boy AdvancePlayStation Portable, e Microsoft Windows.[3] Para Wii, que foi lançado em 19 de novembro de 2006, juntamente com o lançamento do console[4].

Sequências[editar | editar código-fonte]

Suas sequencias foram lançados diretamente em DVD: O Bicho Vai Pegar 2 (2009), O Bicho Vai Pegar 3 (2011), e no próximo O Bicho Vai Pegar 4 em 2016.

Referências

  1. «Open Season». www.rottentomatoes.com. 29 de setembro de 2006. Consultado em 21 de janeiro de 2016 
  2. «Open Season». Metacritic. Consultado em 21 de janeiro de 2016 
  3. «VGGEN.com News - Ubisoft Declares Open Season on All Platforms». www.vggen.com. Consultado em 21 de janeiro de 2016. Arquivado do original em 2 de janeiro de 2014 
  4. Seff, By Micah. «Four Ubisoft Titles Ready for Wii Launch». IGN. Consultado em 21 de janeiro de 2016 
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.