Pretérito mais-que-perfeito

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde junho de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Merge-arrow 2.svg
Este artigo ou secção deverá ser fundido com Tempo verbal.
Editor, considere adicionar mês e ano na marcação. Isso pode ser feito automaticamente, com {{Fusão com|....|{{subst:DATA}}}}.

(por favor crie o espaço de discussão sobre essa fusão e justifique o motivo aqui; não é necessário criar o espaço em ambas as páginas, crie-o somente uma vez. Perceba que para casos antigos é provável que já haja uma discussão acontecendo na página de discussão de um dos artigos. Verifique ambas (1, 2) e não esqueça de levar toda a discussão quando levar o caso para a central.).
Modo e tempos verbais
Modo indicativo

Presente
Pretérito perfeito simples
Pretérito imperfeito
Pretérito perfeito composto
Pretérito mais-que-perfeito
Futuro
Futuro perfeito
Futuro do Pretérito / Condicional

Modo subjuntivo / Conjuntivo

Presente
Pretérito imperfeito
Pretérito perfeito
Pretérito mais-que-perfeito

Modo imperativo

O pretérito mais-que-perfeito[nota 1] é um tempo verbal que se refere ao passado do passado. Ele ocorre nas línguas portuguesa, na francesa (plus-que-parfait), na espanhola (pretérito pluscuamperfecto, ou antecopretérito) e na latina ( plus-quam-perfectum ), entre outras.

Notas

  1. Diferentemente de outros substantivos compostos por palavras de ligação, o Acordo ortográfico de 1990 preservou o hífen nesta palavra, além de outras poucas exceções.
Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.