Rali do México

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Rali do México é uma das etapas do Campeonato Mundial de Rali (WRC).

Designado de oficialmente de Rally Guanajuato Mexico, entrou no calendário do WRC em 2004 e é actualmente o único evento da América do Norte no WRC. O evento tem base no estado de Guanajuato. As etapas têm lugar nas cidades de León, Silao e Guanajuato, sendo o quartel-general localizado em Leon.

O rali de 2007, a 21ª edição foi disputado em Março. O francês Sébastien Loeb obteve a vitória no seu novo Citroën C4 WRC, à frente do finlandês Marcus Grönholm e Mikko Hirvonen, ambos em Ford.

História[editar | editar código-fonte]

Rally America, hoje designado de Rally Guanajuato Mexico, foi criado em 1979 devido ao grande espírito de cooperação dos dois maiores clubes do México: Club Automovilístico Francés de México (CAF) e o Rally Automovil Club (RAC). Ambos os clubes têm uma longa história de amizade, mas não tanto de competição, por isso a sua colaboração foi um grande passo para trazer o WRC ao país. Era originalmente disputado no Estado do México e foi até 1985.

Após uma ausência de seis anos, o evento regressou em 1991, e mudou-se para El Paso de Cortés, situado entre os dois maiores vulcões do México. Seguido do cancelamento da edição de 1992, a CAF optou por um conceito diferente: um rali curto com elevada percentagem de etapas especiais. O resultado foi um sucesso em 1993, que teve lugar no Vale de Bravo, sob a direcção de Gilles Spitalier. O rali foi galardoado como Rali do Ano pela Comissão Nacional de Rali.

A CAF e o seu novo parceiro da promoção, AdSport, mudou o evento para perto da fronteira com os Estados Unidos em Ensanada, Baja Califórnia durante dois anos, onde começou por atrair nomes internacionais.

Em 1998, os organizadores decidiram renomear o rali e mudá-lo para Leon, Guanajuato. Com planos a longo prazo para a inclusão de novo no calendário do WRC, retomou em 1999 e 2000, subindo de nível a cada ano da prova. De 2001 e 2003, os organizadores da FIA foram em observação, inspeccionando o funcionamento da prova.

O Corona Rally Mexico em 2003, ia na 17ª edição, e provou ser o ponto de viragem no rali. Novos acessos no Poliforum Expo Center, tornaram-no mais moderno e atractivo, combinado com uma das etapas mais curtas de sempre, colocaram-no firmemente no topo do WRC. Num total de 45 equipas representando 11 países, partiram da rampa de Guanajuato numa das mais espectaculares aberturas vistas deste desporto.

O Corona Rally Mexico, fez a sua estreia na edição mais alargada do WRC em 2004, tendo corrido com sucesso, sendo e 3ª etapa da temporada. Em 2005, foi novamente a 3ª etapa e era o primeiro rali inteiramente disputado em gravilha do ano, atraindo 44 equipas de 17 países. Pela primeira vez o campeonato FIA Junior WRC, aventurou-se fora da Europa, sendo o Corona Rally o 2ª etapa das oito da temporada.

Para a edição de 2007, o percurso foi re-desenhado, feito mais compacto num total de 850 quilómetros.

Vencedores[editar | editar código-fonte]

O fundo vermelho mostra quando a prova não fez parte do campeonato mundial.

Ano Rali Vencedor Carro
1993 México Giuseppe Spataro
França Jean Noel Valdelièvre
Mitsubishi Eclipse
1994 México Agustín Zamora
México Gabriel Marín
Mitsubishi Eclipse
1997 Estados Unidos Roger Hull
Estados Unidos Sean Gallagher
Mitsubishi Eclipse
1998 México Carlos Izquierdo
México Angélica Fuentes
Nissan Tsuru
1999 México Gabriel Marín
México Javier Marín
Mitsubishi Lancer Evolution
2000 Jamaica Douglas Gore
Jamaica Mark Nelson
Mitsubishi Lancer Evolution
Sob observação da FIA
2001 15º Corona Rally América Peru Ramón Ferreyros
Peru Raúl Velit
Toyota Celica GT-Four
2002 16º Corona Rally México Finlândia Harri Rovanperä
Finlândia Risto Pietiläinen
Peugeot 206 WRC
Peugeot Total
2003 17º Corona Rally México Argentina Marcos Ligato
Argentina Rubén García
Mitsubishi Lancer Evo 7
Top Run
Como etapa do Campeonato Mundial de Rali
2004 18º Corona Rally México Estónia Markko Märtin
Reino Unido Michael Park
Focus RS WRC 04
Ford Motor Co
2005 19º Corona Rally México Noruega Petter Solberg
Reino Unido Phil Mills
Subaru Impreza WRC2005
Subaru World Rally Team
2006 20º Corona Rally México França Sébastien Loeb
Mónaco Daniel Elena
Citroën Xsara WRC
Kronos Total Citroën
2007 21º Corona Rally México França Sébastien Loeb
Mónaco Daniel Elena
Citroën C4 WRC
Citroën Total
2008 22º Corona Rally México França Sébastien Loeb
Mónaco Daniel Elena
Citroën C4 WRC
Citroën Total
2009 Rally de las Naciones Áustria Manfred Stohl
Áustria Ilka Minor
Mitsubishi Lancer Evo
Manfred Stohl
2010 Rally Guanajuato Bicentenario França Sébastien Loeb
Mónaco Daniel Elena
Citroën C4 WRC
Citroën Total World Rally Team
2011 25º Rally Guanajuato Mexico França Sébastien Loeb
Mónaco Daniel Elena
Citroën DS3 WRC
Citroën Total World Rally Team
2012 26º Rally Guanajuato Mexico França Sébastien Loeb
Mónaco Daniel Elena
Citroën DS3 WRC
Citroën Total World Rally Team
2013 27º Rally Guanajuato Mexico França Sébastien Ogier
França Julien Ingrassia
Volkswagen Polo R WRC
Volkswagen Motorsport
2014 28º Rally Guanajuato Mexico França Sébastien Ogier
França Julien Ingrassia
Volkswagen Polo R WRC
Volkswagen Motorsport
2015 29º Rally Guanajuato Mexico França Sébastien Ogier
França Julien Ingrassia
Volkswagen Polo R WRC
Volkswagen Motorsport
2016 30º Rally Guanajuato Mexico Finlândia Jari-Matti Latvala
Finlândia Miikka Anttila
Volkswagen Polo R WRC
Volkswagen Motorsport
2017 31º Rally Guanajuato Mexico Reino Unido Kris Meeke
República da Irlanda Paul Nagle
Citroën C3 WRC
Citroën Total World Rally Team

Curiosidade[editar | editar código-fonte]

Em 2004, o Comité Organizativo ganhou o Inmarsat Star of The Rally Award, pela sua primeira organização de um rali WRC.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]