Rio Jari

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rio Jari
Localização
Continente
País
Localização
Dimensões
Comprimento
1 000 kmVisualizar e editar dados no Wikidata
Hidrografia
Tipo
Bacia hidrográfica
Área da bacia
60 000 km2Visualizar e editar dados no Wikidata
Nascente
Afluentes
principais
Rio Cuc (d), Q3432402, Rio Culari (d)Visualizar e editar dados no Wikidata
Foz

O rio Jari é um curso de água que banha os estados do Pará e do Amapá, no Brasil. Desagua no rio Amazonas. Foi um rio importante na colonização da Calha Norte do rio Amazonas, servindo de via de transporte da castanha-do-pará e de outros produtos extraídos das florestas da região. Possui grande potencial hidroelétrico na região de Santo Antônio da Cachoeira e Itapeuara. Nas suas margens, desenvolveu-se, a partir de 1967, o Projeto Jari. Neste rio, encontra-se a Hidrelétrica Santo Antônio do Jari, com 373MW de potência instalada, entre os municípios de Almeirin (PA) e Laranjal do Jari (AP). [1]

Uma situação muito curiosa é o fato de o rio ser o divisor de dois estados, a menos de 5 minutos de separação um do outro. De um lado está o município de Laranjal do Jari, sul do estado amapaense e do lado paraense, Monte Dourado, distrito de Almeirim. O principal meio de deslocamento de um município a outro se dar por meio de um transporte aquático conhecido como catraia pelos munícipes.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre hidrografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.