Robert Bacon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Robert Bacon
39º Secretário de Estado dos Estados Unidos
Período 27 de janeiro de 1909
a 5 de março de 1909
Presidente Theodore Roosevelt
Antecessor(a) Elihu Root
Sucessor(a) Philander C. Knox
Dados pessoais
Nascimento 5 de julho de 1860
Boston, Massachusetts,
 Estados Unidos
Morte 29 de maio de 1919 (58 anos)
Nova Iorque, Nova Iorque,
 Estados Unidos
Progenitores Mãe: Emily Crosby Low
Pai: William Benjamin Bacon
Alma mater Universidade Harvard
Esposa Martha Waldron Cowdin
Partido Republicano
Religião Presbiterianismo
Serviço militar
Serviço/ramo Exército dos Estados Unidos
Anos de serviço 1914–1919
Graduação Tenente-coronel
Batalhas/guerras Primeira Guerra Mundial

Robert Bacon (Boston, 5 de julho de 1860Nova Iorque, 29 de maio de 1919) foi um diplomata norte-americano que serviu como Secretário de Estado dos Estados Unidos durante os último mês da presidência de Theodore Roosevelt.

Bacon nasceu no bairro Jamaica Plain de Boston, filho de William Benjamin Bacon e Emily Crosby Low. Ele estudou an Universidade Harvard, onde conheceu Roosevelt. Bacon se formou em 1880 e foi viajar pelo mundo. Ao voltar ele estabeleceu um negócio de sucesso e fez parte de negociações que formaram grandes companhias, como a Northern Securities Company e a United States Steel.[1]

Ele foi nomeado Secretário de Estado Assistente em 1905 sob Elihu Root, principalmente por causa de sua amizade com o presidente. Root renunciou no início de 1909 e Bacon acabou assumindo o cargo durante os últimos 37 dias da presidência de Roosevelt. Ele usou esse tempo para aprovar tratados no Senado dos Estados Unidos.[1]

Sua experiência como homem de negócios ajudou seus esforços diplomáticos, conseguindo ratificar tratados entre os Estados Unidos e a Colômbia e o Panamá sobre o Canal do Panamá. Bacon também conseguiu realizar um conferência ambiental entre os estados norte-americanos para discutir a preservação de recursos naturais. Seus esforços diplomáticos foram reconhecidos por seu sucessor Philander C. Knox, que o nomeou embaixador na França.[1]

Bacon foi lutar na Primeira Guerra Mundial, porém o conflito foi custoso para sua saúde e ele morreu em 1919, pouco depois de voltar para os Estados Unidos.[1]

Referências

  1. a b c d «Biographies of the Secretaries os State: Robert Bacon». Office of the Historian. Consultado em 21 de janeiro de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um político dos Estados Unidos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.