William Howard Taft

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
William Howard Taft
10º Chefe de Justiça dos Estados Unidos
Período 11 de julho de 1921
a 3 de fevereiro de 1930
Nomeado por Warren G. Harding
Antecessor(a) Edward Douglass White
Sucessor(a) Charles Evans Hughes
27º Presidente dos Estados Unidos
Período 4 de março de 1909
a 4 de março de 1913
Vice-presidente James S. Sherman (1909–1912)
Nenhum (1912–1913)
Antecessor(a) Theodore Roosevelt
Sucessor(a) Woodrow Wilson
42º Secretário da Guerra dos Estados Unidos
Período 1 de fevereiro de 1904
a 30 de junho de 1908
Presidente Theodore Roosevelt
Antecessor(a) Elihu Root
Sucessor(a) Luke Edward Wright
Governador Provisório de Cuba
Período 29 de setembro de 1906
a 13 de outubro de 1906
Nomeado por Theodore Roosevelt
Sucessor(a) Charles Edward Magoon
Governador-Geral das Filipinas
Período 4 de julho de 1901
a 23 de dezembro de 1903
Nomeado por William McKinley
Antecessor(a) Arthur MacArthur Jr.
Sucessor(a) Luke Edward Wright
Juiz do Tribunal de Apelações dos Estados Unidos pelo Sexto Circuito
Período 17 de março de 1892
a 15 de março de 1900
Nomeador por Benjamin Harrison
Sucessor(a) Henry Franklin Severens
Advogado-geral dos Estados Unidos
Período fevereiro de 1890
a março de 1892
Presidente Benjamin Harrison
Antecessor(a) Orlow W. Chapman
Sucessor(a) Charles H. Aldrich
Vida
Nascimento 15 de setembro de 1857
Cincinnati, Ohio,
Estados Unidos
Morte 8 de março de 1930 (72 anos)
Washington, D.C.,
Estados Unidos
Progenitores Mãe: Louise Torrey
Pai: Alphonso Taft
Dados pessoais
Alma mater Universidade de Cincinnati
Faculdade de Direito
Esposa Helen Herron (1886–1930)
Partido Republicano
Religião Unitarismo
Profissão Advogado
Assinatura Assinatura de William Howard Taft

William Howard Taft (Cincinnati, 15 de setembro de 1857Washington, D.C., 8 de março de 1930) foi o 27º Presidente dos Estados Unidos de 1909 a 1913 e também 10º Chefe de Justiça dos Estados Unidos entre 1921 e 1930, a única pessoa na história a servir nos dois cargos. Taft foi eleito presidente na eleição de 1908 como o sucessor escolhido de Theodore Roosevelt, porém foi derrotado para reeleição em 1912 por Woodrow Wilson depois de Roosevelt ter saído do Partido Republicano e concorrido como um candidato independente. O presidente Warren G. Harding posteriormente nomeou Taft como chefe de justiça, posição que ocupou até um mês antes de sua morte.

Taft nasceu dentro de uma família modesta, porém extremamente exigente sobre sucesso. Ele estudou em Yale até 1878, tornando-se em seguida um advogado e depois juiz com menos de trinta anos. Ele continuou com sua rápida ascensão, sendo nomeado Advogado-Geral e juiz do Tribunal de Apelações. O presidente William McKinley o nomeou em 1901 como governador-geral civil das Filipinas. Taft tornou-se em 1904 o Secretário da Guerra de Roosevelt, que pessoalmente o escolheu para ser seu sucessor na presidência. Ele recusou várias ofertas de nomeação para a Suprema Corte dos Estados Unidos, apesar de sua ambição pessoal de virar chefe de justiça, por acreditar que seu trabalho político era mais importante.

Taft enfrentou pouca oposição para garantir a indicação Republicana a presidente em 1908, facilmente derrotando William Jennings Bryan na eleição. Na Casa Branca ele focou-se na Ásia Oriental e em questões europeias, repetidamente intervindo para estabelecer ou remover governos em países latino-americanos. Taft procurou reduzir impostos de comércio, então uma grande fonte de renda governamental, porém o projeto de lei resultante foi muito influenciado por interesses especiais. Seu governo estava cheio de conflitos entre a ala conservadora, da qual Taft frequentemente simpatizava, e a ala progressista, da qual Roosevelt se aproximava cada vez mais. Controvérsias dentro da administração separaram mais os dois homens. O ex-presidente desafiou seu sucessor para renomeação em 1912, porém este usou seu controle do maquinário partidário para ganhar a maioria dos delegados. Roosevelt deixou o partido e Taft ficou com poucas chances de reeleição.

Taft voltou para Yale como professor após deixar a presidência, continuando sua atividade política e trabalhando contra a Primeira Guerra Mundial através da Liga para Reforçar a Paz. Harding o nomeou em 1921 como chefe de justiça. Taft era conservador em questões de negócios, porém durante seu mandato ocorreram avanços nos direitos individuais. Ele renunciou do cargo em fevereiro de 1930 devido problemas de saúde e morreu um mês depois, sendo enterrado no Cemitério Nacional de Arlington. Taft geralmente é considerado como um presidente mediano em avaliações históricas de ex-presidentes.

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikiquote Citações no Wikiquote
Wikisource Textos originais no Wikisource
Commons Categoria no Commons

Oficiais

Discursos

Imprensa

Outros


Ícone de esboço Este artigo sobre um Presidente dos Estados Unidos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.