Earl Warren

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Earl Warren
Earl Warren
14º Chefe de Justiça dos Estados Unidos
Período 5 de Outubro de 1953
até 23 de Junho de 1969
Antecessor(a) Fred M. Vinson
Sucessor(a) Warren E. Burger
Dados pessoais
Nascimento 19 de março de 1891
Los Angeles, Califórnia
Estados Unidos
Morte 9 de julho de 1974 (83 anos)
Washington, DC
Estados Unidos
Alma mater Universidade da Califórnia (BA, JD)
Cônjuge Nina Meyers
Filhos 6
Partido Republicano
Ocupação Jurista, político
Assinatura Assinatura de Earl Warren

Earl Warren (19 de Março de 18919 de Julho de 1974) foi político e jurista americano que serviu como governador da Califórnia entre 1943 e 1953 e Chefe de Justiça dos Estados Unidos de 5 de Outubro de 1953 a 23 de Junho de 1969.

Durante o seu exercício do cargo na Suprema Corte dos Estados Unidos, recebeu muitas queixas sobre inconstitucionalidades, como sobre leis de segregação racial (mais notavelmente o caso Brown v. Board of Education), direitos civis, separação das igrejas e do estado, direitos de defesa e enquadramento penal (mais notavelmente o caso Miranda v. Arizona ).

Foi Earl Warren que presidiu à Comissão Warren, que investigou o Assassinato de John F. Kennedy.

Precedido por
Culbert Levy Olson
Governador da Califórnia
1943 - 1953
Sucedido por
Goodwin Jess Knight
Precedido por
Fred M. Vinson
Chefe de Justiça dos Estados Unidos
5 de Outubro de 1953 - 23 de Junho de 1969
Sucedido por
Warren E. Burger