Samuel Kuffour

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Samuel Kuffour
Samuel Kuffour
Samuel Kuffour
Informações pessoais
Nome completo Samuel Osei Kuffour
Data de nasc. 3 de setembro de 1976 (38 anos)
Local de nasc. Kumasi, Gana
Altura 1,79 m
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Ex-Zagueiro
Clubes de juventude
1992
1992-1993
Gana King Faisal Babes
Itália Torino
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1993-2005
1995-1996
2005-2008
2006-2007
2008-2009
2009
Alemanha Bayern Munich
Alemanha 1. FC Nürnberg (emp.)
Itália A.S. Roma
Itália Livorno (emp.)
Países Baixos Ajax
Gana Asante Kotoko
208 0000(9)
012 0000(1)
029 0000(0)
031 0000(1)
002 0000(0)
000 0000(0)
Seleção nacional
1993-2006 Flag of Ghana.svg Gana 059 0000(3)
Medalhas
Jogos Olímpicos
Bronze Barcelona 1992 Futebol

Samuel Osei Kuffour (Kumasi, 3 de setembro de 1976) é um ex-futebolista ganês.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Em sua carreira amadora, jogou pelo VF Kumasi e pelo KFBFC Kumasi, times ganeses, entre 1983 e 1990, antes de ser contratado para as divisões de base do Torino.

Na temporada 1994-95, assinou contrato com o Bayern de Munique, e, sem chances na equipe titular, foi emprestado para o Nuremberg na temporada seguinte. Tem nacionalidade alemã, portanto possui passaporte europeu, o que não causa transtornos em uma eventual transação.

No início da temporada 2005-06, o Newcastle da Inglaterra, dava sua transferência como certa, mas não se sabe porque Kuffour preferiu jogar pelo time da capital italiana. Na época, acreditava-se que este seria a solução para a defesa desde a venda de Samuel.

Mas após sua passagem pela Taça Africana de 2006, acabou perdendo o lugar para Mexès, que vinha em grande fase, e acabou por fechar a temporada no banco de reservas.

Seleção nacional[editar | editar código-fonte]

Com a seleção de Gana, participou das Olimpíadas de 1992 (medalha de bronze) e de 1996. Em seu país, Kuffour é muito adorado, e foi nomeado por duas vezes o jogados do ano de Gana (1998 e 2002). Grande parte do sucesso, por ter conquistado a braçadeira de capitão aos 23 anos. Isso, porém, não o livrou do afastamento na Taça Africana de 2002 por razões disciplinares. Em 1999 e 2001 foi eleito o segundo melhor jogador do continente africano.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Depois de Mehmet Scholl e de Oliver Kahn, era o jogador com mais tempo no plantel do Bayern de Munique.

Bandeira de GanaSoccer icon Este artigo sobre futebolistas ganeses é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.