Santa Albertina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura por outras definições de Santa Albertina, veja Santa Albertina (desambiguação).
Santa Albertina
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Santa Albertina
Bandeira
Brasão de armas de Santa Albertina
Brasão de armas
Hino
Gentílico santa-albertinense
Localização
Localização de Santa Albertina em São Paulo
Localização de Santa Albertina em São Paulo
Mapa de Santa Albertina
Coordenadas 20° 01' 55" S 50° 43' 40" O
País Brasil
Unidade federativa São Paulo
Municípios limítrofes Paranapuã, Mesópolis, Aspásia, Santa Rita d'Oeste e Urânia
Distância até a capital 630 km[1]
História
Fundação 27 de abril de 1947 (73 anos)
Emancipação 18 de fevereiro de 1959 (61 anos)
Aniversário 24 de junho
Administração
Prefeito(a) Vardirci Novella (PMDB, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [2] 272,8 km²
População total (Censo IBGE/2010[2]) 7 863 hab.
Densidade 28,8 hab./km²
Clima subtropical (Cwa)
Altitude 420 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2000[3]) 0,784 alto
PIB (IBGE/2009[4]) R$ 56 413 mil
PIB per capita (IBGE/2009[4]) R$ 11 300,76

Santa Albertina é um município brasileiro situado na região noroeste do estado de São Paulo. Localiza-se a uma latitude 20º01'55" sul e a uma longitude 50º43'40" oeste. A cidade tem uma população de 5.723 habitantes (IBGE/2010) e área de 272,8 km².[2]

História[editar | editar código-fonte]

A origem do município de Santa Albertina encontra-se em um povoado fundado por Belizário de Almeida em 27 de abril de 1947, em terras doadas pela família Schimidt. Em 24 de junho de 1948, foi lançada a pedra fundamental e erguido um cruzeiro.

O nome Santa Albertina foi escolhido pelo doador das terras, Francisco Schimidt, em homenagem a sua mãe. O povoado cresceu e tornou-se distrito do município de Jales em 30 de dezembro de 1953, sendo elevado à categoria de município apenas seis anos mais tarde, em 18 de fevereiro de 1959.

Geografia[editar | editar código-fonte]

A área do município, segundo o IBGE, é de 272,8 km² e a sua altitude média é de 420 metros sobre o nível do mar.

Demografia[editar | editar código-fonte]

Dados do Censo - 2010[2]

Densidade demográfica (hab./km²): 20,98

Dados do Censo - 2000

(Fonte: IPEADATA)

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

Rodovias[editar | editar código-fonte]

Comunicações[editar | editar código-fonte]

A cidade era atendida pela Telecomunicações de São Paulo (TELESP)[6], que construiu a central telefônica utilizada até os dias atuais. Em 1998 esta empresa foi privatizada e vendida para a Telefônica[7], sendo que em 2012 a empresa adotou a marca Vivo[8] para suas operações de telefonia fixa.

Administração[editar | editar código-fonte]

  • Prefeito: Vanderci Noveli (Tuquinha) (2017/2020)
  • Vice-prefeito: Aparecido Cerezo Zago
  • Presidente da câmara: Evandro Paulino Pereira (2019/2020)
  • Vereadores Eleitos de Santa Albertina-SP.
  • Administração 2017 – 2020
    • Amauri Ambrosio Gonçalves (Graia)
    • Claudinei Vieira França (Dinei da Ambulância)
    • Edilson Isaias Machado (Gatinho)
    • Evandro Paulino Pereira
    • Genivaldo Quirino de Almeida (Gene)
    • João Messias dos Santos
    • Jose Antonio Barboza (Fiinho)
    • Luiz Carlos Facin
    • Onofre Antonio Lombardi Cagnin (Nariguim)

Referências

  1. «Distâncias entre a cidade de São Paulo e todas as cidades do interior paulista». Consultado em 28 de janeiro de 2011 
  2. a b c d «Censo Populacional 2010 - IBGE» (PDF). IBGE.gov.br. Consultado em 1 de setembro de 2011 
  3. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  4. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2005-2009» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 8 jan. 2012. Arquivado do original (PDF) em 5 de agosto de 2012 
  5. «SIDRA IBGE - Tabela 608 - População residente, por situação do domicílio e sexo». IBGE. Consultado em 1 de setembro de 2011  horizontal tab character character in |título= at position 26 (ajuda)
  6. «Área de atuação da Telesp em São Paulo». Página Oficial da Telesp (arquivada) 
  7. «Nossa História». Telefônica / VIVO 
  8. GASPARIN, Gabriela (12 de abril de 2012). «Telefônica conclui troca da marca por Vivo». G1 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de São Paulo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.