Serra dos Aimorés (Minas Gerais)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Serra dos Aimorés
Bandeira de Serra dos Aimorés
Brasão de Serra dos Aimorés
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 30 de dezembro de 1962
Gentílico serrense ou serraimoreense
Prefeito(a) Iran Pacheco Cordeiro (PDT)
(2017–2020)
Localização
Localização de Serra dos Aimorés
Localização de Serra dos Aimorés em Minas Gerais
Serra dos Aimorés está localizado em: Brasil
Serra dos Aimorés
Localização de Serra dos Aimorés no Brasil
17° 46' 58" S 40° 14' 52" O17° 46' 58" S 40° 14' 52" O
Unidade federativa  Minas Gerais
Mesorregião Vale do Mucuri IBGE/2008[1]
Microrregião Nanuque IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Nanuque (MG), Mucuri, Lajedão (BA)
Distância até a capital 615 km
Características geográficas
Área 215,150 km² [2]
População 8 447 hab. Censo IBGE/2012[3]
Densidade 39,26 hab./km²
Altitude 209 m
Clima tropical Aw
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,655 médio PNUD/2000[4]
PIB R$ 75 288,465 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 8 725,05 IBGE/2008[5]
Página oficial

Serra dos Aimorés é um município brasileiro do estado de Minas Gerais, pertencente a Microrregião de Nanuque, mesorregião do Vale do Mucuri, tendo como relevo a Serra dos Aimorés. Sua população estimada em 2012 era de 8.447 habitantes

História[editar | editar código-fonte]

A Cidade foi fundada por Arnô Schaper e Hermann Júlio Reuter. Serra dos Aimorés já pertenceu a Nanuque na condição de distrito até o ano de 1962, quando foi elevada a categoria de município. A história de "serra" está ligada à instalação de depósitos e serrarias para extração da madeira, riqueza natural da região. Inicialmente, o povoado formado ao redor dos depósitos, recebeu o nome de "Km 158", passando a ser chamado, em seguida, Artur Castilho. A denominação Serra dos Aimorés, recebida posteriormente, deve-se à sua localização na serra em que habitavam os índios Aimorés, ao nordeste do Estado de Minas Gerais. Emancipou-se em 1962. Como atrativo, apresenta o Horto Florestal, com 20 mil m², plantado com árvores de pequeno porte, e uma represa, que completa o cenário. Tem uma área de 216,0 km². Sua economia esta baseada na agro-pecuária, em destaque a cana-de-açúcar. De acordo com o censo do IBGE, de 2002, sua população total é 7.752 habitantes, sendo que 1.684 moram na área rural.[6]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Sua população estimada em 2012 era de 8.447 habitantes. A elevação é de 209 metros. Fica 14 km de Nanuque, e 615 km de Belo Horizonte.[7] Em 2005 o PIB era de R$44 milhões, com R$20 milhões de serviços, 13 milhões de indústrias, e 6 milhões de agricultura. Somente 11 fazendas tinham tratores (2006). 800 pessoas eram dependentes da agricultura. As colheitas maiores eram cana, coco, feijão, e milho. Tinham 26,000 cabeças de gado (2006). Em 2007 tinha um só banco, e 382 automóveis (203 motocicletas).[8]

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «Censo Populacional 2012». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  6. «História de Serra dos Aimorés»  acessado em 30 de agosto de 2011
  7. Citybrazil
  8. [1]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Minas Gerais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.