Superleague Fórmula

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Superleague Fórmula
Superleague Formula logo.svg.png
Categoria Monolugares
País/Região Internacional
Primeira Temporada 2010
Extinto 2011
Pilotos 18
Equipas 18
Construtores Estados Unidos Élan Motorsport Technologies[1]
Fornecedor(es) de motores Estados Unidos Menard
Fornecedor(es) de pneus França Michelin
www.superleagueformula.com

A Superleague Fórmula (ou Fórmula Superliga), com um conceito não só de clubes futebolísticos e de seleções nacionais, que se designa oficialmente por Superleage Formula Nations Cup[2] , foi um campeonato de automobilístico de monolugares, que começou em 2008, no circuito de Donington Park, no Reino Unido tendo sido extinto no final de 2011. O campeonato introduziu equipas patrocinadas por clubes de futebol. O lema do campeonato é, agora, Racing like you've never seen. O campeonato é supervisionado pelos empresários e fundadores da Superleague Fórmula Alex Andreu e Robin Webb. A temporada costuma decorrer entre Abril e Novembro, ao mesmo tempo da maioria dos campeonatos de automobilismo da Europa. Os carros são semelhantes aos de Fórmula 1. Contudo, as equipas usam todas carros idênticos, e motores V-12 de 750 cavalos.

Até 2010, inclusive, a Superleague Fórmula baseava a sua "filosofia" em competição entre clubes de futebol, tendo sido o seu lema nesta altura The Beautiful Race: Futebol a 300 km/h. Em 2009 e 2010, o Grupo Sonangol foi o patrocinador principal do campeonato, tendo dado parte do nome ao campeonato desde Junho de 2009 (Superleague Fórmula by Sonangol).[3]

História[editar | editar código-fonte]

Adoptando o conceito da Premier 1 Grand Prix, a Superleague Fórmula foi anunciada em 2005, recebendo total aprovação da FIA em Dezembro desse ano. O objectivo foi ter 20 equipas a disputar o campeonato, com um carro cada. Grande parte das vendas, do marketing e do trabalho tecnológico seria realizado pelo campeonato, permitindo assim consideráveis poupanças de custo para as equipas.

Primeira Temporada (2008)[editar | editar código-fonte]

A primeira época foi ganha pelo clube chinês Beijing Guoan, cujo carro foi conduzido pelo piloto italiano de FIA GT Davide Rigon. A época consistiu em 6 rondas de 2 corridas cada, com 18 clubes a competir. Nesta época, também venceram corridas as equipas do Liverpool F.C., da A.C. Milan, do PSV Eindhoven, do F.C. Porto, do Sevilla FC, do Al Ain FC e do Borussia Dortmund. A primeira corrida de sempre do campeonato foi vista em 62 países. 100,000 pessoas viram as 12 corridas, com 34,000 adeptos a assistirem ao vivo à última ronda da época, no Circuito de Jerez (Espanha). Essa ronda foi transmitida em directo em 70 países.[4]

Segunda temporada (2009)[editar | editar código-fonte]

A segunda temporada foi ganha pelo clube inglês Liverpool F.C., que teve o piloto espanhol Adrián Vallés ao volante durante toda a época. A temporada consistiu em 6 rondas de 2 corridas pontuáveis cada, às quais se adicionam uma 3ª corrida não pontuável (Super Final) nas rondas 1, 3, 4 e 6. Esta 3ª corrida destina-se a apurar o 'Vencedor do Fim-de-Semana', e dá um prémio monetário ao vencedor. Ao todoo, 19 clubes disputaram a temporada. Nesta época, houve clubes a alcançar a sua primeira vitória: o Tottenham Hotspur F.C., o FC Basel, o Rangers F.C., o Olympiacos CFP, o Sporting CP, o R.S.C. Anderlecht e o Galatasaray S.K.. O formato com a 3ª corrida, Super Final, incluída, foi estreado nesta época e continua para a época seguinte, desta feita com essa 3ª corrida disputada em todas as rondas.

Terceira Temporada (2010)[editar | editar código-fonte]

A terceira temporada do campeonato assistiu à maior mudança até então, com o calendário a passar de 6 para 12 rondas e com subidas no valor do prémio monetário de cada corrida e do fim da temporada. No entanto, não aumentou o número de clubes de futebol a disputar o campeonato.[5] Numa entrevista na pré-temporada, o Director de Competição da Superleague Fórmula, Robin Webb said, disse: [5]

O novo fundo de prémios oferece aos pilotos e equipas um incentivo realmente grande para o topo da tabela da Superleague Fórmula de Novembro próximo. Não vejo mais nada na Europa que ofereça este nível de prémios monetários aos vencedores, não em menção a corridas individuais como no caso da Super Final. Tudo em tudo, o campeonato agora oferece mesmo aos pilotos a hipótese de ganhar uma vida do desporto motorizado, algo que não é possível num campeonato de monolugares fora da Fórmula 1.

Davide Rigon, ao volante do R.S.C. Anderlecht, foi o campeão[6]


Quarta Temporada (2011)[editar | editar código-fonte]

Para a quarta época, a Superleague Fórmula deixou de ser um campeonato exclusivamente entre clubes de futebol. Neste ano, o principal enfoque do campeonato são as nações (mesmo as equipas a representarem clubes de futebol representam também o seu país, como por exemplo o campeão de 2010, o R.S.C. Anderlecht, que em 2011 se denomina Team Belgium - R.S.C. Anderlecht, havendo também nações individuais, como é o caso da Team Japan). Com esta mudança de filosofia, o campeonato passou a designar-se Superleague Fórmula Nations Cup[2] .

Campeões[editar | editar código-fonte]

Temporada Número
de Rondas
Número
de Clubes/Nações
Número
de Equipas
Número
de Pilotos
Campeões Segundos Terceiros
2008 6 18* 10* 26* República Popular da China Beijing Guoan
ItáliaDavide Rigon
Alemanha Zakspeed
Países Baixos PSV Eindhoven
Países Baixos Yelmer Buurman
Bélgica Azerti Motorsport
Itália A.C. Milan
Países Baixos Robert Doornbos
Itália Scuderia Playteam
2009 6 19* 8* 26* Inglaterra Liverpool F.C.
Espanha Adrian Valles
Reino Unido Hitech Racing
Inglaterra Tottenham Hotspur F.C.
Reino Unido Craig Dolby
Flag of None.svg Alan Docking Racing
Suíça FC Basel
Alemanha Max Wissel
Alemanha GU-Racing International
2010 12 19* 10* 34* Bélgica R.S.C. Anderlecht
Itália Davide Rigon
Bélgica Azerti Motorsport
Inglaterra Tottenham Hotspur F.C.
Reino Unido Craig Dolby
Flag of None.svg Alan Docking Racing
Suíça FC Basel
Alemanha Max Wissel
Alemanha GU-Racing International-
2011 2 16 4 16  Austrália
Austrália John Martin
 Japão
Japão Duncan Tappy/Robert Doornbos
 Luxemburgo
Luxemburgo Frédéric Vervisch

Nota:na época de 2011 só se realizaram 2 das 7 provas previstas.

Participantes[editar | editar código-fonte]

Lista detalhada[editar | editar código-fonte]

Esta é uma lista dos clubes que já iniciaram pelo menos uma corrida na Superleague Fórmula.

O carro do PSV Eindhoven de 2008, pilotado por Yelmer Buurman.
Carro do Rangers F.C. de 2008, pilotado, em 2008 por Ryan Dalziel.
Largada da ronda do Estoril de 2009.
Primeira temporada na SF Nação/Clube de Futebol Equipa na SF Equipa Técnica Atual Piloto Atual Outros pilotos da
Temporada Atual
Site Oficial da Nação / do Clube*
2008 Itália
A.C. Milan
Equipa da SF da A.C. Milan Inactivo Inactivo Inactivo N/A / acmilan.com
2008 =Emirados Árabes Unidos
Al Ain
Equipa da SF do Al Ain FC Inactivo Inactivo Inactivo N/A / alainclub.com
2008 Itália
A.S. Roma
Equipa da SF da A.S. Roma Inactivo Inactivo Inactivo N/A / asroma.it
2011 Austrália
Austrália
Equipa da SF Team Australia[2] Reino Unido
Alan Docking Racing
Austrália
John Martin[2]
australia.gov.au / N/A
2008 República Popular da China
Beijing Guoan FC
Equipa da SF do Beijing Guoan Inactivo Inactivo Inactivo N/A / fcguoan.com/
2008 Bélgica
Bélgica - R.S.C. Anderlecht
Equipa da SF Team Belgium -
R.S.C. Anderlecht
[2]
Bélgica
Azerti Motorsport
Suíça
Neel Jani[2]
monarchie.be / rsca.be
2011 Brasil
Brasil
Equipa da SF Team Brazil[2] Reino Unido
Alan Docking Racing
Brasil
Antônio Pizzonia[2]
brasil.gov.br / N/A
2010 República Popular da China
China
Equipa da SF Team China[7] [2] Espanha
EmiliodeVillota Motorsport
República Popular da China
Ho-Pin Tung[2]
english.gov.cn / N/A
2010 Coreia do Sul
Coreia do Sul
Equipa da SF Team South Korea[8] Espanha
EmiliodeVillota Motorsport
Alemanha
Max Wissel[8]
korea.net / N/A
2008 Brasil
CR Flamengo
Equipa da SF do CR Flamengo Inactivo Inactivo Inactivo N/A / flamengo.com.br
2008 Espanha
Espanha - Atlético de Madrid
Equipa da SF Team Spain -
Atl. Madrid
[2]
Espanha
EmiliodeVillota Motorsport
Reino Unido
John Martin[2]
casareal.es / clubatleticodemadrid.com/
2008 Suíça
FC Basel
Equipa da SF do FC Basel Inactivo Inactivo Inactivo N/A / fcb.ch
2009 Dinamarca
FC Midtjylland
Equipa da SF do FC Midtjylland Inactivo Inactivo Inactivo N/A / fcm.dk/
2008 Portugal
F.C. Porto
Equipa da SF do FC Porto Inactivo Inactivo Inactivo N/A / fcporto.pt
2010 França
França - GD Bordeaux
Equipa da SF Team France -
GD Bordeaux
[2]
Bélgica
Azerti Motorsport
França
Tristan Gommendy[2]
france.fr / girondins.com/
2011 Inglaterra
Inglaterra
Equipa da SF Team England[2] Reino Unido
Alan Docking Racing
Reino Unido
Craig Dolby[2]
direct.gov.uk / N/A
2011 Japão
Japão
Equipa da SF Team Japan[2] Reino Unido
Atech Reid Grand Prix
Reino Unido
Duncan Tappy[2]
knaicho.go.jp; kantei.go.jp / N/A
2011 Países Baixos
Holanda
Equipa da SF Team Netherlands[2] Reino Unido
Atech Reid Grand Prix
Países Baixos
Robert Doornbos[2]
holland.com / N/A
2008 Países Baixos
Holanda - PSV Eindhoven
Equipa da SF Team Netherlands -
PSV Eindhoven
[2]
Bélgica
Azerti Motorsport
Países Baixos
Yelmer Buurman[2]
holland.com / psv.nl
2008 Inglaterra
Liverpool F.C.
Equipa da SF do Liverpool FC Inactivo Inactivo Inactivo N/A / liverpoolfc.tv/
2011 Luxemburgo
Luxemburgo
Equipa da SF Team Luxembourg[2] Reino Unido
Atech Reid Grand Prix
Bélgica
Frédéric Vervisch
etat.lu / N/A
2011 Luxemburgo
Nova Zelândia
Equipa da SF Team New Zealand[2] Reino Unido
Atech Reid Grand Prix
Nova Zelândia
Chris van der Drift[9]
Nova Zelândia
Earl Bamber
newzealand.govt.nz / N/A
2008 Grécia
Olympiacos CFP
Equipa da SF do Olympiacos CFP Inactivo Inactivo Inactivo N/A / olympiacos.org
2009 França
Olympique Lyonnais
Equipa da SF do Olympique Lyonnais Inactivo Inactivo Inactivo N/A / olweb.fr/
2008 Escócia
Rangers F.C.
Equipa da SF do Rangers F.C. Inactivo Inactivo Inactivo N/A / rangers.co.uk
2011 República Checa
Rep. Checa - AC Sparta Praha
Equipa da SF Team Czech Republic -
AC Sparta Praha
[2]
Reino Unido
Atech Reid Grand Prix
República Checa
Filip Salaquarda
czech.cz / sparta.cz
2011 Rússia
Rússia
Equipa da SF Team Russia[10] Reino Unido
Atech Reid Grand Prix
Rússia
Mikhail Aleshin[10]
kremlin.ru / N/A
2008 Brasil
SC Corinthians
Equipa da SF do SC Corinthians Inactivo Inactivo Inactivo N/A / corinthians.com.br
2008 Espanha
Sevilla FC
Equipa da SF do Sevilla FC Inactivo Inactivo Inactivo N/A / sevillafc.es
2009 Portugal
Sporting CP
Equipa da SF do Sporting CP Inactivo Inactivo Inactivo N/A / sporting.pt/
2008 Inglaterra
Tottenham Hotspur F.C.
Equipa da SF do Tottenham Hotspur F.C. Inactivo Inactivo Inactivo N/A / tottenhamhotspur.com/
2008 Turquia
Turquia - Galatasaray S.K.
Equipa da SF Team Turkey -
Galatasaray S.K.
[2]
Espanha
EmiliodeVillota Motorsport
Espanha
Andy Soucek[2]
tccb.gov.tr / galatasaray.org

* N/A - Não aplicável; na existência de website oficial do país, o website mencionado do país é o website oficial do órgão representante (Presidência da República ou Governo) ** - Lista ordenada alfabeticamente por nação representada e clube, se anterior a 2011.

Participantes por continentes[editar | editar código-fonte]

Nações/Clubes de Futebol Participantes
Américas Ásia Europa Oceânia

Brasil
CR Flamengo (SF)

Brasil
SC Corinthians (SF)

Brasil
Team Brasil

=Emirados Árabes Unidos
Al Ain FC (SF)

República Popular da China
Beijing Guoan (SF)

República Popular da China
Team China

Coreia do Sul
Team South Korea

Japão
Team Japão

Itália
A.C. Milan (SF)

Itália
A.S. Roma (SF)

Suíça
FC Basel (SF)

Alemanha
Borussia Dortmund (SF)

Dinamarca
FC Midtjylland (SF)

Portugal
F.C. Porto (SF)

Inglaterra
Liverpool F.C. (SF)

Grécia
Olympiacos CFP (SF)

França
Olympique Lyonnais (SF)

Escócia
Rangers F.C. (SF)

Espanha
Sevilla FC (SF)

Portugal
Sporting CP (SF)

Inglaterra
Tottenham Hotspur (SF)

Bélgica
Team Belgium - R.S.C. Anderlecht

Inglaterra
Team England

Espanha
Team Spain - Atl. Madrid

França
Team France - GD Bordeaux

Turquia
Team Turkey - Galatasaray S.K.

Países Baixos
Team Netherlands

Países Baixos
Team Netherlands - PSV Eindhoven

Luxemburgo
Team Luxembourg

República Checa
Team Rep. Checa - AC Sparta Praha

Rússia
Team Russia

Austrália
Team Australia

Nova Zelândia
Team New Zealand

A negrito os clubes em actividade

Formato de Corridas[editar | editar código-fonte]

O formato de corridas da Superleague Fórmula incorpora treinos e uma qualificação, no Sábado, e corridas ao Domingo, tendo a 2ª delas a grelha de partida estabelecida a partir da inversão total das posições finais da 1ª corrida. Em cada ronda, as equipas competem por prémios monetários e pontos no campeonato.

2008[editar | editar código-fonte]

Galatasaray S.K. no pitlane, 2008
  • Sábado: Treino Livre de 45 minutos, qualificação e sessão de rookies.
  • Domingo: Duas corridas de 45 minutos (a 2ª com grelha invertida).
  • 1 Milhão de Euros de prémio monetário por fim-de-semana de corrida.

Novo em 2009[editar | editar código-fonte]

  • Sábado: Dois Treinos Livres de 45 minutos, Sessão de rokkies de 1 hora e qualificação.
  • Domingo: Duas corridas de '44 minutos mais uma volta (a 2ª com grelha invertida).
  • Pit stop obrigatório nas Corridas 1 e 2, que deve ser feito entre as voltas 8 e 20.
  • Uma 3ª corrida de 5 voltas, a Super Final, que foi disputada em 4 das 6 rondas do campeonato. Participaram nela os 6 mais pontuados no conjunto das Corridas 1 e 2. Destina-se a encontrar o 'Vencedor do Fim-de-Semana' e não dá pontos para o campeonato.
  • €333,000 de prémio monetário para dividir em cada fim-de-semana, incluindo €5,000 pela pole position para a Corrida 1 e €3,000, €2,000 e €1,000 para os três lugares do pódio nas Corridas 1 e 2, bem como um prémio monetário de todo o fim-de-semana para os 20 melhores carros por desempenho. O mais que um clube pode obter por fim-de-semana seria €111,000.[11]

Novo em 2010[editar | editar código-fonte]

  • Formatos de corrida e qualificação serão praticamente inalterados em relação a 2009.
  • A 3ª Corrida, Super Final, será em todas as rondas, e não apenas em algumas.
  • O campeonato irá oferecer o maior fundo de prémios no desporto motorizado europeu, com os campeões a ganharem 1 Milhão de euros. €500,000 irãp para o 2º classificado final e €250,000 para o 3º classificado final. Mais de 5 milhões de euros serão distribuídos no total ao longo da época de 2010, com €100,000 a irem para o 'Vencedor do Fim-de-Semana' de cada uma das 12 corridas. É possível que um participante ganhe mais de 2.2 milhões de euros ao longo da época.[5]
  • Os pilotos têm que terminar as corridas para somar pontos

Novo em 2011[editar | editar código-fonte]

  • Introdução do formato "Nations Cup"
  • As Super-Finais são disputadas entre os 8 melhores do conjunto das 2 corridas principais. Os 7º e 8º desta corrida não pontuam.

Formato da Qualificação[editar | editar código-fonte]

Este é o formato da qualificação para a 1ª corrida de cada ronda da Superleague Fórmula:

  • 1 - Sorteio Grupo A / Grupo B
  • 2 - Qualificação: O piloto mais rápido de todos define em que lado da grelha partem os últimos 5 carros de cada grupo.
  • 3 - Os cinco mais lentos do grupo do piloto mais rápido da Qualificação partem dos 9º, 11º, 13º, 15º e 17º lugares da grelha.
  • 4 - Os cinco mais lentos do outro grupo partem dos 10º, 12º, 14º, 16º e 18º lugares da grelha.
  • 5 - Quartos-de-Final 1: O primeiro do grupo mais rápido contra o 4º dos pilotos mais lentos: o perdedor parte de 8º lugar na grelha.
  • 6 - Quartos-de-Final 2: O primeiro do grupo mais lento contra o 4º mais rápido dos mais rápidos. O perdedor parte de 7º lugar na grelha.
  • 7 - Quartos-de-Final 3: O segundo do grupo mais rápido contra o 3º do dos mais lentos: o perdedor parte de 6º lugar na grelha.
  • 8 - Quartos-de-Final 4: O segundo do grupo mais lento contra o 3º do grupo mais rápido: o perdedor parte de 5º lugar na grelha.
  • 9 - Semi-Final 1: O vencedor dos Quartos-de-Final 1 contra o vencedor dos Quartos-de-Final 4: o perdedor parte de 4º lugar na grelha.
  • 10 - Semi-Final 2: O vencedor dos Quartos-de-Final 2 contra o vencedor dos Quartos-de-Final 3: o perdedor parte de 3º lugar na grelha.
  • 11 - Final: Vencedor da Semi-Final 1 contra o vencedor da Semi-Final 2: o perdedor parte de 2º lugar na grelha, e o vencedor obtém a pole position.


Sistema de pontuação[editar | editar código-fonte]

O campeonato é decidido por pontos, que são dados de acordo com a posição da equipa no fim de cada corrida, que são duas pontuáveis por fim-de-semana de corrida. É este o sistema de pontuação:[11]

Corridas 1 e 2 Posição 10º 11º 12º 13º 14º 15º 16º 17º 18º 19º 20º 21º 22º NT/NC
Pontos 50 45 40 36 32 29 26 23 20 18 16 14 12 10 8 7 6 5 4 3 2 1 0
Super-Final
Disputada pelos 8 melhores
no conjunto Corridas 1 e 2
Posição NA/NC
Pontos 6 5 4 3 2 1 0 0 0

Ao contrário da Fórmula 1 e de muitos outros campeonatos de monolugares europeus, não é preciso finalizar a corrida para ganhar pontos, apenas é necessário partir. Os pontos dados consoante a posição não varia entre a Corrida 1 e a Corrida 2, apesar da última ter a grelha totalmente invertida, com os carros mais lentos da 1ª corrida a terem vantagem na frente. Desde o início de 2009 que é normal haver uma 3ª Corrida Super Final, no fim do fim-de-semana de corrida, mas esta corrida não dá pontos, apenas determina o 'Vencedor do Fim-de-Semana'.

Circuitos[editar | editar código-fonte]

The Autodromo Nazionale Monza has hosted a Superleague Formula round since 2009

A maior parte dos circuitos atuais em uso na Superleague Fórmula foram construídos especialmente para competição, havendo, porém, um circuito urbano (o Beijing SC, em Pequim[12] ). Até 2009, todas as rondas foram realizadas na Europa, mas neste ano foram introduzidas duas rondas na China, no circuito de Ordos (em Ordos[13] e no Circuito Urbano de Pequim, em Pequim [12] . Em 2011, o calendário oficial inclui corridas no Brasil (no circuito de Goiânia e na pista de Curitiba), na China (no circuito urbano de Pequim), na Nova Zelândia (no circuito de Taupo) e no Médio Oriente (local a designar)[14] [15] . Foi também anunciada uma ronda na Rússia[14] [15] , mas esta foi cancelada porque o circuito não estaria pronto a tempo [16] No total, 21 diferentes circuitos, de 12 países, acolheram pelo menos uma ronda da Superleague Fórmula. O primeiro de todos foi Donington Park, onde se realizou a 1ª ronda de 2008. Apenas o circuito de Zolder acolheu o campeonato em todas as temporadas até agora.


Recordes[editar | editar código-fonte]

Pilotos e equipas notáveis[editar | editar código-fonte]

Pilotos que já correram na Fórmula 1 (anos no campeonato entre parêntesis)
Pilotos que já correram/correm na Champ Car/IndyCar Series (anos no campeonato entre parêntesis)
Equipas que já correram na Fórmula 1

A negrito os pilotos em actividade

Transmissões televisivas[editar | editar código-fonte]

Em 2011, o canal Motors TV assegurou os direitos de transmissão directa de todas as rondas da Superleague Fórmula, e para Robin Webb, director do campeonato, o canal de televisão em causa é

um fantástico parceiro que nos vai ajudar a atingir esse objetivo" [de transmitir as corridas em directo]

. Além das corridas, a cobertura da Motors TV inclui a acção nas boxes nos intervalos de 20 minutos entre as corridas[17] . Antes de 2011, os direitos da transmissão da Superleague Fórmula eram comprados pelas várias televisões que assim o quisessem, como foi o caso da TVI ou da Sport TV, em Portugal, ou da TV Esporte Interativo, no Brasil.

Tecnologia[editar | editar código-fonte]

O carro é construído pela Panoz, sob o banner Élan Motorsport Technologies e é oficialmente nomeado Panoz DP09. O motor é da Menard Competition Technologies, é V-12 de 4.2 litros e tem 750 cv. A Élan já construiu o carro Panoz DP01 para a Champ Car, bem como carros para outros campeonatos.
O chassis é construído numa faixa de 2 metros, com o entretenimento em mente, usando aerodinâmica a baixo do corpo para criar as condições necessárias para oportunidades de ultrapassagem aumentadas. Os carros são sujeitos aos últimos testes de segurança da FIA, e esteve em desenvolvimento durante o ano de 2007.

A 14 de Janeiro de 2010, a Menard Competition Technologies recebeu um prémio da Associação de Indústria do Desporto Motorizado para a Tecnologia e Inovação pelos seus "excelente design e engenharia realizados no motor V12 da Superleague". [18]

Detalhes do carro[editar | editar código-fonte]

  • Tubo em Fibra de carbono para força e leveza extremas
  • Aerodinâmica debaixo do corpo para facilitar a condução e as ultrapassagens
  • Caixa de Velocidades Hewland de 6 velocidades com transmissão Hewland semi-automática
  • Dashboard / Registo de Dados do Sistema Pi “SIGMA”
  • Pneus Slick de corrida sem sulcos
  • Ponto de Peso: 750 kg [19]

Detalhes do motor[editar | editar código-fonte]

  • Nº de cilindros: 12
  • Capacidade: 4.2 Litros
  • Configuração: 60 graus em formação V
  • Peso: 140 kg (Seco)
  • Peak Power: 750 cv (560 kW) @ 11,750 rpm
  • Máximo de RPM: 12,000
  • Peak Torque: 510N·m @ 9,500-10,500[20]

Performance[editar | editar código-fonte]

No Magny-Cours em 2009, o melhor tempo de qualificação para um carro de Superleague Fórmula foi de 1:26.391, quase 11.5 segundos mais lento do que o mais rápido na qualificação para o GP da França de 2008 de F1, que foi de 1:15.024.[21] Quer a Superleague Fórmula, quer a Fórmula 1, correram em Monza em 2009, o que permitiu uma comparação quase em tempo real. O tempo mais rápido do GP da Itália de 2009 da Fórmula 1 aconteceu na 2ª Parte da qualificação, com piso seco e foi de 1:22.955. Um mês depois, também durante uma qualificação em piso seco, o tempo mais rápido da SLF durante a Ronda 5 de 2009 da Superleague Fórmula foi de 1:36.444, 13.5 segundos mais lento do que na F1.

Apesar de possuir um motor tão potente quanto o motor de um Fórmula 1, esta diferença de desempenho no comparativo dos tempos das voltas da Superleague Fórmula e um Fórmula 1 pode claramente ser atribuída principalmente a diferença de desempenho dos pneus entre as duas categorias e o peso total do carro. Na Superleague Fórmula o peso dos carros chega a ultrapassar facilmente a marca de 100 kilos mais pesado. Já os pneus possuem uma área de contato com o solo reduzida em relação aos pneus dos carros de Fórmula 1. Em relação a um Fórmula 1, o carro então produz menos aderência. O equilibrio é prejudicado e a relação peso/potência também, reduzindo ainda mais o tempo das voltas.

Pode-se dizer, portanto, que com as novas regras da Fórmula 1 em vigor desde a temporada de 2010, que inclui a eliminação do reabastecimento, os carros ficaram mais pesados e com tanques de combustíveis maiores. Desta forma, o peso e a relação peso/potência de um Fórmula 1 em comparação com um Superleague Fórmula ficaram mais próximos, aproximando também o tempo das voltas.

Outros[editar | editar código-fonte]

Um jogo de computador para a Superleague Fórmula foi feito pela Media Game e pela Image Space Incorporated, sendo publicado para PC a 31 de Outubro de 2009, apesar da data originalmente anunciada ser Setembro de 2009.[22] O jogo, publicado para download pelo website oficial do campeonato, tem os 18 clubes e 6 circuitos da temporada de 2009. Durante a ronda de Donington alguns pilotos do campeonato testaram o novo jogo, dando feedback positivo.[23]


Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Car & Engine. superleagueformula.com. Superleague Formula. Página visitada em 2008-08-28.
  2. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z aa "Full Lineup Announced For Superleague Nations Cup", The Checkered Flag, The Checkered Flag, 3 de Junho de 2011. Página visitada em 7 de Julho de 2011.
  3. Sulka, M.. "Sonangol becomes Superleague Formula title sponsor for 2009 and 2010 seasons", paddocktalk.com, paddocktalk.com, 24 de Junho de 2009. Página visitada em 7 de Julho de 2011.
  4. "Reception of Superleague Formula's first season consolidates the championship for 2009", superleagueformula.com, Superleague Formula, 2008-12-17. Página visitada em 2010-01-19.
  5. a b c "Superleague Formula by Sonangol champion set to net one million euro prize money in 2010", enzoldersuperleague.nl, enzoldersuperleague.nl. Página visitada em 7 de Julho de 2011.
  6. Rigon celebrates Superleague accomplishment. gpupdate.net gpupdate.net (25 de Outubro de 2010). Página visitada em 7 de Julho de 2011.
  7. Superleague Fórmula chega à China com novidades no grid e campeão de volta. TV Esporte Interativo (1 de Outubro de 2010). Página visitada em 21 de Junho de 2011.
  8. a b AutoSport (27 de Junho de 2011). Max Wissel de regresso à Superleague Formula. Impresa. Página visitada em 27 de Junho de 2011.
  9. "Chris van der Drift returns to Superleague Formula", paddocktalk.com, paddocktalk.com, 18 de Junho de 2011. Página visitada em 7 de Julho de 2011.
  10. a b Champion Aleshin joins Superleague Formula. GPUpdate GPUpdate (7 de Julho de 2011). Página visitada em 7 de Julho de 2011.
  11. a b Who we are. Superleague Fórmula. Superleague Fórmula. Página visitada em 8 de Julho de 2011.
  12. a b Superleague: Set for thrilling debut in Beijing. torque-online.co.uk torque-online.co.uk (7 de Outubro de 2010). Página visitada em 8 de Julho de 2011.
  13. SF : Ordos to host first of groundbreaking Chinese Superleague Formula rounds. f1sa.com f1sa.com (27 de Julho de 2010). Página visitada em 8 de Julho de 2011.
  14. a b Superleague Formula anuncia GP’s em Curitiba e em Goiânia. sdosenna.com (5 de Maio de 2011). Página visitada em 8 de Julho de 2011.
  15. a b Superleague Formula anuncia novo calendário para 2011. Impresa AutoSport. Página visitada em 8 de Julho de 2011.
  16. New Russian venue won't be ready in time, say circuit bosses. Motors TV (22 de Junho de 2011). Página visitada em 8 de Julho de 2011.
  17. Motors TV assegura cobertura televisiva da Superleague Formula em 2011. Impresa AutoSport. Página visitada em 8 de Julho de 2011.
  18. http://www.superleagueformula.com/superleague/News-Media/News-archive/MCT-wins-coveted-business-award
  19. Car design Technical data. superleagueformula.com. Superleague Formula. Página visitada em 2009-06-28.
  20. Engine Overview Technical data. superleagueformula.com. Superleague Formula. Página visitada em 2009-06-28.
  21. Qualification. superleagueformula.com. Superleague Formula (2009-06-27). Página visitada em 2009-06-28.
  22. "Superleague Formula announces launch of official videogame", superleagueformula.com, Superleague Formula, 2009-07-02. Página visitada em 2010-01-19.
  23. "Star drivers test new Superleague Formula video game", superleagueformula.com, Superleague Formula, 2009-08-13. Página visitada em 2010-01-19.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]