Superliga Brasileira de Voleibol Masculino - Série B

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Superliga Série B
Voleibol Volleyball (indoor) pictogram.svg
País  Brasil
Confederação CSV
Organizador CBV
Informações gerais
Número de equipes 9
Divisão Segunda Divisão
Promoção Série A
Temporadas
Primeira temporada 2012
Temporada atual 2018
Primeiro campeão Rio Grande do Sul Vôlei Canoas
Atual campeão São Paulo Vôlei Ribeirão
Maior campeão Paraná ACE de Castro
Goiás Montecristo Voleibol
Rio Grande do Sul Vôlei Canoas
Minas Gerais ASE Sada
São Paulo São José Vôlei
Rio de Janeiro Sesc Rio
São Paulo Vôlei Ribeirão (1 título)
Página oficial da competição

Campeonato Brasileiro de Voleibol Masculino - Segunda Divisão, também conhecido como Superliga Série B, é a segunda divisão do principal torneio de voleibol masculino do Brasil. O torneio é organizado anualmente pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e dá acesso ao seu campeão à elite do voleibol brasileiro, a Superliga Série A. Nas temporadas anteriores a 2011/2012 este acesso era conquistado pela Liga Nacional, que antes de ser extinta, qualificava seu campeão e vice para a Série B.

Os direitos de transmissão da Série B no Brasil pertencem ao SporTV em TV fechada.

Edição atual[editar | editar código-fonte]

Vaga Equipe Cidade Temporada 2017
Baixa 11º Colocado na Superliga A Uberlândia[3] Minas Gerais Uberlândia Baixa 8º (Superliga B)
Baixa 12º Colocado na Superliga A Super Vôlei Santo André[4] São Paulo Santo André Aumento 3º (Taça Prata)
Estável 2º Colocado na Superliga B Botafogo/RJ Rio de Janeiro Rio de Janeiro Estável 3º (Superliga B)
Estável 3º (Taça Ouro)
Estável 3º Colocado na Superliga B Blumenau Santa Catarina Blumenau Estável 4º (Superliga B)
Estável 4º Colocado na Superliga B UPIS Brasília[1] Distrito Federal (Brasil) Brasília Baixa 6º (Superliga B)
Estável 5º Colocado na Superliga B Montecristo[2] Goiás Goiânia Baixa 7º (Superliga B)
Aumento 1º Colocado na Taça Prata Vôlei Ribeirão São Paulo Ribeirão Preto Aumento 1º (Taça Prata)
Aumento 2º Colocado na Taça Prata Itapetininga São Paulo Itapetininga Aumento 2º (Taça Prata)
Notas
[1] ^ :Herda a vaga com a desistência da equipe goiana do Clube Jaó, que havia terminado a Superliga B na segunda posição.[1]
[2] ^ :Herda a vaga com a desistência da equipe paranaense do ASPMA Araucária, que havia terminado a Superliga B na quinta posição.
[3] ^ :Herdou a vaga pois a equipe paulista do Sâo Bernardo (representada pela sua filial Corinthians), reconquistou a sua vaga na Elite através da Taça Ouro.[2]
[4] ^ :Herdou a vaga pois a equipe paranaense do ACE de Castro (vice campeã da Taça Ouro) reconquistou a sua vaga na Elite após a desistência do Bento Vôlei.[3]

Resultados[editar | editar código-fonte]

SUPERLIGA BRASILEIRA DE VOLEIBOL MASCULINO - SÉRIE B
Ano Campeão Vice-campeão Terceiro lugar
2012
Detalhes
Rio Grande do Sul
Vôlei Canoas
São Paulo
FUNVIC Pindamonhangaba
São Paulo
AD Santo André
2013
Detalhes
Goiás
Montecristo Voleibol
São Paulo
AE Atibaia
São Paulo
São José Vôlei
2014
Detalhes
São Paulo
São José Vôlei
Rio Grande do Sul
Voleisul
Minas Gerais
ASE Sada
2015[4]
Detalhes
Minas Gerais
ASE Sada
Rio Grande do Sul
Bento Vôlei
São Paulo
SESI-SP
2016[5]
Detalhes
Paraná
ACE Castro
São Paulo
SESI-SP
São Paulo
ADC São Bernardo
2017[6]
Detalhes
Rio de Janeiro
SESC-RJ
Goiás
Clube Jaó
Rio de Janeiro
Botafogo/RJ
2018
Detalhes
São Paulo
Vôlei Ribeirão
São Paulo
Itapetininga
Rio de Janeiro
Botafogo/RJ

Referências

  1. «Vice-campeão, Clube Jaó desiste de disputar próxima edição da Superliga B». Espaço do Vôlei. 18 de outubro de 2017. Consultado em 28 de fevereiro de 2018 
  2. «Corinthians bate o Botafogo, fatura Taça Ouro e conquista vaga na Superliga». Globo Esporte. 13 de agosto de 2017. Consultado em 28 de fevereiro de 2018 
  3. «Bento Vôlei desiste da Superliga 2017/2018». Melhor do Vôlei. 23 de agosto de 2017. Consultado em 28 de fevereiro de 2018 
  4. «Sada Cruzeiro Unifemm é campeão da Superliga B». Gazeta Esportiva. Terra. 5 de abril de 2015. Consultado em 11 de janeiro de 2016. Cópia arquivada em 11 de janeiro de 2016 
  5. «Castro bate equipe B do Sesi-SP e é campeão da Superliga B masculina». globoesporte.com. Grupo Globo. 18 de março de 2016. Consultado em 29 de março de 2016. Cópia arquivada em 29 de março de 2016 
  6. «Sesc-RJ atropela o Jaó, conquista a Superliga B e garante vaga na elite». globoesporte.com. Grupo Globo. 15 de abril de 2017. Consultado em 16 de abril de 2017. Cópia arquivada em 16 de abril de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]