Tapauá

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Tapauá
"Princesinha do Purus"
"Capital Mundial da Pesca"
Bandeira indisponível
Brasão indisponível
Bandeira indisponível Brasão indisponível
Hino
Fundação 19 de dezembro de 1955 (61 anos)
Gentílico tapauaense; tapauara
Padroeiro(a) Santa Rita de Cássia
Prefeito(a) José Bezerra Guedes (PMDB)
(2017–2020)
Localização
Localização de Tapauá
Localização de Tapauá no Amazonas
Tapauá está localizado em: Brasil
Tapauá
Localização de Tapauá no Brasil
05° 37' 40" S 63° 10' 58" O05° 37' 40" S 63° 10' 58" O
Unidade federativa  Amazonas
Mesorregião Sul Amazonense IBGE/2008[1]
Microrregião Purus IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Oeste: Carauari e Itamarati;
Norte: Tefé e Coari;
Leste: Humaitá e Manicoré;
Nordeste: Beruri e Anori;
Sul: Lábrea e Pauini
Distância até a capital 565 km
Características geográficas
Área 89 324,259 km² (BR: 5º)[2]
População 18 039 hab. estimativa populacional - IBGE/2016[3]
Densidade 0,2 hab./km²
Clima equatorial Am
Fuso horário UTC-4
Indicadores
IDH-M 0,502 baixo PNUD/2010 [4]
PIB R$ 153 076 mil IBGE/2013[5]
PIB per capita R$ 8 327,06 IBGE/2013[5]
Página oficial

Tapauá é um município brasileiro do interior do estado do Amazonas, Região Norte do país. Pertencente à Mesorregião do Sul Amazonense e Microrregião do Purus, localiza-se a sul de Manaus, capital do estado, distando desta cerca de 565 quilômetros. Sua população, estimada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2016, era de 18 039 habitantes,[3] sendo assim o quadragésimo sétimo município mais populoso do estado do Amazonas. Seu Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é de 0.502, de acordo com dados de 2010, o que é considerado médio pelo PNDU.

Histórico[editar | editar código-fonte]

O distrito de Boca do Tapauá foi criado através da lei estadual nº 176, de 01-12-1938 sendo subordinado ao município de Canutama no período de 1939 a 1943, permanecendo em divisão territorial desmembrada datada a partir de 1 de julho de 1955.  Elevado à categoria de município com denominação de Tapauá, pela lei estadual nº 96, de 19 de dezembro de 1955, sede no atual distrito de Tapauá (ex-Boca de Tapauá), constituído do distrito sede instalado em 31 de janeiro de 1956. No dia 10 de dezembro de 1981 através da Emenda Constitucional nº 12. o município de Tapauá perde partes de seu território, em favor dos novos municípios. 

Geografia[editar | editar código-fonte]

Pelo município passa o rio Tapauá, rio Ipixuna e o maior e principal: Rio Purus.

Demografia[editar | editar código-fonte]

Em 2016, a população do município foi registrada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 18 039 habitantes.[3] Segundo o censo do ano de 2010, 10 075 habitantes eram homens e 9 002 habitantes eram mulheres. Ainda segundo o mesmo censo, 10 618 habitantes viviam na zona urbana (55,66%) e 8 459 na zona rural (44,34%). Da população total em 2010, 7 630 habitantes (40,0%) tinham menos de 15 anos de idade, 10 812 habitantes (56,68%) tinham de 15 a 64 anos e 635 habitantes (3,33%) possuíam mais de 65 anos, sendo que a esperança de vida ao nascer era de 66,6 anos e a taxa de fecundidade total por mulher era de 4,4.[6]

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010 
  3. a b c «Estimativas da população residente no Brasil e Unidades da Federação com data de referência em 1º de julho de 2016» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. 12 de setembro de 2016. Consultado em 12 de setembro de 2016  Erro de citação: Código <ref> inválido; o nome "IBGE_Pop_2016" é definido mais de uma vez com conteúdos diferentes
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 09 de setembro de 2013  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2010-2013». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 19 de dezembro de 2015 
  6. Atlas do Desenvolvimento Humano (2013). «Perfil - Tapauá, AM». Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Consultado em 14 de setembro de 2014