Thomas F. Torrance

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde novembro de 2018). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Thomas Forsyth Torrance (Chengdu, 30 de Agosto de 1913 - Edimburgo, 2 de Dezembro de 2007) foi um teólogo presbiteriano escocês. Foi um dos teólogos protestantes mais influentes do seu tempo e vencedor do Prémio Templeton de 1978.

Nasceu na China, onde os seus pais, o Rev.º Thomas Torrance e Annie Elizabeth Torrance, eram missionários presbiterianos e onde viveu os seus primeiros treze anos de vida. Indo para a Europa, estudou nas universidades de Edimburgo, Oxford e Basileia.

Torrance foi professor de Dogmática Cristã no New College da Universidade de Edimburgo durante 27 anos, de 1952 a 1979. Ficou conhecido sobretudo pelo seu trabalho pioneiro no estudo da ciência e teologia, mas é igualmente admirado pelo seu trabalho sobre teologia sistemática. Foi autor de muitos livros e artigos sobre a sua própria teologia, mas foi também editor da tradução de muitas obras essenciais da teologia contemporânea para inglês, incluindo a edição das Church Dogmatics, de Karl Barth, em 13 volumes, tal como os Comentários sobre o Novo Testamento, de João Calvino.

Torrance tem sido reconhecido como um dos mais importantes teólogos da língua inglesa do séc. XX, e recebeu o prestigiado Prémio Templeton em 1978. Torrance foi um dedicado pastor da Igreja da Escócia durante a sua vida. Esteve envolvido no diálogo ecuménico entre várias igrejas, sendo a sua actividade decisiva na elaboração da histórica declaração de acordo sobre a doutrina da Trindade entre a Aliança Mundial das Igrejas Reformadas e a Igreja Ortodoxa, em 13 de Março de 1991.[1]

Retirou-se da Universidade de Edimburgo em 1979, mas continuou a trabalhar e a publicar extensivamente no período posterior. Vários dos seus principais trabalhos teológicos sobre a Trindade foram publicados depois da sua reforma: The Trinitarian Faith: The Evangelical Theology of the Ancient Catholic Church (1988); Trinitarian Perspectives: Toward Doctrinal Agreement (1994), e The Christian Doctrine of God, One Being Three Persons (1996).[2]

Obras principais[editar | editar código-fonte]

  • The Doctrine of Grace in the Apostolic Fathers, 1948
  • Calvin’s Doctrine of Man, 1949.
  • Kingdom and Church: A Study in the Theology of the Reformation, 1956.
  • Conflict and Agreement in the Church, I: Order and Disorder, 1959.
  • Conflict and Agreement in the Church, II: The Ministry and Sacraments of the Gospel, 1960.
  • Karl Barth: an Introduction to his Early Theology, 1910-1931, 1962.
  • "Scientific Hermeneutics according to St. Thomas Aquinas." The Journal of Theological Studies XIII.2 (Outubro 1962): 259-89.
  • Space, Time and Incarnation, 1969
  • Theological Science, 1969.
  • God and Rationality, 1971.
  • Theology in Reconciliation: Essays towards Evangelical and Catholic Unity in East and West, 1975.
  • Space, Time and Resurrection, 1976
  • The Ground and Grammar of Theology, 1980.
  • Christian Theology and Scientific Culture, vol. 1 da série, Theology and Scientific Culture, 1981
  • Divine and Contingent Order, 1981.
  • The Incarnation: Ecumenical Studies in the Nicene-Constantinopolitan Creed, 1981.
  • Reality and Evangelical Theology, 1982.
  • Transformation & Convergence in the Frame of Knowledge: Explorations in the Interrelations of Scientific and Theological Enterprise, 1984.
  • The Christian Frame of Mind, 1985
  • Reality and Scientific Theology. The Margaret Harris Lectures, 1970 (Theology and Science at the Frontiers of Knowledge, vol 1), 1985
  • The Hermeneutics of John Calvin, 1988.
  • The Trinitarian Faith: The Evangelical Theology of the Ancient Catholic Church, 1988.
  • Karl Barth, Biblical and Evangelical Theologian, 1990.
  • The Mediation of Christ, 1992.
  • Royal Priesthood: A Theology of Ordained Ministry, 1993.
  • Theological Dialogue Between Orthodox and Reformed Churches, 2 volumes (edição), 1985-1993.
  • Trinitarian Perspectives: Toward Doctrinal Agreement, 1994.
  • Preaching Christ Today: The Gospel and Scientific Thinking, 1994.
  • Divine Meaning: Studies in Patristic Hermeneutics, 1995.
  • The Christian Doctrine of God, One Being Three Persons, 1996.
  • Kingdom and Church: A Study in the Theology of the Reformation, 1996.
  • Scottish Theology: From John Knox to John McLeod Campbell, 1996.
  • Theological and Natural Science, 2002.
  • The Doctrine of Jesus Christ, 2002.
  • Incarnation: The Person and Life of Christ, 2008.
  • Atonement: The Person and Work of Christ, 2009.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]