Batalha de Köse Dağ

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde outubro de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A Batalha de Köse Dağ foi um embate travado entre os turcos seljúcidas de Sultanato de Rum e os mongóis no dia 26 de junho de 1243, no desfiladeiro de Köse Dağ, na estrada Sivas-Erzincan, entre esta última cidade e Gümüşhane, no que é hoje o nordeste da Turquia. A batalha foi vencida pelos mongóis, liderados pelo general Chormaqan.

Quando os mongóis entraram pela primeira em suas terras, os turcos procuraram ajuda dos mamelucos que, liderados por Baibars, se dirigiram à Anatólia e derrotaram os mongóis. No entanto, Baibars não recebeu nenhuma ajuda dos seljúcidas após seu sucesso inicial e se retirou. Após isso, os mongóis iniciaram a guerra.

Em 1241 os mongóis atacaram pela primeira vez o Sultanato seljúcida de Rum. Liderados por Bayju, eles cercaram e capturaram Erzurum no inverno de 1242-1243. O sultão Kaykhusraw II pediu ajuda de seus vizinhos para organizar um exército combinado para resistir ao avanço mongol. Muitos reforços foram enviados por nobres georgianos que deixaram seu país após a ocupação mongol. O Império de Trebizonda ainda enviou um destacamento. Uma batalha decisiva foi travada em Köse Dağ em 26 de junho de 1243.

Os mongóis infligiram uma derrota sobre os seljúcidas e seus aliados, e tomaram as cidades de Sivas e Kayseri. O sultão fugiu para o sul da Anatólia, mas depois foi forçado a fazer a paz com Bayju e pagar um tributo substancial ao Império Mongol. A derrota em Köse Dağ resultou em um período de turbulência no Sultanato de Rum que o ao declínio e à desintegração.


Ícone de esboço Este artigo sobre batalhas (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.