Berengário I

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Berengário I
Sacro Imperador Romano-Germânico
Berengar I of Italy.jpg
Berengário, retratado como rei em manuscrito do século XII
Governo
Vida
Nascimento 845
Cividale del Friuli
Morte 7 de abril de 924 (79 anos)
Verona
Pai Everardo de Friul
Mãe Gisela de França

Berengário I da Itália ou Berengário do Friul (Cividale del Friuli, 845Verona, 7 de abril de 9241 ) foi marquês do Friul de 874 até 924), rei da Itália de 888 a 924) e imperador do Sacro Império Romano entre 915 e 924.

Foi um dos principais protagonistas do período da anarquia feudal, quando os mais importantes senhores feudais da península Itálica lutaram para ter o controle dos territórios do reino carolíngio da Itália.

Era neto de Luís I, o Piedoso, pelo lado de Gisela, sua mãe.

Na Páscoa (24 de março) de 916 em Roma, foi coroado "Imperador dos Romanos", pelo papa João X2 , com a chamada "Coroa de Ferro".

Foi vencido em Placência por seu rival, Rodolfo II de Borgonha, e morreu assassinado. Com sua morte, o título de imperador não teve sucessores por muito tempo, até a coroação de Oto I, em 962.

Sua filha, Gisela do Friul, casa-se com Adalberto I de Ivrea, marquês de Ivrea. Dessa união, nasceu Berengário II (? - 9663 ), que se tornou rei dos Lombardos em 950 e foi o ancestral dos condes palatinos da Borgonha.

Relações familiares[editar | editar código-fonte]

Foi filho de Everardo de Friul (815 - 16 de dezembro de 866) e de Gisela de França (821 - 1 de julho de 874) filha de Luís I, o Piedoso e de Judite da Baviera.

Casou com Berta de Espoleto (860 - dezembro de 915), filha de Supo II de Espoleto (outubro de 835 - outubro de 855) e de Berta de Placência, de quem teve:

  1. Gisela de Friul (976 - 23 de janeiro de 913) casou com Adalberto I de de Ivrea (c. 870 - 923/924),
  2. Berta de Friul

Referências

Galeria[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.