Bernina Express

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bernina Express
Abreviações BE, RHB
EF Ferrovia Retica
Área de operação Suíça -  Itália
Tempo de operação 1903–1910
Bitola 1 000 mm
Interconexão Ferroviária Coira, Davos ou Saint-Moritz Suíça


Tirano  Itália

Sede Coira
Website Rhb.ch

O Bernina Express é uma linha de caminho de ferro pertencente á Ferrovia Rética de via métrica que circula entre Tirano e Coira ou Chur (em alemão) [1] .

Descrição[editar | editar código-fonte]

Linha fundamentalmente turística utiliza a linha de Albula, pelo túnel de Albula, entre Thusis e St. Moritz, e a linha da Bernina, passando pelo colo da Bernina entre St. Moritz e Tirano. Estas duas linhas foram incluídas em 2008 no Património_Mundial da UNESCO [2] .

O Bernina Express foi a primeira linha a cremalheira electrificada na Suíça.

Características[editar | editar código-fonte]

A linha foi construída entre 1903 e 1910 e é usada tanto de verão como de inverno tal como a Glaciar Expresso, e tal como ele possui carruagens panorâmicas.

Partindo de Tirano a 429 m para passar pelo colo da Bernina a 2 253 m a altitude, o traçado exige a passagem de rampas a 7 % ou de curvas impressionantes, pois sobe 1 824 m numa distância em linha recta de 24 km [1]

Imagens[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Bernina Express

Ver tambémm[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b RTS: Passe-moi les Jumeles (em francês) Visitado: Jan.2014
  2. Scheda sul sito ufficiale del UNESCO's World Heritage