Carlos Alberto de Pinho Moreira de Azevedo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
D. Carlos Alberto de Pinho Moreira de Azevedo
Bispo da Igreja Católica
Delegado do Pontifício Conselho para a Cultura

Título

Bispo Titular de Belali
Hierarquia
Papa Francisco
Atividade Eclesiástica
Nomeação 11 de Novembro de 2011
Ordenação e Nomeação
Ordenação Presbiteral 10 de Julho de 1977
por D. António Ferreira Gomes
Nomeação Episcopal 4 de Fevereiro de 2005
Ordenação Episcopal 2 de Abril de 2005
Igreja da Trindade
por D. José da Cruz Policarpo
Lema Episcopal Quem Me serve, siga-Me!
(Jo 12,26)
Dados Pessoais
Nascimento Milheirós de Poiares, Santa Maria da Feira
4 de Setembro de 1953 (60 anos)
Nacionalidade Portuguesa
Habilitação Académica Doutoramento em História da Igreja (1986) na Pontifícia Universidade Gregoriana em Roma
Funções Exercidas Bispo Auxiliar de Lisboa (2005-2011)
dados em catholic-hierarchy.org
Bispos
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

D. Carlos Alberto de Pinho Moreira de Azevedo GCIH (n. Milheirós de Poiares, Santa Maria da Feira, 4 de Setembro de 1953) é o actual bispo titular de Belali e entre 2005 e 2011 exerceu as funções de Bispo-auxiliar do Patriarca de Lisboa.

Foi ordenado sacerdote, a 10 de Julho de 1977, por D. António Ferreira Gomes, à altura, Bispo do Porto.

A sua ordenação episcopal teve lugar a 2 de Abril de 2005, na Igreja da Trindade, na cidade e Diocese do Porto, tendo como ordenante principal D.José da Cruz Policarpo, Cardeal-Patriarca de Lisboa, auxiliado por D. Armindo Lopes Coelho e por D. João Miranda Teixeira, respectivamente, Bispo e Bispo-auxiliar do Porto, numa cerimónia presenciada pelos demais Bispos-auxiliares e Prelados da Igreja Portuguesa.

A 11 de Outubro de 2006, Bento XVI admitia a possibilidade do retorno à celebração da Eucaristia em Língua Latina, após pressões de grupos mais tradicionais junto da Santa Sé. D.Carlos Azevedo declarava, na altura, não sem humor:

" -Porque é que se há-de ir só até à Idade Média? Se é para voltar às origens, então que seja em Grego. Aí até achava graça!"

Foi ainda membro da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) cujos cargos de Secretário, Presidente da Comissão Episcopal de Pastoral Social e membro da Comissão Episcopal da Cultura, Bens Culturais e Comunicações Sociais, ocupou.

Fez parte de Comissão, e seu coordenador máximo, que organizou a Viagem Apostólica a Portugal de Bento XVI que decorreu de 11 a 14 de Maio de 2010. A 11 de Maio de 2010 foi agraciado com a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique.[1]

A 11 de Novembro de 2011, a Nunciatura Apostólica em Portugal, anuncia que D.Carlos Azevedo fora nomeado pelo Papa Bento XVI, Delegado do Conselho Pontifício para a Cultura (CPC), organismo que procura assegurar as melhores relações da Igreja e da Santa Sé, com a Cultura do nosso tempo e nas suas mais diversas expressões e matizes.

O seu irmão Manuel Joaquim de Pinho Moreira de Azevedo, professor da Universidade Católica / Porto, foi feito Grande-Oficial da Ordem da Instrução Pública a 8 de Junho de 2009.[2]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
José Horacio Gómez
Brasão episcopal
Bispo-titular de Belali

2005presente
Sucedido por
(incumbente)
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.