Christian Wulff

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Christian Wulff
Primeiro-ministro
Mandato 30 de junho de 2010
a 17 de fevereiro de 2012[1]
Primeiro-ministro Angela Merkel
Antecessor(a) Horst Köhler
Sucessor(a) Joachim Gauck
10º Ministro-presidente da Flag of Lower Saxony.svg Baixa Saxônia
Mandato 4 de março de 2003
a 30 de junho de 2010
Antecessor(a) Sigmar Gabriel
Sucessor(a) David McAllister
Vida
Nome completo Christian Wilhelm Walter Wulff
Nascimento 9 de Junho de 1959 (55 anos)
Osnabrück, Baixa Saxônia
Flag of Germany (state).svg Alemanha Ocidental
Dados pessoais
Alma mater Universidade de Osnabrück
Cônjuge Christiane Wulff (1988 - 2007) (divorciado)
Bettina Wulff (2008 - presente)
Partido CDU logo.svg CDU
Religião Católica
Profissão Advogado
Residência Palácio de Bellevue, Berlim
Assinatura Assinatura de Christian Wulff
Website Site oficial da Presidência da República Federal da Alemanha

Christian Wilhelm Walter Wulff (Osnabrück, 19 de junho de 1959) é um advogado e político alemão, filiado ao partido conservador União Democrata-Cristã.

Em 30 de junho de 2010, foi eleito Presidente da Alemanha[2] , o mais jovem a ocupar o posto na história do país.[3] [4]

Demitiu-se em 17 de fevereiro de 2012[1] , por causa do seu envolvimento num alegado caso de corrupção, envolvendo um empréstimo tomado pelo presidente quando era governador da Baixa Saxônia a juros baixos.[5]

Graduado em direito, serviu como Ministro-presidente no estado da Baixa Saxônia entre 2003 e 2010.

Vida[editar | editar código-fonte]

Wulff nasceu em Osnabrück e é católico. Seu pai deixou a família e ele cresceu com a mãe. Durante a juventude, assumiu as responsabilidades e cuidados de sua irmã mais nova, após sua mãe desenvolver esclerose múltipla.[6]

Após realizar seu abitur no Ginásio Ernst Moritz Arndt em Osnabrück, Wulff iniciou o estudo do direito com especialização em economia na Universidade de Osnabrück.

Entre 1987 e 1990, foi aprovado no primeiro e segundo exames em direito e desde então trabalhou como procurador.

Christian Wulff casou-se em 1988 com a advogada Christiane Wulff (nascida em 1959), quando ambos eram estudantes em Osnabrück em 1983, com a qual teve a filha Annalena (nascida em 1993). Em junho de 2006, Wulff anunciou o divórcio da esposa.

Subsequentemente, casou com Bettina Körner[7] (atualmente Bettina Wulff, nascida em 1973 em Hanôver) em 21 de março de 2008 em uma cerimónia particular. Bettina teve um filho do primeiro relacionamento, mas o casal teve o primeiro filho da união, um menino, em 12 de maio de 2008.

Carreira política[editar | editar código-fonte]

Desde 1975, Wulff é membro da União Democrata-Cristã (CDU).

Entre 1978 e 1980, foi líder da Schülerunion, uma organização política estudantil filiada aos democratas-cristãos.

Em 1979, passou a ser diretor da Junge Union da qual, quatro anos depois, se tornou presidente. Em 1983, foi líder e representante da organização na Baixa Saxônia. Em 1985, ausentou-se da agremiação para dedicar-se ao direito, cuja graduação finalizou em 1986.

Ainda em 1986, foi eleito vereador em sua cidade.

Desde 1984, foi diretor regional do CDU pela Baixa Saxônia e o presidente regional desde 1994.

Em 1994, com 35 anos de idade, Christian Wulff deixou o cargo para, em 1998, ser designado como vice-presidente federal da CDU após eleições na Assembleia Legislativa da Alemanha.

Em 2008, foi substituído do cargo de presidente regional da CDU por David McAllister.

Em 30 de junho de 2010, Christian Wulff obteve a maioria absoluta no terceiro turno[3] da eleição para presidente da república. Ele foi apoiado pela chanceler Angela Merkel[3] em um contexto de baixa aprovação do governo dela.[8]

Wulff foi indicado pelos partidos da coalizão (coligação) de governo – União Democrata Cristã (CDU), União Social-Cristã (CSU) e Partido Democrático Liberal (FDP).[9]

Precedido por
Horst Köhler
Presidente da Alemanha
201017 de fevereiro de 2012
Sucedido por
Joachim Gauck

Referências

  1. a b publico.pt (17-2-2012). Presidente alemão apresenta a demissão 17-2-2012. Visitado em 17-2-2012.
  2. Buergin, Rainer; Parkin, Brian. (30 de junho de 2010). Merkel’s Presidential Candidate Wulff Wins in Third-Round Vote. Bloomberg Businessweek, acesso em 30 de junho de 2010
  3. a b c TVI. (30 de junho de 2010). Wulff eleito Presidente da Alemanha: à terceira é de vez, acesso em 30 de junho de 2010
  4. Fischer, Sebastian. (30 de junho de 2010). A Difficult Beginning for Germany's New President. Der Spiegel, acesso em 30 de junho de 2010
  5. Nádia Pontes (17 de Fevereiro de 2012). Presidente alemão renuncia dw.de. Visitado em 17 de Fevereiro de 2012.
  6. Kleinezeitung. (30 de junho de 2010). Christian Wulff im Porträt, acesso em 30 de junho de 2010
  7. Fischer, Sebastian; Schröder, Alwin; Volkery, Carsten. (8 de dezembro de 2006). Von Bin Baden bis Bin Nacktbaden, acesso em 1 de julho de 2010
  8. G1. (30 de junho de 2010). Candidato de Merkel vence eleição presidencial após três turnos, acesso em 30 de junho de 2010
  9. Deutsche Welle. (30 de junho de 2010). Christian Wulff é eleito presidente da Alemanha apenas no terceiro turno, acesso em 30 de junho de 2010


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Christian Wulff