Guarani das Missões

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Guarani das Missões
"Capital polonesa dos gaúchos"
Pórtico de entrada da cidade

Pórtico de entrada da cidade
Bandeira de Guarani das Missões
Brasão de Guarani das Missões
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 27 de maio de 1959 (55 anos)
Gentílico guaraniense
Prefeito(a) Janete Dauek (PT)
(2013–2016)
Localização
Localização de Guarani das Missões
Localização de Guarani das Missões no Rio Grande do Sul
Guarani das Missões está localizado em: Brasil
Guarani das Missões
Localização de Guarani das Missões no Brasil
28° 08' 27" S 54° 33' 28" O28° 08' 27" S 54° 33' 28" O
Unidade federativa  Rio Grande do Sul
Mesorregião Noroeste Rio-grandense IBGE/2008 [1]
Microrregião Cerro Largo IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Ubiretama, Senador Salgado Filho, Sete de Setembro, Caibaté, Cerro Largo e Vitória das Missões
Distância até a capital 479 km
Características geográficas
Área 290,495 km² [2]
População 8 115 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 27,94 hab./km²
Altitude 267 m
Clima subtropical úmido
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,776 alto PNUD/2000 [4]
PIB R$ 137 440,414 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 16 217,16 IBGE/2008[5]
Página oficial

Guarani das Missões é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Sul. Foi colonizado em sua maioria por imigrantes poloneses, sendo conhecida como a "capital polonesa dos gaúchos".

Guarani das Missões é o maior centro da colonização polonesa do país. Em 1991 foi comemorado o Centenário da Imigração Polonesa e criado o BRASPOL, entidade representativa desta etnia. Além dos poloneses, fizeram parte do povoamento da região os imigrantes italianos, alemães, russos e portugueses.

Possui uma área de 292,63 km² e sua população estimada em 2004 era de 8 660 habitantes. Localiza-se a uma latitude 28º08'27" sul e a uma longitude 54º33'29" oeste, estando a uma altitude de 267 metros.

Economia[editar | editar código-fonte]

A economia do município é baseada na agropecuária. O agronegócio se destaca no município, principalmente na transformação de grãos de soja em óleo vegetal, é pioneira no incentivo a plantação de canola, girassol e linhaça, teve uma das primeiras fábricas de óleo de linhaça do Brasil, do professor Izidoro Osowski.

O município conta com fábricas de esquadrias metálicas e de madeira e na indústria metal-mecânica conta com a primeira fábrica de globo da morte do Brasil, tendo hoje duas fábricas que se destacam no Brasil e no mundo, neste mesmo ramo contamos com metalúrgicas especializadas em chassis e carrocerias de caminhões e carretas rodoviárias e agrícolas. Guarani das Missões, foi pioneira no Brasil em Cooperativa de Crédito Rural.

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010 Censo Populacional 2010 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Visitado em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2010.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Rio Grande do Sul é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.