Jornal do Almoço

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jornal do Almoço (TUDO É BLUMENAU, o resto da região não se importa com o que acontece em Blumenau)
Logotipo do telejornal
Informação geral
Formato Telejornal
Gênero Jornalismo-Local
Duração 50 Minutos
Criador(es) Grupo RBS
País de origem  Brasil
Idioma original (português brasileiro)
Produção
Diretor(es) Ali Kamel (DGJE)
Silvia Faria (CGJ)
Cezar Freitas (RS)
Eurico Meira da Costa (SC)
Produtor(es) Adriano Carvalho
Luciano Brancato
Apresentador(es) Porto Alegre:
Cristina Ranzolin
Florianópolis:
Mário Motta
Laine Valgas
Elenco Porto Alegre:
Paulo Brito
Alice Bastos Neves
Cristiane Silva
Simone Lazzari
Gabriella Bordasch
Tema de abertura Instrumental de Jean Presser
Exibição
Emissora de
televisão original
Brasil RBS TV (Globo)
Formato de exibição 480i (SDTV)
1080i (HDTV)
Transmissão original 6 de março de 1972 - presente (RS)
novembro de 1979 - presente (SC)
Cronologia
Programas relacionados Praça TV
RBS Notícias

Jornal do Almoço (também conhecido por sua sigla JA) é um telejornal brasileiro exibido pelas emissoras da RBS TV, no horário dedicado pela Rede Globo aos telejornais locais de suas emissoras, ao meio-dia (Praça TV). O telejornal está no ar no Rio Grande do Sul desde 6 de março de 1972,[1] e em Santa Catarina está no ar desde novembro de 1979.O jornal é retransmitido pela TVCOM logo após a exibição pela RBS TV. [2]

Principal programa da RBS TV, estreou em 6 de março de 1972,[3] quando ainda não havia espaço na programação nacional da Rede Globo para telejornais locais ao meio-dia. Para colocar o programa no ar, a TV Gaúcha interrompia a programação da Rede Globo. O programa, separado em quadros de comentários, notícias e esportes tinha duas horas de duração. A primeira apresentadora do telejornal foi Tânia Carvalho. Em novembro de 1979, a TV Catarinense estreou a versão catarinense do telejornal.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Mesa cheia na hora do almoço Zero Hora (5 de março de 2007). Visitado em 13 de fevereiro de 2014.
  2. Cruz, Dulce M. Televisão e negócio: a RBS em Santa Catarina. Florianópolis: Editora da UFSC, 1996. 197 pp. p. 120.
  3. Hinerasky, Daniela Aline. (1 de agosto de 2003). "O pampa virou cidade? Um estudo sobre a inserção regional na tv aberta gaúcha". Estudos históricos 1 (31). CPDOC/FGV. Visitado em 13 de fevereiro de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]