Juan Bautista Ceballos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde fevereiro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Juan Bautista Ceballos

Juan Bautista Ceballos (Durango, 13 de Maio de 1811Paris, Junho de 1859) foi um político mexicano, tendo ocupado o cargo de presidente do México durante cerca de um mês em 1853.

Jurista e liberal, foi membro do congresso e deputado. Quando Mariano Arista renuncia à presidência, Ceballos é presidente do supremo tribunal do México, motivo pelo qual é nomeado presidente interino. Durante o seu curto mandato a oposição do congresso à sua política foi constante, culminando na recusa deste em dar início à reforma da constituição o que fez com que Ceballos mandasse dissolver a assembleia. Reunidos numa casa particular os deputados nomearam o governador de Puebla, Juan Mújica y Osorio, presidente interino mas este não aceitou. Entretanto dá-se o levantamento da guarnição militar da capital sob o comando de Manuel Robles Pezuela, obrigando Ceballos a demitir-se e a entregar a presidência ao general Manuel María Lombardini.

Fez parte do congresso que elaborou a constituição de 1857.

Está sepultado na divisão 44 do cemitério Père-Lachaise.


Precedido por
Mariano Arista
Presidente do México (interino)
6 de Janeiro a 8 de Fevereiro de 1853
Sucedido por
Manuel María Lombardini