Negação

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde janeiro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Egyptian A'h-mosè or Rhind Papyrus (1065x1330).png
Portal A Wikipédia possui o:
Portal de Filosofia

Negação, em lógica e matemática, é uma operação sobre valores lógicos, por exemplo o valor lógico de uma proposição. Se a proposição é verdadeira, então o operador lógico negação produz o valor falso, e vice versa. A tabela de verdade para NÃO p (também grafado com ~p ou ¬p) é a seguinte:

Tabela de verdade da negação lógica
p ¬p
F V
V F

Em um sistema de lógica clássica, a negação dupla, isto é, a negação da negação de uma proposição p, é logicamente equivalente à proposição inicial p. Todavia, em um sistema de lógica intuicionista tal equivalência não é aceita.

Este é um símbolo originario do idioma tagalo, é usado para separar palavras de mesma forma, mas significados diferentes. Seu nome original é *hiwalay na* que traduzido para o português ficaria aproximadamente como *separador*, entretanto a Matemática usa esse símbolo como situação pré disposta em ocasiões lógicas de negação.