Nekhbet

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Nekhbet
A
Nascimento
adorado em Nekheb

Nekhbet é uma deusa da antiga religião egípcia.

História[editar | editar código-fonte]

Originária da cidade de Nekheb no Alto Egipto, a actual El-Kab, seu nome significa "Aquela de Nekheb". Quando esta cidade se uniu à cidade próxima de Hieracômpolis, tornou-se a deusa tutelar desta última cidade. Adquiriu também o papel de deusa de todo o Alto Egipto e era também uma das deusas protectoras da realeza egípcia.

Poderes[editar | editar código-fonte]

A deusa protegia os nascimentos, em especial o nascimento dos reis. Junto com Uadjit poderia ser representada no toucado dos faraós, acreditando-se que estas poderiam repelir os inimigos do soberano.

Iconografia[editar | editar código-fonte]

Era representada como um abutre, como uma mulher com cabeça de abutre ou como uma mulher com a coroa branca do Alto Egipto (hedjet). Mais frequentemente figurava como um abutre que usa a coroa branca, agarrando com as suas patas o ceptro uas ou o anel chen. Surge muitas vezes ao lado da deusa Uadjit, padroeira do Baixo Egipto.

Entre os vários epítetos utilizados para se referir à deusa encontram-se "Regente das Duas Terras" (o Alto e o Baixo Egipto) ou "Senhora dos Céus".


Ícone de esboço Este artigo sobre mitologia egípcia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.