Pina Bausch

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde julho de 2012).
Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Pina Bausch
Pina Bausch no encerramento do Wiesenland de 2009, em Paris.
Nome completo Philippine Bausch
Nascimento 27 de julho de 1940
Solingen
Morte 30 de junho de 2009 (68 anos)
Wuppertal
Nacionalidade Alemanha alemã
Ocupação Coreógrafa e dançarina
Prêmios Prêmio Kyoto (2007)

Philippine Bausch, mais conhecida como Pina Bausch (Solingen, 27 de julho de 1940Wuppertal, 30 de Junho de 2009), foi uma coreógrafa, dançarina, pedagoga de dança e diretora de balé alemã.

Conhecida principalmente por contar histórias enquanto dança, suas coreografias eram baseadas nas experiências de vida dos bailarinos e feitas conjuntamente. Várias delas são relacionadas a cidades de todo o mundo, já que a coreógrafa retirava de suas turnês ideias para seu trabalho.

Entre os seus temas recorrentes estavam as interações entre masculino e feminino - uma inspiração para Pedro Almodóvar, em cujo filme, Fale com ela, Pina aparece em uma bela sequência de dança.

Foi diretora da Tanztheater Wuppertal Pina Bausch, localizada em Wuppertal. A companhia tem um grande repertório de peças originais e viaja regularmente por vários países.

Reconhecimento[editar | editar código-fonte]

Em 2007, Pina Bausch foi agraciada com o Prêmio Kyoto[1] e, em 2008, com o Prêmio Goethe. Em 2008, o cineasta Wim Wenders estava preparando documentário sobre ela.[2] Filme "Pina" oficialmente lançado em Fevereiro de 2011 na Europa e em Março de 2012 no Brasil com review de 94% no Rotten Tomatoes.

Peças[editar | editar código-fonte]

[Data de estreia - Cidade (País) - Teatro]


• 5 jan 1974, sab – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Fritz – Tanzabend von Pina Bausch
Música: Gustav Mahler, Wolfgang Hufschmidt
No mesmo programa: "Der grüne Tisch" de Kurt Jooss e "Rodeo" de Agnes de Mille

• 21 abr 1974, dom – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Iphigenie auf Tauris [Ifigênia em Tauris] – Tanzoper von Pina Bausch
Música: Christoph W. Gluck

• 2 jun 1974, dom – Wuppertal (DE) – Zwei Krawatten [Duas gravatas]

• 8 dez 1974, dom – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Ich bring dich um die Ecke... [Eu o levo até a esquina...] + Adagio – Fünf Lieder von Gustav Mahler [Adágio – Cinco canções de Gustav Mahler] – Schlagerballett von Pina Bausch
No mesmo programa: "Großstadt" [A grande cidade] de Kurt Jooss

• 23 maio 1975, sex – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Orpheus und Eurydike [Orfeu e Eurídice] – Tanzoper von Pina Bausch
Música: Christoph W. Gluck

• 3 dez 1975, qua – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Frühlingsopfer: Wind von West + Der zweite Frühling [A segunda juventude] + Das Frühlingsopfer [A sagração da primavera]
Música: Igor Strawinsky

• 15 jun 1976, ter – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Die sieben Todsünden [Os sete pecados capitais] – Tanzabend von Pina Bausch
I. Die sieben Todsünden der Kleinbürger / II. Fürchtet Euch nicht
Música: Kurt Weill. Texto: Bertolt Brecht.

• 8 jan 1977, sab – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Blaubart – Beim Anhören einer Tonbandaufnahme von Béla Bartóks Oper "Herzogs Blaubarts Burg" [Barba-Azul – Escutando uma gravação da ópera de Béla Bartok "O castelo de Barba-Azul"]

• 26 maio 1977, qui – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Komm tanz mit mir [Vem dançar comigo]

• 30 dez 1977, sex – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Renate wandert aus [Renata emigra] – Operette von Pina Bausch

• 22 abr 1978, sab – Bochum (DE) – Schauspielhaus Bochum – Er nimmt sie an der Hand und führt sie in das Schloß, die anderen folgen [Ele a levou pela mão ao castelo, os outros os seguiram]
Em coprodução com Schauspielhaus Bochum [baseado em Macbeth, de Shakespeare]

• 20 maio 1978, sab – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Café Müller
No mesmo programa: coreografias de Gehard Bohner, Hans Pop e Gigi-Georghe Caciuleanu

• 9 dez 1978, sab – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Kontakthof [Pátio de encontros]

• 12 maio 1979, sab – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Arien [Árias]

• 4 dez 1979, ter – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Keuschheitslegende [A lenda da castidade]

• 18 maio 1980, dom – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – 1980 – Ein Stück von Pina Bausch [1980 – Uma peça de Pina Bausch]

• 21 dez 1980, dom – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Bandoneon

• 17 jun 1982, qui – Amsterdam (NL) – Holland Festival – Koninklijk Theater Carré – Walzer [Valsas]
Em coprodução com Holland Festival

• 30 dez 1982, qui – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Nelken [Cravos]
• 16 maio 1983, seg – München (DE) – München Theaterfestival – Zelt im Englischen Garten – Nelken [segunda estreia]

• 13 maio 1984, dom – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Auf dem Gebirge hat man ein Geschrei gehört [Sobre a montanha ouviu-se um grito]

• 31 mar 1985, dom – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Two Cigarettes in the Dark

• 14 maio 1986, qua – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Viktor
Em coprodução com Teatro Argentina e Stadt Rom

•21 mar 1987, sab – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Ahnen [Antepassados]

• 17 dez 1989, dom – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Palermo Palermo
Em coprodução com Teatro Biondo Stabile, Palermo e Andres Neumann International

• 27 abr 1991, sab – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Tanzabend II [Programa de dança II]
Em coprodução com Festival de Otoño, Madrid

• 16 jan 1993, sab – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Das Stück mit dem Schiff [A peça com o barco]

• 12 fev 1994, sab – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Ein Trauerspiel [Um jogo triste]
Em coprodução com Wiener Festwochen

• 13 maio 1995, sab – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Danzón

• 11 maio 1996, sab – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Nur Du [Só tu]
Em coprodução com University of California, Los Angeles; Arizona State University; Berkeley University of California; University of Texas, Austin; Darlene Neel Presentations; Rena Shagan Associates, Inc.; The Music Center Inc.

• 12 fev 1997, qua – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Der Fensterputzer [O limpador de vidraças]
Em coprodução com Hong Kong Arts Festival Society e Goethe-Institut Hong Kong

• 4 abr 1998, sab – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Masurca Fogo
Em coprodução com EXPO 98 Lissabon e Goethe-Institut Lisboa

• 10 abr 1999, sab – Wuppertal (DE) – Opernhaus – O Dido
Em coprodução com Teatro Argentina, Roma e Andres Neumann International

• 25 fev 2000, sex – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Kontakthof mit Damen und Herren ab '65' [Pátio de encontros com senhoras e senhores acima de 65 anos]

• 5 maio 2000, sex – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Wiesenland
Em coprodução com Goethe-Institut Budapest e Théâtre de la Ville Paris

• 12 maio 2001, sab – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Água
Em coprodução com Brasil, Goethe-Institut São Paulo e Emilio Kalil

• 25 abr 2002, qui – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Für die Kinder von gestern, heute und morgen [Para as crianças de ontem, hoje e amanhã]

• 21 mar 2003, sex, 19h30 – Wuppertal (DE) – Opernhaus – Nefés
Em coprodução com International Istanbul Theatre Festival e Istanbul Foundation of Culture and Arts

• 8 maio 2004, sab – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Ten Chi [Céu e terra]
Em coprodução com Prefeitura de Saitama, Saitama Arts Foundation e Nippon Cultural Center

• 15 abr 2005, sex – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Rough Cut [Corte bruto]
Em coprodução com LG Arts Center e Goethe-Institut Seoul, Korea

• 11 maio 2006, qui, 19h30 – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Vollmond [Lua cheia]

• 18 maio 2007, sex, 19h30 – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Bamboo Blues
Em coprodução com Goethe-Institut India

• 30 maio 2008, sex, 19h30 – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – 'Sweet Mambo'

• 7 nov 2008, sex, 19h30 – Wuppertal (DE) – Schauspielhaus – Kontakthof mit Teenagern ab '14' [Pátio de encontros com jovens acima de 14 anos]

• 12 jun 2009, sex, 19h30 – Wuppertal (DE) – Opernhaus – "… como el musguito en la piedra, ay si, si, si..." ["... wie das Moos auf dem Stein..."]
Em coprodução com Festival Internacional de Teatro Santiago a Mil, Chile e com apoio de Goethe-Institut Chile. Em colaboração com Andres Neumann International

Cronologia[editar | editar código-fonte]

  • 1940 – Nasceu em Solingen, Alemanha. Seus pais, August e Anita Bausch, tinham um hotel-restaurante em Solingen.
  • 1955 – Com 15 anos inicia estudos de dança na Folkwang School em Essen, com o diretor e coreógrafo Kurt Jooss.
  • 1958 – Forma-se em Dança e Pedagogia da dança em Folkwang.
  • 1959 – 62 – Vai para Nova Iorque dançar na Juilliard School e na Metropolitan Opera House.
  • 1962 – Volta para Alemanha, dançar no recém-fundado balé da Folkwang, de Kurt Jooss.
  • 1973 – Baush tem 33 anos e é contratada para dirigir o Wuppertaler Tanztheater, mais tarde mudado para Tanztheater Wuppertal Pina Bausch.
  • 1976 – Rompe com formas tradicionais da dança-teatro, utilizando-se de ações paralelas, contraposições estéticas, repetições propositais e uma linguagem corporal incomum para a época.
  • 2009 - Falecimento. Morreu 5 dias após ter-lhe sido diagnosticado um câncer.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]