Gnomo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Rei Ghob)
Ir para: navegação, pesquisa
Gnomos.

Um gnomo é uma criatura mitológica, incluída entre os seres elementais da terra. São costumeiramente representados como pequenos humanoides que vivem sob a terra, em minas ou em ocos de troncos de árvores, onde guardam seus tesouros[1] .

Histórico[editar | editar código-fonte]

O mais antigo texto que se conhece mencionando este ser é o Liber de Nymphis, sylphis, pygmaeis et salamandris et de caeteris spiritibus, escrito pelo alquimista Paracelso no século XVI.[2] Na sua classificação dos espíritos elementais, Paracelso divide-os em quatro tipos: as salamandras (do fogo), as ondinas (da água), os silfos (do ar) e os gnomos (da terra)[2] [3] .

O nome, segundo alguns autores, pode vir do latim medieval gnomos, originado do grego clássico gnosis ("conhecer"). Outra teoria é de que venha do grego genomas ("terrestre")[4] .

Em 1583, a palavra gnome passou a figurar nos dicionários franceses, com o significado de "pequenos gênios deformados que habitam a Terra"[5] .

Representações contemporâneas[editar | editar código-fonte]

Literatura[editar | editar código-fonte]

Na série de livros de Oz de L. Frank Baum , os Momes, especialmente o seu rei, são os principais adversários do povo de Oz. Ruth Plumly Thompson, que continuou a série após a morte de Baum, rebatizou os Momes como Gnomos[carece de fontes?].

Tolkien, nas versões mais antigas dos seus mitos, chamou um dos três povos nos quais os elfos de dividiram de Gnomos, com base na raiz grega gnome, significando pensamento, inteligência. Ele abandonou este nome, porque a palavra gnomo estava associada aos pigmeus[6] .

Na série de livros As Crônicas de Nárnia, de C.S.Lewis, eles são conhecidos como terráqueos que vivem no subterrâneo no Reino de Bismo[carece de fontes?].

Na série de livros Harry Potter, de J. K. Rowling, os gnomos são pragas domésticas. Eles são pequenas criaturas com cabeças que parecem batatas em pequenos corpos grossos. Gnomos são considerados inofensivos, mas travesso. E são "degnomizados" o nome que se dá ao lançá-los para um terreno vizinhos[carece de fontes?].

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. CHEVALIER, J. e GHEERBRANT, A. Dicionário de Símbolos (mitos, sonhos, costumes, gestos, formas, figuras, cores, números). 12. ed., Rio de Janeiro, José Olympio, 1998
  2. a b SÁNCHEZ, Manuel Martin. Seres Míticos y Personajes Fantásticos Españoles. EDAF, 2002, pág. 197. Em espanhol
  3. Manly P. Hall, (The Secret Teachings of All Ages. 1928, The Elements and Their Inhabitants. Em inglês
  4. CARPENTIER, Alejo. Concierto Barroco. Ediciones AKAL, 2011, pág. 297 (Notas ao texto). Em espanhol
  5. O que são duendes? Mundo Estranho
  6. J. R. R. Tolkien, Cartas, Carta 239, 20 de julho de 1962
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Gnomo
Ícone de esboço Este artigo sobre Mitologia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.