Super Freak

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde março de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.

"Super Freak" é um "hit" de 1981 produzido e interpretado por Rick James. A música, composta em conjunto por James e Alonzo Miller, foi lançada pela primeira vez no álbum de James Street Songs e se tornou uma das marcas do compositor. Teve background vocal de The Temptations, da Motown, sendo que o cantor da voz baixa é o tio de James Melvin Franklin, além da participação da cantora Canadense Taborah Johnson. "Freak" é uma gíria para, como descrito na letra da canção, "...a very kinky girl / The kind you don't take home to mother" (uma garota muito bizarra, do tipo que você não leva em casa para a mãe"). A revista Rolling Stone classificou a canção como número 477 em sua lista dos 500 Greatest Songs of All Time (500 maiores canções de todos os tempos).

Histórico[editar | editar código-fonte]

A música foi um grande hit de James em 1981, listada como pop, R&B e dance na Billboard Hot 100 chart, alcançando o número 16 no final do ano e ficando 10 semanas no top 40. Junto com dois outros singles de Street Songs, "Give It to Me Baby" and "Ghetto Life", se manteve por três semanas no número 1 da American dance charts naquele ano.

Versões Cover[editar | editar código-fonte]

  • Em 1984, a banda de novelty de Los Angeles Big Daddy (cujo conceito cômico era o de fazer cover de canções mais rápidas em baladas e canções mais lentas, além de transformar músicas atuais para o estilo dos anos de 1950) gravou a canção com uma batida lenta como se tivesse sido feita pelos Everly Brothers.
  • Em 1989, a música foi regravada pela banda de thrash metal Mordred em seu álbum Fool's Game.
  • Em 1998, a banda brasileira Comunidade Nin-Jitsu, formada em Porto Alegre, e que mistura rock, reggae, funk carioca e rap, fez uma versão chamada "Rap do trago"(Pare bebum ôôô. Vai começar bebum...).
  • Em 2006, a banda de rock alternativa Straitjacket, de Chicago, regravou a música em seu álbum Vices.
  • Também em 2006, um cover de Billy Crawford foi incluído na trilha sonora do animação Asterix e os Vikings.
  • Em 2007, a canção teve um coner em estilo bluegrass por Ricky Skaggs e Bruce Hornsby em seu álbum epônimo.

Performances ao vivo[editar | editar código-fonte]

Sampling[editar | editar código-fonte]

  • O riff da canção foi popularmente sampleado em 1990 por MC Hammer em seu mais conhecido single, "U Can't Touch This". A canção foi ainda sampleada Wassuup por Da Muttz em 2001.
  • O artista de Hip hop GZA/Genius sampleou a canção em seu álbum de estrèia de 1991 Words from the Genius.
  • A dupla de funk Claudinho e Buchecha sampleou a canção na música "Xereta", em 1998.
  • Em 1997, uma canção de Jude que recebeu o nome de "Rick James" (número 28 no Billboard Modern Rock Chart) tinha em sua letra "Oh, Rick James was the original Super Freak" (Rick James foi o original Super Freak) em seu refrão.
  • Em 2006, o Beatfreakz regravou a canção, como "Superfreak", e atingiu o número 7 nas paradas britânicas.
  • A faixa título do álbum de retorno de Jay-Z em 2006, Kingdom Come destacava um sample de "Super Freak".
  • Em 2007, na música "Freaky Gurl" de Gucci Mane, trechos do refrão prestam uma homenagem à canção original de Rick James.
  • Em 2007, o ator e rapper francês Disiz la Peste regravou uma song em francês usando "Super Freak" com instrumental de base.

No cinema e na TV[editar | editar código-fonte]

  • No filme de 1986 Heartbreak Ridge, Mario Van Peebles no papel de Corporal 'Stitch' Jones, canta boa parte da canção antes de deixar um bar.
  • Uma versão instrumental foi incluída em 1992 no filme Batman Returns.
  • Em um episódio de 1998 de Just Shoot Me, desanpontada por descobrir que não tinha sido inspiração para a canção fictícia "Nina in The Cantina", Nina Van Horn se confortou com a crença de que teria ao menos sido a inspiração para Rick James em Super Freak.
  • Em 2006, na comédia Pequena Miss Sunshine, Olive Hoover (Abigail Breslin) apresenta uma performance paródica ao som da canção durante um concuso de beleza para crianças.
  • Na série de TV One on One, The Fresh Prince of Bel-Air a estrela Alfonso Ribeiro canta a música no episódio 1, "Me and My Shadow", o qual originalmente foi ao ar em 2002 quando Flex (Flex Alexander) e Duane (Kelly Perine) decidiram formar uma banda na escola colegial.
  • Rick James, acompanhado de outras estrelas, apresentou a canção no episódio 4, 'The Heart of Rock n Roll', de A-Team.
  • Em um dos episódios do show de TV de George Lopez, George canta a música para um bebê que imagina estar no útero de Angie.

Veja Também[editar | editar código-fonte]

Links Externos[editar | editar código-fonte]