Valdemar I da Dinamarca

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Valdemar I
Rei da Dinamarca
Valdemar den Store.jpg
Estátua do rei, em Ringsted.
Governo
Reinado 11571182
Consorte Sofia de Minsque
Antecessor Sueno III
Sucessor Canuto VI
Vida
Nascimento 1131
Morte 1182 (51 anos)
Pai Canuto Lavardo
Mãe Ingeborg de Kiev

Valdemar I da Dinamarca (11311182), também conhecido como Valdemar den Store (Valdemar, o Grande), reinou na Dinamarca de 1157 a 1182.

Seu pai Canuto Lavardo, cavaleiro e príncipe dinamarquês muito estimado, filho de Érico I, foi assassinado antes de ele nascer e sua mãe, Ingeborg, filha de Mistislau I de Kiev, deu-lhe este nome em memória ao seu avô Vladimir II de Kiev.

Herdeiro do trono, foi educado na corte e Asser Rig de Fjenneslev, com o filho de Asser, Absalão que se tornou seu amigo e homem de confiança.

Quando Valdemar completou dezesseis anos, o velho rei Érico I abdicou e instalou-se uma guerra civil. Os pretendentes ao trono eram: Sueno III, filho de Érico II; Canuto Magnussen, filho do príncipe Magno, o Forte e neto de Nicolau I e Valdemar, que governava nas terras da Jutlândia. A guerra civil durou mais ou menos doze anos.

Em 1157, o rei Sueno III organizou um grande banquete em honra de Canuto V, Absalão e Valdemar, com a secreta intenção de "livrar-se deles". O rei Canuto foi assassinado, Absalão e Valdemar conseguiram fugir. Valdemar se refugiou em Jutlândia. O rei Sueno III dirigiu, de imediato, a invasão da Jutlândia, mas foi derrotado por Valdemar. Crê-se que Sueno III foi assassinado por um grupo de camponeses, quando este abandonava o campo de batalha.

Valdemar, que sobreviveu a todos os seus rivais, ascendeu ao trono da Dinamarca.

Em 1158, Absalão foi nomeado bispo de Roskilde e Valdemar o elegeu seu conselheiro principal. Valdemar reorganizou e reconstruiu a Dinamarca, que havia sido destruída por tanto anos de guerra. Aconselhado por Absalão, declarou guerra aos habitante da Pomerânia e à ilha de Rügen no Mar Báltico. Em 1168, Cabo Arkona foi assaltada, os habitantes de Wend foram cristianizados e submetidos ao novo monarca dinamarquês.

Durante o seu reinado, o poder da Dinamarca aumentou muito, poder que alcançou seu apogeu na época de seu segundo filho, Valdemar II. Valdemar I morreu em 1182; seu sucessor foi seu filho Canuto VI.

Valdemar I se casou em 1157 com Sofia de Minsque, nascida em 1141 e falecida em 1198, filha do príncipe Volodar de Minsque, dirigente da Bielorrússia. Tiveram oito filhos:

Valdemar teve, também, um filho ilegítimo:

  • Cristóvão, nomeado duque do sul da Jutlândia, nasceu em 1150 e morreu em 1173.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Valdemar I da Dinamarca
Precedido por
Sueno III
Rei da Dinamarca
1157 - 1182
Sucedido por
Canuto VI
Ícone de esboço Este artigo sobre reis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.