Frederico VIII da Dinamarca

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Frederico VIII
Rei da Dinamarca, dos Godos e Vendos
Duque de Schleswig-Holstein-Stormarn-Dithmarschen-Lauemburgo e Oldemburgo
Rei da Dinamarca
Reinado 29 de janeiro de 1906
a 14 de maio de 1912
Predecessor Cristiano IX
Sucessor Cristiano X
Esposa Luísa da Suécia
Descendência
Cristiano X da Dinamarca
Haakon VII da Noruega
Luísa da Dinamarca
Haroldo da Dinamarca
Ingeborg da Dinamarca
Tira da Dinamarca
Gustavo da Dinamarca
Dagmar da Dinamarca
Casa Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg
Pai Cristiano IX da Dinamarca
Mãe Luísa de Hesse-Cassel
Nascimento 3 de junho de 1843
Palácio Amarelo, Copenhage, Dinamarca
Morte 14 de maio de 1912 (68 anos)
Hamburgo, Império Alemão
Enterro Catedral de Roskilde, Roskilde
Religião Luteranismo
Brasão

Frederico VIII (Copenhage, 3 de junho de 1843Hamburgo, 14 de maio de 1912) foi o rei da Dinamarca de 1906 até à sua morte.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Cristiano Frederico Guilherme Carlos (em dinamarquês Christian Frederik Vilhelm Carl) era o filho mais velho do rei Cristiano IX e de sua consorte, Luísa de Hesse-Cassel.

Como príncipe-herdeiro da Dinamarca, ele participou da guerra de 1864 contra a Áustria e a Prússia e, em seguida, assistiu seu pai em seus deveres governamentais até o falecimento deste, em janeiro de 1906. Frederico VIII foi, em muitas maneiras, um monarca liberal, tendo sido muito mais favorável ao novo sistema parlamentar do que Cristiano IX. Contudo, seu reinado foi breve pois ele ascendeu ao trono aos sessenta e dois anos de idade, com a saúde já abalada.

Casamento e filhos[editar | editar código-fonte]

A mãe de Frederico VIII queria que seu filho se casasse com uma das duas filhas da rainha Vitória do Reino Unido ainda solteiras, as princesas Helena e Luísa. Contudo, a irmã de Frederico, Alexandra, já havia desposado o filho mais velho e herdeiro de Vitória, o príncipe de Gales, e a rainha britânica, além de não desejar mais uma aliança com a Dinamarca, preferia que suas filhas contraíssem matrimônio com príncipes alemães que pudessem estabelecer residência no Reino Unido.

Assim, em julho de 1868, Frederico tornou-se noivo da única filha do rei Carlos XV da Suécia, a princesa Luísa da Suécia, então com dezessete anos. Eles se casaram no dia 28 de julho de 1869, em Estocolmo. Tiveram quatro filhos e quatro filhas juntos:

Através de seus filhos Carlos e Ingeborg, Frederico VIII tornou-se um ancestral das famílias reais da Noruega e da Bélgica e da família grã-ducal de Luxemburgo.

Morte[editar | editar código-fonte]

Em sua jornada de retorno de Nice, na França, o rei fez uma pequena parada em Hamburgo, hospedando-se em um hotel. Durante uma caminhada em Jungfernstieg, ele desmaiou e colidiu em um banco do parque e morreu. Foi descoberto por um oficial de polícia, que o levou ao hospital Hafen, onde a causa de sua morte foi anunciada como um ataque de paralisia. Seu corpo foi enterrado na Catedral de Roskilde, perto de Copenhague, junto aos de outros membros da família real dinamarquesa.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Cristiano IX
Rei da Dinamarca
19061912
Sucedido por
Cristiano X