WASP-12b

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
WASP-12b
Exoplaneta Lista de exoplanetas
WASP-12b (NASA).jpg
Impressão artística de WASP-12 e WASP-12b.
Estrela mãe
Estrela WASP-12
Constelação Auriga
Ascensão reta 06h 30m 32,8s
Declinação 29° 40′ 20,3″
Magnitude aparente 11,69
Distância 871 anos-luz (267 pc)
Tipo espectral G0
Elementos orbitais
Semieixo maior 0,0229 ± 0,0008 UA
Periastro 0,0218 UA
Apoastro 0,0240 UA
Excentricidade 0,049 ± 0,015
Período orbital 1,091423 ± 0,000003 dias
(26,19415 horas)
Inclinação 83,1°
Argumento do periastro -74°
Características físicas
Massa 1,39 ± 0,04 MJ
Raio 1,83 RJ
Densidade 0,326 g/cm³
Temperatura 2525 K
Descoberta
Data da descoberta 1 de abril de 2008
Descobridores Cameron et al. (SuperWASP)
Método de detecção Trânsito
Estado da descoberta Publicada

WASP-12b é um planeta extrassolar que orbita a estrela WASP-12. Foi descoberto pela pesquisa de trânsitos planetários do SuperWASP. Seu raio é 83% maior que o de Júpiter e sua massa 39% maior.[1] O planeta está a 0,0229 UA de sua estrela e leva aproximadamente um dia para orbitá-la.

Comparação de tamanho entre WASP-12b (à direta) e Júpiter.

WASP-12b está tão perto de WASP-12 que as forças de maré da estrela estão distorcendo-o em uma forma oval e puxando sua atmosfera a uma taxa de cerca de 10−7 MJ (cerca de 189 quatrilhões de toneladas) por ano.[2] Devido ao aquecimento de marés e à proximidade de WASP-12b, a temperatura de WASP-12b é de cerca de 2 500 K (2 200 °C), sendo assim o planeta extrassolar mais quente já descoberto.[3]

Em 20 de maio de 2010, o Telescópio Espacial Hubble observou WASP-12b sendo consumido por sua estrela. Apesar de que os cientistas já sabiam que estrelas podem consumir planetas, essa foi a primeira vez que um evento assim foi observado tão claramente. Estima-se que o planeta tenha 10 milhões de anos restantes até que ele seja totalmente consumido pela estrela.[4]

Estudos de dezembro de 2010 indicam que WASP-12b tem uma alta taxa carbono-oxigênio, indicando que ele é um planeta de carbono.[5]

Referências

  1. The Planets. SuperWASP. Página visitada em 2008-09-26.
  2. Li, Shu-lin; Miller, N.; Lin, Douglas N. C.; Fortney, Jonathan J.. (2010). "WASP-12b as a prolate, inflated and disrupting planet from tidal dissipation". Nature 463 (7284): 1054–1056 pp.. DOI:10.1038/nature08715. PMID 20182506.
  3. Hebb et al.; Collier-Cameron, A.; Loeillet, B.; Pollacco, D.; Hébrard, G.; Street, R. A.; Bouchy, F.; Stempels, H. C. et al.. (2009). "WASP-12b: THE HOTTEST TRANSITING EXTRASOLAR PLANET YET DISCOVERED". The Astrophysical Journal 693: 1920–1928 pp.. DOI:10.1088/0004-637X/693/2/1920.
  4. Hubble Finds a Star Eating a Planet. NASA (20/05/2010). Página visitada em 10/12/2010.
  5. Madhusudhan, Nikku; et al.. (8 de dezembro de 2010). "A high C/O ratio and weak thermal inversion in the atmosphere of exoplanet WASP-12b". Nature. DOI:10.1038/nature09602..

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um planeta extrassolar é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.