Óscar Rossi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Óscar Rossi
Informações pessoais
Nome completo Óscar Pablo Rossi
Data de nasc. 27 de julho de 1930
Local de nasc. Buenos Aires, Flag of Argentina.svg Argentina
Falecido em 6 de setembro de 2012 (82 anos)
Local da morte Buenos Aires, Flag of Argentina.svg Argentina
Altura 1.71 m
Apelido Coco
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1950–1953
1954
1955–1959
1960–1964
1965
1966
1967
Argentina Huracán
Argentina Racing
Argentina Huracán
Argentina San Lorenzo
Colômbia Atlético Nacional
Peru Sporting Cristal
Argentina Almagro
Seleção nacional
1956–1963 Flag of Argentina.svg Argentina

Óscar Pablo Rossi (27 de julho de 1930 - 6 de setembro de 2012[1]), apelidado de Coco, foi um ex-futebolista argentino que jogou por vários clubes de Buenos Aires[2] e foi membro da seleção argentina na Copa do Mundo FIFA de 1962.[3]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Clubes[editar | editar código-fonte]

Nascido no bairro de Parque Patricios, em Buenos Aires, Rossi iniciou sua carreira em 1950, no Huracán, onde jogou até 1953, antes de passar um ano em 1954 com o Racing.

Após um breve período com Racing, ele retornou ao Huracán e jogou lá entre 1955 e 1959. Em 1960, mudou-se para outro clube de Buenos Aires, o San Lorenzo de Almagro.

No San Lorenzo, ele formou uma parceria de sucesso com José Sanfilippo e disputou a Copa Libertadores de 1960, essa foi a edição inaugural da competição, onde eles foram eliminados na semifinal pelo Peñarol. Rossi ficou com San Lorenzo até 1964.

Em 1965 e 1966, ele saiu da Argentina e foi jogar na Colômbia e no Peru no Atlético Nacional e no Sporting Cristal respectivamente.

Em 1967, ele jogou brevemente no Almagro e terminou sua carreira.

Ele jogou um total de 287 partidas e marcou 69 gols na Primera División.

Depois de se aposentar, Rossi trabalhou brevemente como treinador e teve uma passagem como treinador em 1978 no San Miguel, que na época estava na Primera D Metropolitana.

Seleção[editar | editar código-fonte]

O técnico Juan Carlos Lorenzo, que treinou o San Lorenzo de 1961 a 1962 antes de assumir a Seleção Argentina, convocou Rossi e outros quatro jogadores do San Lorenzo para a Copa do Mundo de 1962 no Chile. No torneio, Rossi jogou apenas na sua vitória por 1-0 contra a Bulgária. Depois de sofrer uma derrota por 3 a 1 contra a Inglaterra e um empate sem gols contra a Hungria, a equipe não conseguiu progredir no torneio.[4]

Um ano depois, Rossi foi membro da seleção argentina, que conquistou o terceiro lugar no Campeonato Sul-Americano de 1963, atrás de Bolívia e Paraguai, com Rossi jogando em quatro dos seis jogos disputados no torneio.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Clarín.com. «Murió Coco Rossi, un especialista en tirar caños» (em espanhol) 
  2. BDFA. «Ficha Estadistica de OSCAR ROSSI -oscar pablo rossi- (perfil, ficha, profile, stats)». www.bdfa.com.ar. Consultado em 10 de julho de 2018 
  3. «Seleção Argentina na Copa do Mundo FIFA de 1962». Fifa.com. Consultado em 18 de agosto de 2010. Arquivado do original em 18 de junho de 2010 
  4. «FIFA Tournaments - Players & Coaches - Oscar ROSSI». FIFA.com (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2018