Rafael Albrecht

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rafael Albrecht
Rafael Albrecht
Informações pessoais
Data de nasc. 23 de agosto de 1941 (77 anos)
Local de nasc. Tucumán, Flag of Argentina.svg Argentina
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1957–1960
1960–1962
1963–1970
1970–1974
1974–1975
Argentina Atlético Tucumán
Argentina Estudiantes
Argentina San Lorenzo
México León
México Atlas
Seleção nacional
1961–1969 Flag of Argentina.svg Argentina

Rafael Albrecht (23 de agosto de 1941) é um ex-futebolista argentino[1] que competiu nas Copa do Mundo FIFA de 1962 e 1966.[2]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Albrecht nasceu em Tucumán. Ele começou sua carreira no Club Atlético Tucumán em 1957. Em 1960, ele foi contratado pelo Estudiantes, onde ele se destacou e, assim, foi chamado para jogar pela seleção argentina em 1961.

Em 1962, ele se transferiu para o San Lorenzo por 10 milhões de pesos, uma quantia enorme para aquela época. Em San Lorenzo, ele fez parte de duas equipes famosas, as "Carsucias" em 1964 e as "Matadores" em 1968. A equipe "Matadores" venceu o Campeonato Metropolitano de 1968 sem perder um único jogo.

Ele jogou 229 jogos no clube marcando 56 gols. A maioria deles foi em grandes penalidades e hoje ele ainda é saudado como um dos melhores cobradores de pênaltis de todos os tempos.

Em 1970, Albrecht mudou-se para o México, onde jogou no Club León, onde venceu duas Taças do México e duas Supercopa do México, e depois jogou pelo Atlas até sua aposentadoria em 1975.

Albrecht jogou um total de 506 jogos, marcando um total de 95 gols, colocando-o em 7º lugar na lista de defensores de maior pontuação da IFFHS.[3]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «Rafael Albrecht». worldfootball.net (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2018. 
  2. «Seleção Argentina na Copa do Mundo FIFA de 1966». Fifa.com. Consultado em 18 de agosto de 2010. 
  3. Strack-Zimmermann, Benjamin. «Rafael Albrecht». www.national-football-teams.com (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2018.