A Bridge Too Far

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
A Bridge Too Far
Uma Ponte Longe Demais (PRT/BRA)
 Estados Unidos
1977 •  cor •  176 min 
Direção Richard Attenborough
Produção Joseph E. Levine
Richard P. Levine
Coprodução Michael Stanley-Evans
Roteiro William Goldman
Elenco Dirk Bogarde
James Caan
Michael Caine
Sean Connery
Edward Fox
Género guerra
Música John Addison
Cinematografia Geoffrey Unsworth
Direção de arte Stuart Craig
Roy Stannard
Alam Tomkins
Figurino Anthony Mendleson
Edição Antony Gibbs
Distribuição United Artists
Idioma inglês
alemão
neerlandês
Página no IMDb (em inglês)

A Bridge Too Far (br / pt: Uma Ponte Longe Demais) é um filme norte-americano de 1977, do gênero guerra, dirigido por Richard Attenborough, com roteiro baseado no livro homônimo de Cornelius Ryan, adaptado por William Goldman.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O filme conta a história da Operação Market Garden, uma tentativa apenas parcialmente bem sucedida dos aliados de invadir através das linhas alemãs e dominar várias pontes nos Países Baixos, ocupados durante a II Guerra Mundial. O nome do filme vem de um comentário feito pelo tenente-general britânico Frederick Browning, comandante adjunto do Primeiro Exército Aerotransportado Aliado, que disse ao marechal-de-campo Bernard Montgomery antes da operação: "I think we may be going a bridge too far".[1][2]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

BAFTA 1978 (Reino Unido)

  • Venceu nas categorias de melhor fotografia, melhor trilha sonora e melhor ator coadjuvante (Edward Fox).
  • Recebeu o prêmio Anthony Asquith para música de filme.
  • Indicado nas categorias de melhor diretor, melhor filme, melhor montagem e melhor direção de arte.

Referências

  1. «A Bridge Too Far». Interfilmes. Consultado em 21 de março de 2015 
  2. «A Bridge Too Far». Filmow. Consultado em 21 de março de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]