Almutaqui

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Almutaqui
23º Califa Abássida
Dirrã de prata de Almutaqui com o nome do califa e de Bajcam
Reinado 940944
Antecessor(a) Arradi
Sucessor(a) Almostacfi
Dinastia Abássida
Filho(s) Alcadir
Pai Almoctadir

Almutaqui (Al-Muttaqi) foi o califa abássida entre 940 e 944.

História[editar | editar código-fonte]

O califado perdeu tanta importância nos anos anteriores que, quando o califa anterior, Arradi, morreu, Bajcam, o emir de emires, se contentou em despachar para Bagdá seu secretário, que reuniu os líderes locais para eleger um sucessor. A escolha caiu sobre o irmão do falecido califa e filho de Almoctadir, Almutaqui, que assumiu o cargo após alguns de vacância. O seu primeiro ato foi enviar um estandarte e uma veste de honra para Bajcam, uma confirmação desnecessária de que ele se manteria no cargo. Este, antes de retornar para Wasit, onde mantinha sua corte, saiu para caçar e terminou morto pelas mãos de rebeldes curdos. A capital novamente caiu em estado de anarquia na briga pelo poder. ibne Raique, o novo emir de emires, persuadiu o califa a fugir com ele para Moçul.

Almutaqui foi bem recebido ali pelos príncipes hamdanidas, que organizaram uma campanha para devolvê-lo à capital. Porém, seus objetivos eram puramente egoístas: eles assassinaram ibne Raique e, tendo adicionado suas posses na Síria às deles, se voltaram para Bagdá. O líder hamdanida, intitulado Nácer Aldaulá, marchou para a capital com o califa. Porém, por mais poderosos que fossem entre os árabes e por mais esplêndidas que fossem suas vitórias contra os bizantinos, eles encontraram muitas dificuldades para governar a capital por causa dos mercenários estrangeiros e das bem organizadas forças turcas na cidade.

E assim, em menos de um ano, os líderes hamdanidas foram forçados a voltar para Moçul, pois um general turco chamado Tuzum entrou triunfalmente em Bagdá e foi saudado como emir de emires. Porém, ações militares contra inimigos do califado o obrigaram a sair da capital e, neste período, uma nova conspiração colocou a vida do califa em perigo. E ele, impotente, recorreu novamente aos príncipes hamdanidas em busca de ajuda. As tropas enviadas permitiram que ele fugisse, primeiro para Moçul e depois para Nísibis.

Logo em seguida, selou-se a paz entre Tuzum e os líderes hamdanidas e Almutaqui se mudou para Raca - um fugitivo na cidade que por tantos foi a sede da ilustre corte de seus antepassados. Posteriormente, Almutaqui se submeteu a Tuzum, que jurou mantê-lo em segurança e ser-lhe fiel. Terminou deposto e cegado por ele. No mesmo dia, Tuzum alçou ao califado um primo de Almutaqui, Almostacfi ("Pra quem Alá é suficiente").

Ver também[editar | editar código-fonte]

Almutaqui
Nascimento:  ? Morte:  ?
Precedido por:
Arradi
Califa abássida
940–944
Sucedido por:
Almostacfi

Bibliografia[editar | editar código-fonte]