Aloysio Chaves

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Aloysio Chaves
Aloysio Chaves

Aloysio da Costa Chaves (Viseu, 25 de novembro de 1920 - Belém, 5 de outubro de 1994) foi um advogado e político brasileiro.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Diplomado em contabilidade pela Escola Técnica de Comércio de Belém e bacharel em Direito pela Universidade Federal do Pará, foi diretor da Faculdade de Direito e reitor da universidade.

Nomeado para o cargo de reitor da UFPA por meio do decreto presidencial de 26 de junho de 1969. Tomou posse no dia 4 de julho de 1969, permanecendo até junho 1973. Coordenou a implantação da Reforma Universitária. Na sua gestão, deu-se início à política de pós-graduação da UFPA para qualificação de professores, a criação do FIPAM por meio do Núcleo de Altos Estudos Amazônicos e o curso de mestrado e doutorado em Geofísica. Foram criados os Serviços de Atividades Musicais, de Educação Física, e construídos o Ginásio de Esportes do campus universitário. Vários cursos foram regularizados, como o de Geologia, Arquitetura, Administração, Física e Biblioteconomia. Foram criados os cursos de Licenciatura em Química Industrial e bacharelado em Ciências Biológicas, Filosofia, Nutrição e Psicologia. Nesse período, vários espaços físicos foram construídos para abrigar laboratórios, bibliotecas e auditórios.

Foi também deputado federal, senador e governador do estado do Pará.

Sua biblioteca particular encontra-se inserida no Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região, na Biblioteca Cássio Vasconcelos.

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.