Américo Lopes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Américo
Informações pessoais
Nome completo Américo Ferreira Lopes
Data de nasc. 6 de março de 1933
Local de nasc. Santa Maria da Feira, Flag of Portugal.svg Portugal
Altura 1.84 m
Apelido Guarda-Redes Suicida
Informações profissionais
Posição Guarda-redes
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1952–1969
1954–1958
Portugal Porto
Portugal Boavista
Seleção nacional
1964–1968 Flag of Portugal.svg Portugal

Américo Ferreira Lopes conhecido apenas como Américo (Santa Maria da Feira, 6 de Março de 1933) foi um ex-jogador de futebol que jogava na posição de goleiro e tinha o apelido de Guarda-Redes Suicida.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Américo passou a maior parte da sua carreira representando o Porto. Quando o FC Porto conquistou o título nacional da temporada 1958/59, sob o comando de Béla Guttmann, Américo tinha acabado de chegar ao clube, ele era o terceiro goleiro, mas Manuel Pinho e Acúrsio lhe permitiram realizar um jogo nessa temporada.

Na temporada 1963/64, o lugar de titular já era seu e assim se manteve durante os cinco anos seguintes. Como titular, conquistou ainda uma Taça de Portugal em 1968, tendo realizado uma exibição notável na final.

No final de 1969, com 36 anos, despediu-se do futebol.[2]

Seleção Nacional[editar | editar código-fonte]

Américo fez 15 jogos pela Seleção Portuguesa.[3] Ele foi um dos três goleiros que integraram o grupo dos 22 célebres "Magriços" que realizaram a campanha da Copa do Mundo de 1966 na Inglaterra.[4] Não foi utilizado, um fato que o treinador confessou se arrepender alguns anos mais tarde.

Regressaria à seleção em 1967, fazendo então nove jogos consecutivos. Só cederia o posto para o jovem Damas, no final de 1968.

Américo foi sem dúvida um dos melhores goleiros portugueses e isso é reconhecido com a frase escrita e referida por um autor de um livro dedicado às antigas glórias do FC Porto "Américo ia atrás da bola como um gato ia atrás de um rato".

Títulos[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «Américo :: Américo Ferreira Lopes ::». www.thefinalball.com (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2018 
  2. «ForaDeJogo.net - Américo (Américo Ferreira Lopes)». ForaDeJogo. Consultado em 19 de julho de 2018 
  3. «FIFA Tournaments - Players & Coaches - AMERICO». FIFA.com (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2018 
  4. «A lenda dos Magriços começou há 50 anos». Jornal Expresso