Cajobi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Cajobi
"Cidade Jardim"
Cajobi.jpg

Bandeira de Cajobi
Brasão de Cajobi
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 13 de maio
Fundação 13 de maio de 1901 (115 anos)
Gentílico cajobiense
Prefeito(a) Gustavo Sebastião da Costa
(2017–2020)
Localização
Localização de Cajobi
Localização de Cajobi em São Paulo
Cajobi está localizado em: Brasil
Cajobi
Localização de Cajobi no Brasil
20° 52' 48" S 48° 48' 32" O20° 52' 48" S 48° 48' 32" O
Unidade federativa  São Paulo
Mesorregião São José do Rio Preto IBGE/2008[1]
Microrregião Catanduva IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Severínia, Monte Azul Paulista, Embaúba, Tabapuã[2]
Distância até a capital 430 km
Características geográficas
Área 176,9 km² [3]
População 9 768 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 55,22 hab./km²
Altitude 565 m
Clima Subtropical Cfb
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,775 alto PNUD/2000[4]
PIB R$ 114 091 mil IBGE/2009[5]
PIB per capita R$ 11 398,85 IBGE/2009[5]
Página oficial

Cajobi é um município brasileiro do estado de São Paulo. Localiza-se na microrregião de Catanduva, na mesorregião de São José do Rio Preto. A cidade tem uma população de 9 768 habitantes (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística/2010)[3]. Localizada na região norte do estado, Cajobi fica a aproximadamente 430 quilômetros da capital estadual. Está a uma altitude de 565 metros. Com um clima subtropical, o município faz divisa com Severínia, Monte Azul Paulista, Embaúba e Tabapuã. Cajobi conta ainda com um distrito chamado Monte Verde.

História[editar | editar código-fonte]

Até o início do século XX, a região oeste do estado de São Paulo era habitada pelos índios caingangues, que foram desalojados a partir de então devido ao avanço da cafeicultura.[6] No começo do século XX, um grupo de condôminos que dividira a antiga fazenda "Bebedouro do Turvo" doou, sob a invocação de Nossa Senhora da Abadia, 32 alqueires de terra para a formação do povoado, que, inicialmente, deveria chamar-se Monte Verde. No local reservado à fundação do futuro povoado, levantaram um cruzeiro, com realização do primeiro terço em 13 de maio de 1901. Essa é considerada a data de fundação da cidade. O fundador, Mizael Anacleto de Sousa, mineiro de nascimento, morreu em 1907.

No dia 23 de dezembro de 1913, o povoado de Monte Verde passa a se chamar Cajobi, nome que tem origem na língua geral meridional e que designa as aves do gênero Pipile sp.[7][8]

Cajobi permaneceu como distrito do município de Olímpia até 30 de dezembro de 1926. A partir dessa data, torna-se um município e, portanto, passa a ter autonomia política[9].

Em 2017, o eleito Gustavo Sebastião da Costa assumiu a prefeitura em uma eleição ganha por 557 votos contra o antigo prefeito Italiano Barbarelli.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se a uma latitude 20º52'47" sul e a uma longitude 48º48'34" oeste, estando a uma altitude de 565 metros. Possui uma área de 176 quilômetros quadrados.

Demografia[editar | editar código-fonte]

Dados do Censo - 2010[3]

População Total: 9 768

  • Urbana: 9 133
  • Rural: 635
  • Homens: 5 025[10]
  • Mulheres: 4 743

Densidade demográfica (hab./km²): 55,22

Taxa de Alfabetização: 92,2%[11]

Dados do Censo - 2000

Mortalidade infantil até 1 ano (por mil): 13,79

Expectativa de vida (anos): 72,36

Taxa de fecundidade (filhos por mulher): 2,40

Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M): 0,775

  • IDH-M Renda: 0,674
  • IDH-M Longevidade: 0,789
  • IDH-M Educação: 0,862

(Fonte: IPEADATA)

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

Rodovias[editar | editar código-fonte]

Nativos ilustres[editar | editar código-fonte]


Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. [1]
  3. a b c d «Censo Populacional 2010 - IBGE» (PDF). IBGE.gov.br. Consultado em 30 de agosto de 2011 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2005-2009» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 29 dez. 2011 
  6. BUENO, E. Brasil: uma história. 2ª edição. São Paulo. Ática. 2003.
  7. NAVARRO, E. A. Dicionário de tupi antigo: a língua indígena clássica do Brasil. São Paulo. Global. 2013. p. 551.
  8. FERREIRA, A. B. H. Novo dicionário da língua portuguesa. Rio de Janeiro. Nova Fronteira. 1986. p. 507.
  9. «História de Cajobi». Prefeitura Municipal de Cajobi. Consultado em 13 de junho de 2012 
  10. «SIDRA IBGE - Tabela 608 - População residente, por situação do domicílio e sexo». IBGE. Consultado em 30 de agosto de 2011 
  11. «Taxa de Alfabetização 2010» (zip). Censo 2010 IBGE: Indicadores Sociais Municipais. IBGE.gov.br. Consultado em 13 de junho de 2012 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Cajobi