Campeonato Sul-Brasileiro de Futebol Amador

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O Campeonato Sul-Brasileiro de Futebol Amador é uma competição de futebol na categoria amadora, disputada anualmente desde 1988. Oficializado pela Confederação Brasileira de Futebol, reúne os campeões estaduais amadores de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. É organizado, dirigido e patrocinado pelas Federações destes estados.

Atualmente, o Sul-Brasileiro de Futebol Amador é organizado pela Federação Paulista de Futebol[1] que, em 2008, foi a promotora do evento pela primeira vez.

Sedes[editar | editar código-fonte]

A primeira edição da competição, em 1988, foi a única a reunir apenas dois participantes — Clube 15 de Novembro, do Rio Grande do Sul, e União Capão Raso, do Paraná[2] e também a única a ser disputada no sistema de ida e volta. O 15 de Novembro de Campo Bom (RS) foi o campeão, vencendo em casa por 2 a 1 e empatando a partida de Curitiba (PR) por 2 a 2.

A segunda edição, em 1989, foi a primeira a ter sede fixa, sendo realizada em Campo Bom, no Rio Grande do Sul. O campeão foi o Vila Fanny, de Curitiba. Em 1990, o campeonato foi realizado no Estádio do Pinheirão, em Curitiba (PR), sendo vitorioso o Nova Petrópolis, da cidade gaúcha de mesmo nome.

Em1991, Nova Petrópolis (RS) foi a sede do Sul-Brasileiro de Amadores. Vila Fanny foi novamente o campeão. Curitiba foi novamente sede do campeonato, disputado no Estádio Ismael Gabardo, em 1992. A edição marcou a estréia de equipes de Santa Catarina e São Paulo na competição. E o time anfitrião, Vila Fanny, conquistou o bicampeonato.

O campeonato de 1993 contou com a participação de quatro equipes, sendo duas do Paraná, após a desistência do representante paulista. Entretanto, apesar de ter saído vitorioso no confronto decisivo com o Vila Fanny, na última rodada, o Vila Rosa foi desclassificado por utilizar jogadores profissionais, o que não era permitido no regulamento do torneio. A equipe paranaense foi declarada campeã.

Santa Catarina recebeu a edição de 1994 do Sul-Brasileiro de Amadores, a qual foi realizada na cidade de São Miguel do Oeste. O Flórida, da cidade paranaense homônima, sagrou-se campeão. Em 1995, o Estádio Ismael Gabardo, pertencente ao Vila Fanny (que conquistou seu quinto título), mais uma vez sediou a competição. Em 1995, o Sport Club Ivoti conquistou o campeonato, realizado em Ivoti (RS).

A edição de 1997, realizada em Joinville (SC), teve o Sete de Setembro de Dois Irmãos como vencedor. Em 1998, duas cidades paranaenses sediaram o evento: Maringá e Flórida, sendo campeão o Vila Rosa de Dois Irmãos.

Em 1999, na cidade de Dois Irmãos (RS), pela primeira vez uma equipe catarinense conquistou o título. O vencedor foi o Juventude, de Lindóia do Sul, que conquistaria outros três títulos na sequência: 2000 em Lindóia do Sul (SC), 2001 em Curitiba e 2002 em Dois Irmãos.

No retorno do Campeonato Sul-Brasileiro de Amadores a São Miguel do Oeste, em 2003, o título ficou com o time mandante, o Guarani. Esta edição foi organizada pela Federação Catarinense de Futebol e os jogos foram realizados no Estádio Padre Aurélio Cansi. O Guarani seria também o campeão do ano seguinte, na competição realizada em Engenheiro Beltrão (PR), no Estádio João Cavalcante Menezes.

Em 2005, no Estádio Olmar de Carli, em Fagundes Varela, o Botafogo local foi o campeão. No ano seguinte, em Xanxerê (SC), o vencedor foi o Olaria local.

No ano de 2007, o campeonato foi disputado mais uma vez em Curitiba, no Estádio Francisco Muraro, campo do Trieste, clube que ficou com o título.[3] Em 2008, foi a vez do Americano de Novo Hamburgo sagrar-se campeão, em evento realizado em Guarulhos (SP).[4] Nesta edição, o Clube Atlético Loandense, campeão da Taça Paraná, abriu mão de sua vaga, que foi preenchida pelo vice-campeão Combate Barreirinha. O Show do Esporte de Tubarão também desistiu de participar, deixando Santa Catarina sem representantes na competição. Em seu lugar, foi incluído o Valtra de Mogi das Cruzes/SP.

A edição de 2009 foi realizada em Ibirubá, no Rio Grande do Sul, na cidade do Campeão Gaúcho de Amadores. O Grêmio Ibirubá foi o campeão vencendo na final o Juventude, de Lindóia do Sul[5], no Estádio Carlos Jacob Simon. Em terceiro lugar ficou o São Manoel (PR) e em quarto o Real, de Santo André (SP), que substituiu, como vice-campeão paulista, o Nacional da Vila Vivaldi, de São Bernardo do Campo, que desistiu da competição.

Em 2010 a competição foi realizada em Itapiranga, em Santa Catarina com as participações do Cometa (SC), campeão catarinense de 2009, Gramadense (RS), campeão gaúcho de 2009 e Urano (PR), campeão da 46º Taça Paraná de Futebol Amador mais o campeão paulista e o campeão paulista de 2009, a Valtra de Mogi das Cruzes/SP. O campeão foi o Gramadense (RS), ficando em segundo lugar o Cometa (SC), em terceiro o Urano (PR) e em quarto a Valtra de Mogi das Cruzes/SP.

O Estado do Paraná sediará a competição em 2011, Em Campo Largo, na qual, o seu representante, é o Campeão da Taça Paraná de 2011, Internacional Esporte Clube - Campo Largo - PR, que mandará os seus Jogos no Estádio Atílio Gionédis. Representando O Estado de Santa Catarina, da Cidade de Biguaçu, O Biguaçu Atlético Clube que foi Campeão Amador de Santa Catarina em 2010. Do Rio Grande do Sul, seu Representante é O Esporte Clube Academia do Morro - Porto Alegre - RS, Campeão Amador do Rio Grande do Sul em 2010. Do Estado de São Paulo, o Seu Representante é O União Vila Sá Futebol Clube - Santo André - SP, Campeão Amador de São Paulo em 2010. O Campeão foi o Internacional Esporte Clube (Paraná), o Vice-Campeão foi o Esporte Clube Academia do Morro (Rio Grande do Sul), o 3º Lugar foi o União Vila Sá Futebol Clube (São Paulo) e o 4º Lugar foi o Biguaçu Atlético Clube (Santa Catarina).

Agora é definitivo. O Caravaggio garantiu o inédito título do Campeonato Sul Brasileiro de Futebol Amador de 2014. No torneio realizado em novembro, o Ferroviários (SP) terminou em primeiro lugar e o time da Montanha ficou com a segunda colocação. Porém o clube paulista perdeu pontos no Tribunal de Justiça Desportiva de Santa Catarina (TJD-SC) por ter atuado com atletas irregulares. Não recorreu da decisão e a equipe de Nova Veneza foi confirmada campeã. Ainda falta a homologação pela Federação, mas não há mais possibilidade de mudança. A taça do Sul Brasileiro será transferida para o Caravaggio.

O vasco Jd paraiso de guarulhos é o primeiro time paulista a conquistar o torneio em 29 edições,torneio esse que foi realizado na cidade guarulhos em 2016, entrando para a historia do campeonato mais importante do futebol amador do brasil.....

Campeões[editar | editar código-fonte]

Ano Campeão Vice-Campeão Terceiro lugar Quarto lugar
1988
Detalhes
Rio Grande do Sul
15 de Novembro
(Campo Bom)
Paraná
União Capão Raso
(Curitiba)
- -
1989
Detalhes
Paraná
Vila Fanny
(Curitiba)
Rio Grande do Sul
Consuel
(Encantado)
Rio Grande do Sul
15 de Novembro
(Campo Bom)
-
1990
Detalhes
Rio Grande do Sul
Nova Petrópolis
(Nova Petrópolis)
Rio Grande do Sul
15 de Novembro
(Campo Bom)
Paraná
Vila Fanny
(Curitiba)
-
1991
Detalhes
Paraná
Vila Fanny
(Curitiba)
Rio Grande do Sul
Nova Petrópolis
(Nova Petrópolis)
Rio Grande do Sul
15 de Novembro
(Campo Bom)
Paraná
Trieste
(Curitiba)
1992
Detalhes
Paraná
Vila Fanny
(Curitiba)
São Paulo
Nossa Senhora Aparecida
(Igaraçu do Tietê)
Rio Grande do Sul
15 de Novembro
(Campo Bom)
Santa Catarina
Atlético de Ibirama
(Ibirama)
1993
Detalhes
Paraná
Vila Fanny
(Curitiba)
Santa Catarina
Pérola
(São Miguel do Oeste)
Paraná
Palmeira
(Palmeira)
Rio Grande do Sul
Vila Rosa
(Dois Irmãos)
1994
Detalhes
Paraná
Flórida
(Flórida)
Rio Grande do Sul
Nova Petrópolis
(Nova Petrópolis)
Santa Catarina
Pérola
(São Miguel do Oeste)
Paraná
Vila Fanny
(Curitiba)
1995
Detalhes
Paraná
Vila Fanny
(Curitiba)
Santa Catarina
Maravilha
(Maravilha)
Rio Grande do Sul
Nova Petrópolis
(Nova Petrópolis)
Paraná
Flórida
(Flórida)
1996
Detalhes
Rio Grande do Sul
Ivoti
(Ivoti)
Santa Catarina
América
(Joinville)
Paraná
Vila Fanny
(Curitiba)
Paraná
Flórida
(Flórida)
10ª 1997
Detalhes
Rio Grande do Sul
Sete de Setembro
(Dois Irmãos)
Santa Catarina
América
(Joinville)
Rio Grande do Sul
Ivoti
(Ivoti)
Paraná
Internacional
(Campo Largo)
11ª 1998
Detalhes
Rio Grande do Sul
Vila Rosa
(Dois Irmãos)
Rio Grande do Sul
Sete de Setembro
(Dois Irmãos)
Paraná
Flórida
(Flórida)
Santa Catarina
Metropol
(São Carlos)
12ª 1999
Detalhes
Santa Catarina
Juventude
(Lindóia do Sul)
Rio Grande do Sul
Vila Rosa
(Dois Irmãos)
Rio Grande do Sul
Ivoti
(Ivoti)
Paraná
Flórida
(Flórida)
13ª 2000
Detalhes
Santa Catarina
Juventude
(Lindóia do Sul)
Rio Grande do Sul
Sapiranga
(Sapiranga)
Santa Catarina
Olaria
(Xanxerê)
Paraná
Ypiranga
(Palmeira)
14ª 2001
Detalhes
Santa Catarina
Juventude
(Lindóia do Sul)
Rio Grande do Sul
Ivoti
(Ivoti)
Paraná
Combate Barreirinha
(Curitiba)
Santa Catarina
Olaria
(Xanxerê)
15ª 2002
Detalhes
Santa Catarina
Juventude
(Lindóia do Sul)
Paraná
Colombo
(Colombo)
Rio Grande do Sul
Vila Rosa
(Dois Irmãos)
Santa Catarina
Ajax
(Florianópolis)
16ª 2003
Detalhes
Santa Catarina
Guarani
(São Miguel do Oeste)
Santa Catarina
Juventude
(Lindóia do Sul)
Rio Grande do Sul
Taquarense
(Taquara)
Paraná
Combate Barreirinha
(Curitiba)
17ª 2004
Detalhes
Santa Catarina
Guarani
(São Miguel do Oeste)
Rio Grande do Sul
Juventude Operária
(Ibirubá)
Santa Catarina
Juventude
(Lindóia do Sul)
Paraná
Engenheiro Beltrão
(Engenheiro Beltrão)
18ª 2005
Detalhes
Rio Grande do Sul
Botafogo
(Fagundes Varela)
Santa Catarina
Olaria
(Xanxerê)
Santa Catarina
Guarani
(São Miguel do Oeste)
Paraná
Milan
(São José dos Pinhais)
19ª 2006
Detalhes
Santa Catarina
Olaria
(Xanxerê)
Paraná
Combate Barreirinha
(Curitiba)
Rio Grande do Sul
Sete de Setembro
(Dois Irmãos)
São Paulo
Santos/Hinomoto
(Presidente Prudente)
20ª 2007
Detalhes
Paraná
Trieste
(Curitiba)
Rio Grande do Sul
Americano
(Novo Hamburgo)
São Paulo
Parque das Nações
(Santo André)
Santa Catarina
Guarani
(São Miguel do Oeste)
21ª 2008
Detalhes
Rio Grande do Sul
Americano
(Novo Hamburgo)
Paraná
Combate Barreirinha
(Curitiba)
São Paulo
Valtra
(Mogi das Cruzes)
São Paulo
Estrela
(Guarulhos)
22ª 2009
Detalhes
Rio Grande do Sul
Grêmio Ibirubá
(Ibirubá)
Santa Catarina
Juventude
(Lindóia do Sul)
Paraná
São Manoel
(São Manoel)
São Paulo
Real
(Santo André)
23ª 2010
Detalhes
Rio Grande do Sul
Gramadense
(Gramado)
Santa Catarina
Cometa
(Itapiranga)
Paraná
Urano
(Curitiba)
São Paulo
Valtra
(Mogi das Cruzes)
24ª 2011
Detalhes
Paraná
Internacional
(Campo Largo)
Rio Grande do Sul
Academia do Morro
(Porto Alegre)
São Paulo
União Vila Sá
(Santo André)
Santa Catarina
Biguaçu
(Biguaçu)
25ª 2012
Detalhes
Rio Grande do Sul
Flamengo
(São Valentim)
Paraná
Internacional
(Campo Largo)
São Paulo
Boa Vista
(Diadema)
Santa Catarina
Olaria
(Xanxerê)
26ª 2013
Detalhes
Rio Grande do Sul
12 Horas
(Porto Alegre)
Santa Catarina
Mãe Luzia
(Criciúma)
Paraná
Iguaçu
(Curitiba)
São Paulo
Boa Vista
(Diadema)
27ª 2014
Detalhes
Santa Catarina
Caravaggio
(Nova Veneza)
Paraná
Bandeirantes
(Colombo)
Rio Grande do Sul
Serrano
(Canela)
São Paulo
Ferroviários
(Bragança Paulista)
28ª 2015
Detalhes
Santa Catarina
Rui Barbosa
(Morro da Fumaça)
São Paulo
Ferroviários
(Bragança Paulista)
Rio Grande do Sul
12 Horas
(Porto Alegre)
Paraná
Danúbio
(Guarapuava)
29ª 2016
Detalhes
São Paulo
Vasco do Jardim Paraíso
(Guarulhos)
Santa Catarina
Metropolitano
(Nova Veneza)
Paraná
Internacional
(Campo Largo)
Rio Grande do Sul
12 Horas
(Porto Alegre)
30ª 2017
Detalhes
Rio Grande do Sul
12 Horas
(Porto Alegre)
São Paulo
Botafogo do Jardim São José
(Suzano)
Santa Catarina
Xanxerê
(Xanxerê)
Paraná
Fanático
(Campo Largo)
31ª 2018
Detalhes
Santa Catarina
Metropolitano
(Nova Veneza)
São Paulo
Ferroviários
(Bragança Paulista)
Rio Grande do Sul
Serraria
(Santo Antônio da Patrulha)
Paraná
Iguaçu
(Curitiba)

Títulos por Equipe[editar | editar código-fonte]

Clube Estado Títulos Vices
Vila Fanny Paraná Paraná 5 (1989, 1991, 1992, 1993 e 1995) 0
Juventude Santa Catarina Santa Catarina 4 (1999, 2000, 2001, 2002) 2 (2003 e 2009)
Guarani Santa Catarina Santa Catarina 2 (2003 e 2004) 0
12 Horas Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 2 (2013 e 2017) 0
Nova Petrópolis Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 1 (1990) 2 (1991 e 1994)
15 de Novembro Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 1 (1988) 1 (1990)
Americano Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 1 (2008) 1 (2007)
Ivoti Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 1 (1996) 1 (2001)
Olaria Santa Catarina Santa Catarina 1 (2006) 1 (2005)
Sete de Setembro Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 1 (1997) 1 (1998)
Vila Rosa Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 1 (1998) 1 (1999)
Internacional Paraná Paraná 1 (2011) 1 (2012)
Botafogo Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 1 (2005) 0
Flórida Paraná Paraná 1 (1994) 0
Grêmio Ibirubá Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 1 (2009) 0
Trieste Paraná Paraná 1 (2007) 0
Gramadense Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 1 (2010) 0
Flamengo Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 1 (2012) 0
Caravaggio Santa Catarina Santa Catarina 1 (2014) 0
Rui Barbosa Santa Catarina Santa Catarina 1 (2015) 0
Vasco do Jardim Paraíso São Paulo São Paulo 1 (2016) 0
América Santa Catarina Santa Catarina 0 2 (1996 e 1997)
Combate Barreirinha Paraná Paraná 0 2 (2006 e 2008)
Metropolitano Santa Catarina Santa Catarina 0 1 (2016)
Ferroviários São Paulo São Paulo 0 1 (2015)
Bandeirantes Paraná Paraná 0 1 (2014)
Colombo Paraná Paraná 0 1 (2002)
Cometa Santa Catarina Santa Catarina 0 1 (2010)
Consuel Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 0 1 (1989)
Juventude Operária Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 0 1 (2004)
Mãe Luzia Santa Catarina Santa Catarina 0 1 (2013)
Maravilha Santa Catarina Santa Catarina 0 1 (1995)
Nossa Senhora Aparecida São Paulo São Paulo 0 1 (1992)
Pérola Santa Catarina Santa Catarina 0 1 (1993)
Sapiranga Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 0 1 (2000)
União Capão Raso Paraná Paraná 0 1 (1988)
Botafogo do Jardim São José São Paulo São Paulo 0 1 (2017)

Títulos por estado[editar | editar código-fonte]

Estado Títulos Vices
Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul 13 11
Santa Catarina Santa Catarina 9 10
Paraná Paraná 8 6
São Paulo São Paulo 1 3

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]