Capivari de Baixo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Capivari de Baixo
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Capivari de Baixo
Bandeira
Hino
Gentílico capivariense
Localização
Localização de Capivari de Baixo em Santa Catarina
Localização de Capivari de Baixo em Santa Catarina
Mapa de Capivari de Baixo
Coordenadas 28° 26' 42" S 48° 57' 28" O
País Brasil
Unidade federativa Santa Catarina
Municípios limítrofes Laguna, Tubarão, Gravatal, Pescaria Brava
Distância até a capital 142 km
História
Fundação 30 de março de 1992 (28 anos)
Administração
Prefeito(a) Nivaldo Souza (PSB, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [1] 53,165 km²
População total (Censo IBGE/2010[2]) 21 689 hab.
Densidade 408 hab./km²
Clima subtropical
Altitude 12 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2000 [3]) 0,812 muito alto
PIB (IBGE/2008[4]) R$ 188 351,305 mil
PIB per capita (IBGE/2008[4]) R$ 9 036,67

Capivari de Baixo é um município brasileiro do estado de Santa Catarina. Localiza-se a uma latitude 28º26'41" sul e a uma longitude 48º57'28" oeste, estando a uma altitude de 12 metros. Sua população estimada em 2010 era de 21.689 habitantes, com área de 53.165 km². Capivari de Baixo está situado na região da AMUREL (Associação de Municípios da Região de Laguna) que é composta por 17 municípios, cujo centro é Tubarão.

Energia termelétrica[editar | editar código-fonte]

Capivari de Baixo é sede do Complexo Termoelétrico Jorge Lacerda (Tractebel Energia), considerado o maior complexo termoelétrico a carvão da América Latina. O Complexo Termoelétrico pode ser visto às margens da rodovia BR-101. Capivari de Baixo também é conhecida como a capital termoelétrica da América Latina. Baseado em tecnologias italiana, alemã e tcheca, o complexo termoelétrico também contribui em outros ramos da atividade industrial, como o desenvolvimento da região carbonífera do estado e o incremento da Estrada-de-ferro Dona Teresa Cristina.

O complexo é formado por três usinas térmicas, com potência total de 853 MW. Fazia parte do parque gerador da estatal Eletrosul, juntamente com outras duas usinas térmicas, três usinas hidrelétricas e duas usinas em construção. Todo o parque foi privatizado no segundo mandato da gestão do presidente Fernando Henrique Cardoso.

Clima[editar | editar código-fonte]

Segundo o instituto Koppen, Capivari de Baixo possui clima mesotérmico úmido, sem estação seca e com as quatro estações bem definidas. A temperatura varia de 38ºC (janeiro) à 0ºC (julho), com média anual de 19ºC. A umidade relativa do ar apresenta média de 80%. Os ventos dominantes são quadrante nordeste, porém o vento sul que sopra no inverno atinge maior velocidade. [5]

Referências

  1. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  2. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  3. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  4. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  5. PM de Capivari de Baixo (http://www.capivaridebaixo.sc.gov.br/conteudo/?item=15216&fa=2557)

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios de Santa Catarina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Capivari de Baixo