Chechenos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Checheno
Нохчий
Flag of the Chechen Republic.svg
Bandeira da República da Chechênia
RIAN archive 908389 Victory Day parade in Russian Regions.jpg
Chechenos veteranos da Segunda Guerra Mundial
População total

Cerca de 2 milhões

Regiões com população significativa
 Rússia 1 431 360 [1]
União Europeia 130 000 (2009)
 Turquia 100 000
Cazaquistão 32 894
Jordânia 12 mil a 30 mil
 Iraque 11 000
 Geórgia 10 100 incluindo o povo kist
Línguas
Checheno
Religiões
Islã sunita
Etnia
Caucasianos
Grupos étnicos relacionados
Outros povos Nakh (Inguches, Bates et Kistes)

Os chechenos constituem um grupo étnico caucasiano originário da região da Ciscaucásia. O isolado buraco montanhoso do Cáucaso contribuiu muito na formação de uma identidade nacional entre os chechenos.

Os chechenos são um povo nativo da vertente norte das Montanhas do Cáucaso. Habitam maioritariamente a República da Chechénia, uma das repúblicas da Rússia. São um grupo étnico ou povo com mais de um milhão de pessoas e com igual número de falantes da sua língua - o checheno. O autónimo étnico ou auto-etnónimo dos chechenos (nome pelo qual se denominam) é nwokhchi e o autónimo da sua língua ou auto-glossónimo é nwokhchin muott.

Durante a década de 90 do século XX, a Chechénia foi independente de fato da Rússia, durante alguns anos, no entanto, nunca foi independente de jure, pois não houve nenhum país ou organização internacional, caso da Organização das Nações Unidas (ONU), que reconhecesse a sua independência. Após duas guerras entre o exército do movimento independentista checheno e o exército russo, em que este ganhou na última, atualmente é uma república da Rússia ou Federação Russa.[2]

Chechenos(Tschetschenzen). Europa 1400 H. Kieperts Historischer Schulatlas, 1879
Chechenos(Tschetschenzen). Europa 1400 H. Kieperts Historischer Schulatlas, 1879

Referências[editar | editar código-fonte]